Facebook reduz qualidade de vídeo na América Latina - Portal Plural
Connect with us

Tecnologia

Facebook reduz qualidade de vídeo na América Latina

Medida visa reduzir congestionamento de redes

Publicado

em

© Marcello Casal Jr/Agência Brasi

Academia Personatopo humbeto pluralFAST AÇAÍNuvera

O Facebook vai reduzir qualidade de streaming de vídeo em sua plataforma e no Instagram na América Latina, replicando medidas adotadas para as atividades da empresa na Europa. A medida vem para reduzir congestionamento de dados em uma região que está começando a sentir os efeitos da pandemia de covid-19.

No domingo, o Facebook acompanhou medidas tomadas por Netflix, YouTube, Amazon e Walt Disney no sentido de reduzir congestionamento de dados da internet na Europa uma vez que milhões de pessoas estão com recomendação para não saírem de casa ou em regime de trabalho remoto.

“Para ajudar a aliviar as redes neste período de alta demanda devido à pandemia de covid-19, vamos reduzir temporariamente a resolução em bits dos vídeos no Facebook e Instagram na América Latina”, afirmou o Facebook em comunicado.

“Queremos garantir que as pessoas possam permanecer conectadas…e continuaremos trabalhando com nossos parceiros para administrar qualquer limitação de transmissão de dados”, acrescentou a empresa.

A plataforma de streaming GloboPlay anunciou que a transmissão de vídeos em 4K e em alta definição será temporariamente suspensa a partir desta segunda-feira.

Questionada sobre planos sobre redução da qualidade do streaming no Brasil, como adotado na Europa, a Netflix afirmou que “vai continuar a trabalhar com os provedores de internet e governos de todo mundo e que vai aplicar estas mudanças em outras regiões, se necessário”.

ebc

Compartilhe
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Destaque

Pesquisadores desenvolvem cão-robô para coletar ar tóxico em ambientes perigosos

Publicado

em

whatsapp image 2024 06 13 at 17.21.57
Foto: Divulgação/ Bin Hu
Nuveratopo humbeto pluralFAST AÇAÍAcademia Persona

Pesquisadores criaram um robô canino capaz de coletar partículas de ar para análise da composição atmosférica em ambientes potencialmente perigosos. Equipado com um braço articulado, o dispositivo pode acessar locais inacessíveis aos humanos.

Durante os testes, o protótipo foi enviado a aterros sanitários, sistemas de esgoto, áreas de incêndio e depósitos de produtos químicos, onde coletou amostras de ar para detectar compostos orgânicos voláteis (VOCs) perigosos. O estudo, publicado na revista Analytical Chemistry da ACS, descreve detalhadamente os testes realizados com o robô.

Realizando tarefas que seriam arriscadas para técnicos humanos, o robô acessa ambientes com ar potencialmente tóxico e retorna as amostras para um espectrômetro de massa portátil, que permite a análise imediata da composição das amostras. O estudo demonstrou que o dispositivo realiza essas operações em menos tempo do que seria necessário para transferir as amostras a um laboratório externo.

No futuro, a equipe planeja desenvolver sistemas móveis de detecção de gases perigosos e VOCs, integrando-os a dispositivos controlados remotamente, como drones aéreos e pequenas embarcações.

Fonte: CNN Brasil

Compartilhe
[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Tecnologia

Robô com IA ajuda a combater o desperdício de água e vazamentos em cidades brasileiras

Publicado

em

portal plural robô com ia ajuda a combater o desperdício de água e vazamentos em cidades brasileiras
Foto: Cesa/ES
Academia Personatopo humbeto pluralFAST AÇAÍNuvera

Uma nova iniciativa tecnológica está revolucionando o combate ao desperdício de água e vazamentos em diversas cidades brasileiras. Trata-se de um robô equipado com inteligência artificial (IA), que já está em pleno funcionamento no Espírito Santo, em São Paulo, no Ceará, na Bahia, na Paraíba e no Distrito Federal.

Este robô opera diretamente nas tubulações, dispensando a necessidade de cortes ou grandes aberturas no asfalto. Seu sistema é controlado remotamente, garantindo uma intervenção precisa e eficiente.

Desenvolvida com tecnologia alemã, a máquina é avaliada em cerca de R$ 10 milhões, de acordo com informações da Companhia Espírito-santense de Saneamento (Cesan). Ela representa um Método Não-Destrutivo (MND) para substituição de redes de água, reduzindo consideravelmente os prejuízos causados por vazamentos.

Apesar de suas dimensões compactas, o robô, com aproximadamente 1 metro de altura, é dotado de alta inteligência e eficácia. Controlado por um técnico através de um computador com controle remoto, o equipamento é capaz de identificar e corrigir vazamentos, utilizando uma peça semelhante a um plástico, aquecendo-a para reparar danos na tubulação.

Uma das vantagens mais notáveis desse sistema é a sua capacidade de realizar os reparos sem a necessidade de interdição das ruas, tornando o processo de manutenção mais ágil e menos disruptivo para a comunidade.

O projeto está em fase de expansão pelo país, embora, segundo o presidente da Cesan do Espírito Santo, Munir Abud de Oliveira, ainda existam poucas unidades em operação. No estado capixaba, o robô está focado exclusivamente na recomposição da rede de água, contribuindo diretamente para a preservação dos recursos hídricos e a redução do desperdício.

Dados fornecidos pela empresa capixaba revelam que aproximadamente 40% da água tratada é perdida devido a vazamentos e ligações clandestinas, conhecidas como “gatos”, evidenciando a urgência e a importância desse tipo de tecnologia no contexto atual.

Fonte: Só notícia boa

Compartilhe
[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Geral

Apple tem oportunidade de tornar o iPhone mais atrativo nesta semana

Publicado

em

portal plural apple tem oportunidade de tornar o iphone mais atrativo nesta semana
Foto: Divulgação/ Apple
topo humbeto pluralNuveraAcademia PersonaFAST AÇAÍ

A Apple, não deu um grande motivo para comprar um iPhone atualizado nos últimos quatro anos. A última grande alteração nos celulares ficou com o iPhone 12 e conectividade 5G. Mas, isso pode mudar nessa semana.

O iPhone gerou mais da metade da receita total da empresa no ano passado, mas o crescimento das vendas perdeu ritmo. Isso porque, os clientes tendem a demorar mais para comprar novos modelos, já que os telefones se parecem.  Mas têm sido especialmente dolorosos para a Apple. Já que a companhia enfrenta desafios cada vez maiores, que também incluem uma concorrência acirrada no principal mercado da China e um processo antitruste histórico.

A Apple deve anunciar novos recursos de inteligência artificial (IA) em sua Conferência Mundial de Desenvolvedores anual nesta segunda-feira (10).A nova tecnologia pode turbinar as vendas dos celulares da marca, trazendo a empresa de volta à competição nos mercados ao redor do mundo. E nenhum produto é mais importante para a Apple do que o iPhone.

Novos recursos de IA que fornecem um motivo convincente para atualização quando a Apple lançar o iPhone 16 no outono (primavera no Brasil) podem impulsionar a empresa em um momento crucial. O problema é o seguinte: não importa como seja a segunda-feira, a Apple não perderá seu status de potência tecnológica tão cedo.

A empresa faturou mais de US$ 200 bilhões apenas com as vendas do iPhone no ano passado. Suas ações subiram 9% em relação ao ano passado e ela possui um negócio de serviços saudável, que ajuda a equilibrar parte da sazonalidade das vendas de hardware. Mas analistas dizem que revigorar as vendas do iPhone é fundamental para o crescimento contínuo da Apple.

Aguardando o iPhone IA

Há anos que a Apple inclui IA nos seus produtos de formas pequenas e muitas vezes invisíveis que, no entanto, facilitam a vida dos seus fãs. Mas agora a Apple está preparada para apresentar suas atualizações de IA mais voltadas para o consumidor.

Espera-se que a empresa anuncie na segunda-feira novos recursos generativos de IA para iOS, o que poderia beneficiar especialmente seu assistente pessoal Siri. A Siri com tecnologia de IA poderia executar tarefas específicas, como relembrar uma foto tirada anos atrás no dispositivo ou responder perguntas detalhadas sobre o clima, notícias ou curiosidades.

Com o tempo, ela poderia aprender as preferências e até mesmo a personalidade do usuário e responder de acordo com isso.

Agora, existe pressão para que a gigante do iPhone impressione as pessoas com recursos que vão além do que concorrentes como Samsung e Microsoft já introduziram para seus smartphones e computadores.

Fonte: CNN Brasil

Compartilhe
[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Trending

×

Entre em contato

×