Oficinas e palestras são realizadas pelo IFFAR em Semana Acadêmica no 33º Hortigranjeiros – Portal Plural
Connect with us

Geral

Oficinas e palestras são realizadas pelo IFFAR em Semana Acadêmica no 33º Hortigranjeiros

Pável Bauken

Publicado

em



 

O Eixo de Alimentos do Instituto Federal Farroupilha, Campus Santa Rosa, está promovendo de forma inédita sua Semana Acadêmica, inserida e aberta à comunidade local, ao longo da programação do 33º Encontro Estadual de Hortigranjeiros.

Na primeira noite do evento acadêmico realizou-se oficina prática de preparo de Cookies, com farinha de casca de laranja, seguido por palestra sobre Inovações tecnológicas e Novas Tendências em Alimentos, com explanações dos professores Mauriceia Greice de Oliveira e Rodrigo Magnos Soder, do campus de Santa Rosa. Durante a palestra, foram abordados tópicos como excelência e qualidade na produção de alimentos.

Soder destaca a importância do mercado de alimentos no Brasil, o qual movimenta mais de oito bilhões de reais, mas que mais de 90% são de produtos iguais aos encontrados em qualquer local do mundo, inovando em apenas 2% da cadeia produtiva, por isso o espaço gigante para se avançar e crescer nesse campo regionalmente.

A programação de eventos segue nesta quinta-feira, com a apresentação de trabalhos dos alunos de pós-graduação em Gestão da Qualidade e novas tendências em Alimentos, e na sexta-feira, 11 de Outubro, com oficinas de petiscos sem glúten e lactose, encerrando com palestra sobre Probióticos, com a presença da Doutora Angela Maria Fiorentini, da Universidade Federal de Pelotas.

Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Geral

Restam 10 dias para pagamento do IPVA com o desconto de janeiro

Reporter Global

Publicado

em



 

 

No dia 29 de janeiro se encerra o período de pagamento do IPVA 2021 com descontos que podem chegar a 22,4%. Quem pagar o tributo ainda neste mês garante redução de 3% pela antecipação.

 

 

Para chegar no desconto máximo, é preciso somar os benefícios de Bom Motorista (15% para três anos sem infrações de trânsito) e Bom Cidadão (5% para 150 ou mais notas fiscais com CPF).

O tributo pode ser quitado em qualquer agência, pontos de atendimento ou via home banking (internet) dos bancos Banrisul, Bradesco, Sicredi e Santander. É possível também fazer o pagamento nas lotéricas da Caixa e no Banco do Brasil (somente para clientes).

A taxa de licenciamento e multas, se houver, podem ser pagas separadamente do IPVA, mas o proprietário precisa estar atento às datas de vencimento de cada uma das obrigações. Para quitar o IPVA, é necessário apresentar o Certificado de Registro e Licenciamento do Veículo (CRLV) ou a placa e o Renavam do veículo.

Os dados relativos ao veículo como o valor do IPVA, multa e pendências, se houver, podem ser acessados no site www.ipva.rs.gov.br ou por meio do aplicativo do tributo (IPVA RS) disponível gratuitamente para dispositivos móveis nas lojas App Store e Google Play.

 

 

Desconto do Bom Motorista

Benefícios para bons motoristas variam em três faixas, conforme o período sem infrações cometidas no trânsito:

• Para condutores que não tiveram registro de infrações nos sistemas de informações do Estado entre 1° de novembro de 2017 e 31 de outubro de 2020 (três anos), a redução é de 15%.

• Quem não teve multa depois de 1° de novembro de 2018 (dois anos) recebe desconto de 10%.

• Quem está sem receber multa apenas depois de 1° de novembro de 2019 (um ano), garante direito a abatimento de 5%.

Desconto do Bom Cidadão

Também em três faixas, a redução no valor do IPVA pelo desconto do Bom Cidadão resulta da participação do contribuinte (pessoa física) no programa Nota Fiscal Gaúcha (NFG) e a solicitação de CPF nas notas fiscais na hora da compra:

• O desconto máximo, de 5%, beneficia quem tiver 150 notas ou mais.

• A redução é de 3% para quem pediu CPF de 100 a 149 notas.

• O abatimento fica em 1% para quem tem no seu CPF entre 51 e 99 documentos fiscais registrados.

 

 

IPVA 2021

Quem precisa pagar: proprietários de veículos automotores fabricados a partir de 2002.

Como pagar: proprietário deve apresentar o Certificado de Registro e Licenciamento do Veículo (CRLV) ou a placa do veículo e o Renavam. A taxa de licenciamento e as multas podem ser pagas separadamente do IPVA.

Onde pagar: Banrisul, Bradesco, Santander, Sicredi, Caixa (lotéricas) e Banco do Brasil (somente para clientes). Há possibilidade de pagamento on-line por meio dos serviços de home banking dos bancos credenciados.

 

 

FONTE: Estado.rs.gov.br

[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Geral

Governador gaúcho sanciona lei de reestruturação de secretarias estaduais

Reporter Global

Publicado

em

A medida visa reduzir gastos, desburocratizar e acelerar processos, além de racionalizar o atendimento a seus públicos. Foto: Felipe Dalla Valle/Palácio Piratini

 

 

O governador Eduardo Leite sancionou, na terça-feira (19), PLC (Projeto de Lei Complementar) 249/2020, que faz reestruturação de secretarias de Estado.

 

 

A medida visa reduzir gastos, desburocratizar e acelerar processos, além de racionalizar o atendimento a seus públicos. A agora Lei Complementar Nº 15.595 foi publicada em edição extra do Diário Oficial.

Entre as mudanças, está a fusão das secretarias de Planejamento, Orçamento e Gestão com a de Governança e Gestão Estratégica. A integração resulta na SPGG (Secretaria de Planejamento, Governança e Gestão).

Com a saída de Leany Lemos do governo, no dia 29 de maio, que estava à frente da Seplag e foi confirmada na direção do BRDE (Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul), o governo optou por unificar as pastas. O governador Leite definiu o secretário Claudio Gastal, então responsável pela SGGE, como titular da nova estrutura.

Outra mudança envolve a até então Sedetur (Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Turismo), liderada por Rodrigo Lorenzoni, que foi dividida em duas pastas: Secretaria de Turismo e Secretaria de Desenvolvimento Econômico.

O atual secretário segue à frente das duas pastas até a definição do novo titular de Desenvolvimento Econômico. Após, ficará como secretário de Turismo.

 

 

FONTE: O Sul

[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Geral

INSS prorroga a suspensão da prova de vida até o fim de fevereiro

Reporter Global

Publicado

em

Todos os anos, beneficiários do INSS precisam comprovar ao governo que estão vivos Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

 

 

O INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) prorrogou até o fim de fevereiro o prazo de suspensão da prova de vida para aposentados e pensionistas, segundo portaria publicada nesta quarta-feira (20) no Diário Oficial da União.

Com a medida, pagamentos que dependem do procedimento não serão suspensos até o fim de março, informou o INSS. A suspensão da prova de vida iniciou em março de 2020, quando começaram as medidas de isolamento social para conter a disseminação do coronavírus. A previsão era de que a prova voltaria a ser exigida no início de 2021.

A nova portaria prorroga a interrupção de cortes de benefícios por mais duas competências, referentes a janeiro e fevereiro deste ano. A prorrogação vale para os beneficiários residentes no Brasil e no exterior.

A lei prevê que, todos os anos, beneficiários do INSS precisam comprovar ao governo que estão vivos. Essa comprovação é sempre presencial e pode ser feita na instituição bancária em que o aposentado ou pensionista recebe o benefício, em uma agência do INSS, em embaixadas e consulados ou na casa de aposentados e pensionistas com dificuldade de locomoção.

Quem não faz a comprovação no prazo tem o pagamento bloqueado, suspenso ou cessado. O procedimento tem como principal objetivo evitar fraudes e pagamentos indevidos.

A portaria publicada nesta quarta pelo INSS afirma que a suspensão da prova da vida não prejudica “a rotina e obrigações contratuais estabelecidas entre este Instituto e a rede bancária pagadora de benefícios, devendo a comprovação de vida junto à rede bancária ser realizada normalmente”.

Militares

Também nesta quarta-feira foi suspensa a atualização cadastral para a prova de vida de militares inativos, pensionistas de militares, militares anistiados políticos e dependentes habilitados até 30 de junho.

 

 

FONTE: O Sul

[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

ENQUETE

Trending

© 2020 PORTALPLURAL.COM.BR Todos os direitos reservados.


error: Conteúdo protegido, para ter acesso seja nosso parceiro entre em contato no whats (55) 984161736
×