Vicini pede a renúncia de Vicini – Portal Plural
Connect with us

Destaque

Vicini pede a renúncia de Vicini

Publicado

em



 

Prefeito Alcides Vicini disse em entrevista ao Portal Plural, que no ano de 2020 estaria encerrando sua carreira na política, após concluir seu quinto mandato de prefeito de Santa Rosa, também falou sobre uma possível renuncia ainda nesse ano de 2019, “Eu até tinha a ideia de sair um pouco antes, já conversei com algumas pessoas sobre isso e decidi ficar até o final do mandato”, disse Alcides Vicini.

Durante o programa Conexão, Leonardo Vicini convocou os ‘Vicinistas’ a ajudarem convencer seu pai a renunciar ainda em 2019, dentro do prazo legal para poder concorrer a vereador de Santa Rosa em 2020, “Quando ocorreu os boatos que poderia ocorrer a renuncia, fiquei alegre, pelo fato do vice-prefeito Benvegnú uma pessoa incrível poderia mostrar em um ano sua cara como prefeito, ele está pronto para isso e também eu imaginei que poderia concorrer a vereador e percebi que quero isso, não estou falando mal de nossos vereadores, mas eu poderia dar minha contribuição”, disse Leonardo.

Leonardo então fez uma convocação, “Você que quer o ‘Vicininho’ na Câmara de Vereadores e é um ‘Vicinista’ tem tempo de convencer o prefeito a dar uma chance para o Benvegnú e eu estarei no jogo, pensam nisso e me ajudem a convencer ele” finalizou Leonardo Vicini.

Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Destaque

Grêmio anuncia a saída do técnico Felipão após derrota para o Santos

Publicado

em



 

Treinador deixa o clube após 21 jogos e na penúltima posição do Brasileirão

 

Luiz Felipe Scolari não é mais técnico do Grêmio. O ídolo tricolor não resistiu à derrota para o Santos neste domingo, na Vila Belmiro, que manteve o time na zona de rebaixamento do Brasileirão, e deixou o clube em “comum acordo”. O anúncio foi feito na madrugada desta segunda-feira.

A decisão foi tomada após reunião em São Paulo. O treinador vem de uma sequência de quatro jogos sem vitória (derrotas para Athletico, Sport e Santos e empate com o Cuiabá) e enfrentava um ambiente de pressão interna e externa. Horas antes, ainda em Santos, o presidente Romildo Bolzan Jr. foi questionado sobre o futuro do treinador e não bancou sua manutenção no cargo.

Junto com Felipão deixam o Grêmio os auxiliares Carlos Pracidelli e Paulo Turra e o preparador físico Anselmo Sbragia. O time será comandado interinamente pelo auxiliar Thiago Gomes na próxima quarta-feira, contra o Fortaleza.

A quarta passagem do técnico pelo clube do coração foi iniciada em 7 de julho, quando foi contratado no lugar de Tiago Nunes e assinou vínculo até o fim de 2022. Apesar dos números razoáveis, as fracas atuações e o risco cada vez maior de rebaixamento deixaram a pressão insustentável.

Felipão estreou no empate em 0 a 0 no Gre-Nal 433. Ao todo, comandou o time por 21 partidas. Foram nove vitórias, três empates e nove derrotas, com 47,6% de aproveitamento. O time marcou 22 gols e sofreu 23 no período.

Na “Era Felipão”, algumas situações ficaram marcadas. Rafinha acabou fixado na lateral esquerda. Gabriel Chapecó chegou a desbancar Brenno, mas a hierarquia foi alterada contra Cuiabá e Santos.

Alisson, apesar da contestação que sofre por parte da torcida, seguiu com prestígio, assim como Douglas Costa, principal contratação da temporada, mas que não mostrou o esperado até o momento. Campaz, reforço contrato por R$ 21 milhões, recebeu poucas oportunidades.

Felipão pelo Grêmio

21 jogos
9 vitórias
3 empates
9 derrotas
22 gols pró
23 gols contra
47,6% de aproveitamento

A queda do comandante do pentacampeonato pela Seleção em 2002 ocorre dias após Scolari alcançar mais um feito pelo Tricolor. No empate com o Cuiabá, o profissional superou Oswaldo Rolla, o Foguinho, ao completar 384 jogos à frente do time e virar o segundo técnico com mais partidas pelo Grêmio. O primeiro é Renato Portaluppi, com 411.

Felipão foi o terceiro treinador do Grêmio na temporada. Antes, o clube teve Renato Gaúcho e Tiago Nunes, sem contar os interinos. Agora a direção procura um substituto ao ídolo para liderar o time no restante do Brasileirão e tentar manter a equipe na elite nacional em 2022.

Confira a nota oficial do Grêmio:
“O Grêmio Foot-Ball Porto Alegrense informa que, após reunião esta noite, chegou a um comum acordo com o técnico Luiz Felipe Scolari para o encerramento do vínculo. Felipão deixa o Grêmio com os auxiliares Carlos Pracidelli e Paulo Turra e o preparador físico Anselmo Sbragia.

Nesta quarta passagem pelo Tricolor, o técnico bicampeão da América tornou-se o segundo treinador com mais jogos à frente do Grêmio, completando 385 jogos na casamata. No último mês, perpetuou-se na história gremista ao marcar seu nome na Calçada da Fama.

O Clube agradece o comprometimento e respeito do técnico e sua equipe com a instituição durante o período de trabalho. Ao mesmo tempo, Luiz Felipe deixa registrado o seu agradecimento ao Grêmio: “E continuarei sendo gremista, como sempre fui e sempre serei”.

 

FONTE: GE

[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Destaque

Continua vacinação para pessoas acima dos 14 anos (1ª dose) em Santa Rosa

Publicado

em



A fundação Municipal de Saúde de Santa Rosa, continua, nesta segunda-feira, 11, a vacinação da 1ª dose da vacina contra a COVID-19, para pessoas a partir dos 14 anos de idade.

Para vacinar é preciso fazer o agendamento prévio por telefone, presencial, ou conforme o gerenciamento dos Postos de Saúde, até acabar o estoque.
As segundas doses e a dose de reforço também devem ser agendadas.

[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Destaque

Petrobras reajusta gasolina e gás de cozinha

Publicado

em



A Petrobras anunciou reajustes para o GLP, o gás de cozinha, e para a gasolina tipo A. O reajuste médio do GLP será de R$ 0,26, com o quilo passando de R$ 3,60 para R$ 3,86. O litro da gasolina nas distribuidoras passará de R$ 2,78 para R$ 2,98. Os reajustes valem a partir de amanhã (9).
A gasolina tipo A corresponde a 73% da gasolina comum que chega ao consumidor. Os 23% restantes são de etanol. Segundo a Petrobras, a parcela no preço da gasolina na bomba passará a ser, em média, de R$ 2,18 por litro. Uma alta de R$ 0,15.
O preço médio do GLP para as distribuidoras passará de R$ 3,60 para R$ 3,86 por kg, equivalente a R$ 50,15 por 13 kg, refletindo reajuste médio de R$ 0,26 por kg.
Segundo a Petrobras, o GLP não era reajustado há 95 dias. O último aumento do litro da gasolina tipo A ocorreu há 58 dias.

[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Trending

PLURAL AGÊNCIA DE PUBLICIDADE LTDA
ME 33.399.955/0001-12

© 2021 PORTALPLURAL.COM.BR Todos os direitos reservados.


×

Entre em contato

×