Temporal em São Luiz Gonzaga desalojou 400 pessoas e levou a cidade a decretar situação de emergência
Connect with us

Clima/Tempo

Temporal em São Luiz Gonzaga desalojou 400 pessoas e levou a cidade a decretar situação de emergência

Publicado

em

portal plural temporal em são luiz gonzaga desalojou 400 pessoas e levou a cidade a decretar situação de emergência
Foto: Divulgação/ Brigada Militar

NuveraAcademia Persona15 topo humberto pluralbanner plano0 goldFAST AÇAÍ

O temporal que atingiu São Luiz Gonzaga na noite de sábado (15) causou estragos significativos e deixou pelo menos 400 pessoas desalojadas, levando o município a decretar situação de emergência. Cerca de 1,2 mil casas foram danificadas, assim como seis escolas, duas unidades básicas de saúde, o museu arqueológico e a sede da cooperativa Coopatrigo. Este novo decreto de emergência segue um documento anterior, emitido em 31 de maio, devido ao volume de chuvas que danificou estradas e prejudicou a colheita da soja. No domingo (16), a nova emergência foi destacada para chamar a atenção do Estado e da União.

Segundo a Defesa Civil, São Luiz Gonzaga foi atingido por uma microexplosão climática, um fenômeno que ocorre quando uma tempestade intensa com granizo, raios e rajadas de vento desce das nuvens em linha reta, afetando uma pequena área de quatro a seis quilômetros de raio. Este evento ocorreu devido ao encontro de uma massa de ar quente e úmida com uma massa de ar frio que entrou na região na madrugada de sábado. “Quando há esse choque de temperaturas, sempre há possibilidade de microexplosões”, explicou o tenente Cristiano Machado, coordenador da 5ª Coordenadoria Regional da Defesa Civil.

A zona leste da cidade, com 34,7 mil habitantes, foi a mais afetada, atingindo oito bairros. Um armazém da Coopatrigo, uma das maiores cooperativas da região, foi quase completamente destruído, sem estimativa de perdas até o momento. Os moradores relataram que tudo aconteceu muito rápido.

“Veio aquele tufão e só deu tempo de ver as pessoas gritando, árvores caindo, as estruturas metálicas do armazém indo tudo para o chão, uma barulheira. Foi bem assustador, tenebroso”, relembra Bernardo Silveira Urach, laboratorista.

Segundo o prefeito, Sidnei Brondani, a cidade ainda não tem uma estimativa total das perdas, mas os prejuízos são esperados ser altos. “A iniciativa privada, empresas, prédios quase novos foram para o chão. O armazém da cooperativa é o maior exemplo, mas temos outros pontos comerciais e danos sem precedentes”, afirmou.

Devido aos estragos, a prefeitura suspendeu as atividades em quatro escolas municipais por tempo indeterminado. São elas:

  • Emei Altamiro da Silva (bairro Jauri)
  • Emei General José Alves Paiva (bairro Agrícola)
  • Emef José Bonifácio (bairro Auxiliadora)
  • Emef Coronel Manuel Manedi de Souza (bairro Mário)

A Secretaria Estadual de Educação (Seduc) também suspendeu atividades em duas escolas estaduais:

  • Escola Estadual Cruzeiro do Sul (vila Trinta) — por tempo indeterminado
  • Escola Estadual João Aloisio Braun (Centro) — apenas na segunda-feira para limpeza

A sede da Secretaria Municipal de Saúde e duas unidades básicas de saúde nos bairros Mário e Agrícola permanecerão fechadas na segunda-feira para limpeza, com reabertura esperada para terça (18). O Museu Arqueológico sofreu danos no muro e telhado e está passando por reparos.

Fonte: GZH

Compartilhe

Clima/Tempo

Semana terá retorno do sol e temperaturas em elevação no RS

Publicado

em

portal plural (1)
Foto: Divulgação
15 topo humberto pluralNuverabanner plano0 goldAcademia PersonaFAST AÇAÍ

Depois de um período de frio e muita instabilidade, os gaúchos devem ganhar um alívio nas condições do tempo a partir desta segunda-feira (15). A expectativa da meteorologia é de que a maior parte do Rio Grande do Sul tenha dias de sol entre nuvens e temperaturas em elevação, pelo menos até o meio da semana. A previsão da Climatempo indica que, nesta segunda, o sol deve reaparecer entre nuvens ao longo de todo o dia. Não há expectativa de chuva em praticamente todo o Estado. Apenas na faixa litorânea a expectativa é um pouco diferente: o tempo pode ficar instável com possibilidade de chuva a qualquer momento.

A massa de ar polar que estava  no Rio Grande do Sul nos dias anteriores começa a perder força, e as temperaturas passam a se elevar em algumas áreas. Na Serra, porém, o frio intenso ainda deve predominar. Na terça-feira, mantém-se a condição de tempo estável em praticamente todo o Estado, com o sol predominando entre nuvens.

A previsão é de que esse cenário permaneça inalterado na quarta-feira (17), com tempo firme e sem chuva no Rio Grande do Sul. Os termômetros devem continuar registrando marcas mais elevadas. Espera-se a formação de nevoeiros na faixa central, no Oeste e na Campanha.

Em Santa Rosa,  a máxima deve chegar a 26ºC na quinta e na sexta-feira,

Essa situação pode mudar apenas a partir da outra semana, mas ainda é um pouco cedo para dizermos como vai ficar o tempo para os gaúchos porque vai depender de como as frentes frias provenientes da Argentina vão se comportar — acrescenta Alves.

Fonte: GZH
Compartilhe
[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Clima/Tempo

Soledade registrou neve granulada e chuva congelada nesta quinta-feira (11)

Publicado

em

portal plural soledade registrou neve granulada e chuva congelada nesta quinta feira (11)

banner plano0 goldAcademia PersonaFAST AÇAÍNuvera15 topo humberto plural

Nesta quinta-feira, 11/07, Soledade foi surpreendida por precipitações invernais, conforme relatado pelo observador meteorológico Paulo Henrique Pinheiro. O fenômeno incluiu neve granulada, também conhecida como graupel, e chuva congelada.

Segundo Pinheiro, a possibilidade de precipitações invernais já havia sido mencionada, mas a expectativa inicial era de chuva congelada. “Algumas partes da cidade registraram chuva congelada, que é mais transparente e opaca, enquanto outras áreas tiveram neve granulada, mais branca”, explicou.

Vídeos feitos pelos moradores mostram a variação entre os tipos de precipitação. Pinheiro destacou que, durante a manhã, a temperatura estava entre 4 e 5 graus positivos, mas nas nuvens, a temperatura era mais baixa, o que possibilitou o fenômeno.

Ainda há chances de novas pancadas de neve granulada ou chuva congelada até a noite e madrugada. “A tendência é que a temperatura baixe novamente durante a noite, podendo haver uma pequena possibilidade de mais ocorrências desses fenômenos”, afirmou Pinheiro.

Além disso, a sensação térmica pode piorar devido ao aumento dos ventos, intensificando ainda mais a sensação de frio. Pinheiro recomendou que a população se mantenha aquecida e atenta às condições climáticas. “Amanhã, a previsão é de que o vento aumente, o que vai intensificar a sensação térmica de frio”, finalizou.

 

Fonte: Clic Soledade.

Compartilhe
[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Clima/Tempo

Após três dias de mínimas negativas, RS tem amanhecer com termômetros acima de 0ºC

Publicado

em

portal plural após três dias de mínimas negativas, rs tem amanhecer com termômetros acima de 0ºc

NuveraAcademia PersonaFAST AÇAÍbanner plano0 gold15 topo humberto plural

Pela primeira vez nesta semana o Rio Grande do Sul teve amanhecer com termômetros acima de 0°C. O município mais frio do Estado no início da manhã desta quinta-feira (11) foi Uruguaiana, na Fronteira Oeste, onde os termômetros marcaram 1,1ºC.

Apesar da tímida elevação dos termômetros em comparação ao início da semana, quando a mínima chegou a –4,2°C em Dom Pedrito na terça-feira (9) e –2,6 em Quaraí na quarta (10), a temperatura deve voltar a cair nos próximos dias. Válido até o próximo sábado (13), um alerta do Instituto Nacional de Meteorologia que abrange quase todo o RS, exceto parte da Região Norte, indica a chegada de uma nova onda de frio ao Estado, com mínimas 5ºC abaixo da média.

O frio deve ser mais intenso em municípios da Fronteira Oeste e Serra. A mínima em Quaraí durante o amanhecer desta quinta-feira foi de 1,6°C. Em São José dos Ausentes e Vacaria, municípios da Serra, os termômetros marcaram 2,8ºC.

Em Porto Alegre, a quinta-feira teve amanhecer com 9°C. A temperatura segue abaixo da média histórica prevista para esta época do ano: 10,4ºC.

A temperatura ficou igual ou abaixo de 5°C em 16 municípios gaúchos no amanhecer desta quinta-feira:

  • Uruguaiana, Fronteira Oeste: 1,1ºC
  • Quaraí, Fronteira Oeste: 1,6ºC
  • São José dos Ausentes, Serra: 2,8ºC
  • Vacaria, Serra: 2,8ºC
  • São Borja, Fronteira Oeste: 3ºC
  • Alegrete, Fronteira Oeste: 4,1ºC
  • São Luiz Gonzaga, Missões: 4,4ºC
  • Palmeira das Missões, Missões: 4,4ºC
  • Cambará do Sul, Serra: 4,5ºC
  • Soledade, Serra: 4,5ºC
  • Lagoa Vermelha, Norte: 4,6ºC
  • Erechim, Norte: 4,6ºC
  • Frederico Westphalen, Norte: 4,8ºC
  • Passo Fundo, Norte: 4,8°C
  • Santiago, Central: 4,8ºC
  • Canela, Serra: 5°C

Informações GZH.

Compartilhe
[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Compartilhe

[DISPLAY_ULTIMATE_SOCIAL_ICONS]

Trending

×

Entre em contato

×