Sindicato dos Bancários de Santa Rosa e Região emite nota de esclarecimento – Portal Plural
Connect with us

Destaque

Sindicato dos Bancários de Santa Rosa e Região emite nota de esclarecimento

Publicado

em



Nessa quarta-feira (09/06), o Sindicato dos Bancários de Santa Rosa e Região emitiu uma nota de esclarecimento sobre os protocolos de enfrentamento à COVID-19, confira a nota na íntegra assinada pela presidente Giselda Grzeca Diesel.

Nota de Esclarecimento

O Sindicato dos Bancários de Santa Rosa e Região esclarece que os protocolos de enfrentamento à Covid-19 são fruto de estudos e negociações realizadas com as direções dos bancos em nível nacional. As medidas adotadas sempre levam em consideração a proteção da saúde dos trabalhadores, dos clientes, e da população em geral.

Estamos vivendo uma crise sem precedentes, acumulando a cada dia milhares de novos mortos, e temos certeza que se medidas semelhantes às que exigimos dos bancos tivessem sido adotadas por todos os estabelecimentos que atendem público, a situação atual não seria tão grave.

Além disso, lamentamos que críticas muitas vezes infundadas sejam dirigidas especialmente aos bancos públicos, na tentativa de desqualificar essas instituições e tentar desviar o debate para a defesa das privatizações, omitindo o fato de que são os bancos públicos os responsáveis por efetivar as políticas públicas (insuficientes) dos governos. Sem os bancos públicos a situação do povo brasileiro estaria ainda pior.

Pedimos a toda a população que considere que a maioria dos trabalhadores bancários, apesar de prestarem serviço essencial, ainda não estão vacinados, e além do medo constante de adoecer e morrer, seguem convivendo com os antigos problemas como a sobrecarga de trabalho, falta de pessoal, cobranças de metas, demissões, etc.

Os bancários e bancárias seguem fazendo todo o possível para atender a população da melhor forma, merecendo, portanto, o respeito e a consideração de todos.

Santa Rosa, 09 de junho de 2021.

Giselda Grzeca Diesel
Presidente

Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Destaque

Desenvolvimento Social recebe doações para a Campanha do Agasalho em Santa Rosa

Publicado

em



A Campanha do Agasalho realizada pela Prefeitura, através da Secretaria de Desenvolvimento Social está recebendo doações. A comunidade e diversas empresas têm se empenhado em ajudar. Entre as doações, no fim de semana, o Grupo Jaeli de Nova Candelária fez uma doação. A doação será destinada para o banco de vestuário do município.

O Grupo Jaeli que faz parte do setor moveleiro realizou a arrecadação entre os colaboradores e amigos. A Secretária de Desenvolvimento Social, Rita Strasser, recebeu as roupas e agradeceu o empenho, “Ficamos muito felizes com a doação de Nova Candelária, assim como, das empresas locais que também estão nos ajudando nesse ano em que tanto estamos precisando do apoio da comunidade”.

Diversas empresas de Santa Rosa também já fizeram sua doação. A Alibem que doou diversos cobertores, entregou roupas na última semana. O IFFAR, o SENAI, a Fisiovita, o SESC, entre outras empresas e entidades também realizaram doações de roupas na semana passada. As arrecadações são encaminhadas para UCAM para passar por uma triagem. Esse processo inclui sanitização das roupas, separação e organização. Após essas etapas, as peças vão para o espaço adequado e são organizadas para entrega. As famílias que estão em situação de vulnerabilidade são cadastradas nos CRAS para receber as roupas. No interior, a Campanha de arrecadação e entrega acontece através dos líderes comunitários.

As pessoas que desejam doar podem deixar em pontos de coleta como no container do módulo da Brigada Militar. Também pode ser levado em algumas lojas parceiras como:

Vanessa Kuhn Calçados na rua Buenos Aires, 638, Sala 06, Camilo Center;
Maria Dondoca na Av. América, n°80 Centro;
Acessorium na Rua Buenos Aires, nº 638 sala 09 – Camilo Center;
La Sorella na Rua Buenos Aires, nº 638 Sala 07 – Camilo Center;
Vitaliclin na Rua Henrique Martins, 173;
Esperando Nenê na Rua Almirante Cabral, 44/03.

[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Destaque

Risco da Dengue em Santa Rosa é médio

Publicado

em



O LIRAa é uma atividade que foi desenvolvida pelo Ministério da Saúde. Ela permite a identificação de áreas com maior proporção/ocorrência de focos, bem como, dos criadouros predominantes, indicando o risco de transmissão de dengue, febre de chikungunya e zika vírus. A atividade é realizada periodicamente por meio da visita a um determinado número de imóveis do município, onde ocorre a coleta de larvas para definir o Índice de Infestação Predial (IIP) e o Índice de Infestação em Depósitos (Índice de Breteau – IB).

A 14ª Coordenadoria Regional de Saúde é quem repassa para o Setor das Vigilâncias, as datas para realização do LIRAa. Os Supervisores de Campo e Apoio da FUMSSAR realizam o sorteio dos imóveis por sistema informatizado. No último levantamento realizado, foram sorteados 1.354 imóveis da cidade. O levantamento é dividido em três estratos no município, 01, 02 e 03, onde os Agentes de Combate às Endemias realizam estas vistorias durante a semana indicada pela 14ª CRS.

Ao realizar as vistorias, caso os agentes encontrem larvas nas residências, são recolhidas amostras que após o termino do levantamento vão para análise laboratorial. Após a análise os dados são lançados no sistema, que fornece o resultado final. De acordo com as Diretrizes Nacionais para Prevenção e Controle de Epidemias de Dengue (2009), os parâmetros para classificação dos estratos e dos municípios, quanto à infestação pelo Aedes aegypti são: Menor que 0,9%: Baixo Risco | De 1% e 3,99%: Médio Risco | Acima de 3,99%: Alto Risco.

Este último levantamento de Junho de 2021, mostrou os seguintes resultados: Estrato 01 = 0, Estrato 02 = 2,1 e Estrato 03 = 1,6, sendo então a média geral de Santa Rosa = 1,2, apresentando assim, médio risco. Para o Gerente das Vigilâncias, Jairo Beal, este resultado demonstra que o trabalho de prevenção e fiscalização vem avançando, “Ao acompanhar os resultados do LIRAa dos outros anos, percebemos a diminuição do índice a cada novo levantamento, isso com certeza é resultado das campanhas de prevenção e conscientização da população e também pelo trabalho de fiscalização realizado pelos agentes de combate às endemias”. A partir dos resultados deste levantamento, é possível identificar as áreas prioritárias para medidas e ações estratégicas de controle e combate ao mosquito.

[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Destaque

51 anos em diante podem vacinar contra Covid em Santa Rosa

Publicado

em



Está previsto para hoje à tarde (11), a chegada de 2.248 novas doses para D1 (Dose Um) em Santa Rosa. Na segunda-feira (14), será ampliada a vacinação. Serão vacinadas pessoas a partir de 51 anos.

A aplicação das doses será feita em todas as Unidades Básicas de Saúde. O atendimento será mediante agendamento prévio por telefone ou presencial. Todos que forem se vacinar precisam levar documento com foto e se possível caderneta de vacinação.

Santa Rosa já aplicou até o momento, 35.044 doses. Do total, 25.311 foram de primeira dose (D1), o que representa 1/3 da população do município e 9.733 de segunda dose (D2).

* Importante: Pessoas que se vacinaram contra a Influenza (GRIPE) precisam aguardar o prazo de 14 dias para poder receber a vacina contra a COVID-19

[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

ENQUETE

Trending

© 2021 PORTALPLURAL.COM.BR Todos os direitos reservados.


×