Senac EAD promove palestra online sobre Logística – Portal Plural
Connect with us

Ensino

Senac EAD promove palestra online sobre Logística

Pável Bauken

Publicado

em



 

A ampla área de Logística possui vários focos de atuação, desde os mais operacionais até os mais estratégicos. Por isso, no dia 23 de setembro, às 19h, o Senac EAD realizará a palestra online Gestão de Estoques para quem atua ou tem interesse na área.

A palestra gratuita será ministrada pelo docente dos cursos técnicos do Senac EAD, graduado em Administração de Empresas com Ênfase em Comércio Exterior e Logística, Marcelo RIbas. Para conectar-se, basta acessar o link http://bit.ly/2k8CPry para assistir.

Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Destaque

Governo do RS prepara retorno gradual para escolas e confirma aulas remotas em junho

Planejamento projeta volta integral de todos os níveis de ensino apenas em setembro

Pável Bauken

Publicado

em

Atividades remotas fazem parte "Etapa 1" do planejamento do governo estadual ao retorno das atividades de ensino | Foto: Gustavo Mansur / Palácio Piratini / CP

O governador Eduardo Leite anunciou, nesta quarta-feira, que o retorno das atividades escolares no Rio Grande do Sul irá ocorrer de forma remota a partir do dia 1º de junho para as instituições públicas e privadas de ensino. As aulas estavam suspensas desde 13 de março, embora muitas instituições privadas já atuem com essa modalidade de ensino à distância. A regulamentação será publicada no Diário Oficial do Estado (DOE) até esta sexta-feira.

“Por ora, prioridade é fortalecer as aulas remotas e a aprendizagem em casa”, destacou o governador. Como já havia sido antecipado pelo chefe do Estado, o modelo de retomada irá ocorrer por etapas. Entre cada fase haverá um período de 15 dias que, segundo Eduardo Leite, servirá para “analisar o sucesso da fase anterior”. As orientações anunciadas hoje fazem parte da “Etapa 1” do planejamento do governo do Estado.

Um protocolo de saúde específico para o retorno das aulas está sendo organizado pelo governo do RS para entrar em vigor quando as aulas presenciais iniciarem. Conforme o governador, elas retornam “mais adiante”, e a “Etapa 2” deverá ser anunciada no dia 15 de junho, com atividades a partir de 1 de julho. Na segunda etapa, conforme explicou o governador, deve retornar as atividades práticas existentes no ensino superior, como as atividades de laboratórios. Também voltam a ser presenciais o calendário acadêmico de pesquisas e estágios superiores.

As atividades que devem integrar a “Etapa 3” ainda não estão definidas. Entretanto, o governo do RS trabalha com alguns cenários possíveis. Um deles é retorno prioritário das aulas presenciais nas escolas de ensino infantil. Um segundo cenário seria o retorno do ensino infantil junto ao ensino fundamental.

A volta prioritária do ensino médio também não está descartada dos possíveis cenários, que serão definidos de acordo com a análise do controle da pandemia no Estado. Independente da escolha, Eduardo Leite ressaltou que orienta que “as crianças permanecem em casa”, caso possível, mesmo com o retorno da rede infantil de ensino. De acordo com o planejamento do governo, o retorno integral de todos os níveis de ensino deve ocorrer apenas no mês de setembro.

Para a tomada de decisão, o governo considerou a capacidade de autocuidado do educando, o uso de aulas não presenciais, o número de alunos por turma, os recursos financeiros necessários para a adoção de Equipamentos de Proteção Individual (EPI). Além disso, também foi analisado a complexidade do uso do transporte escolar, da circulação de pais e alunos nas escolas, a logística de refeitórios, a situação em que pais e alunos decidem apenas manter o ensino domiciliar, protocolos de saúde, sala de isolamento na escola para alunos que apresentem sintomas.

O novo método deve obedecer aos protocolos do Distanciamento Controlado do governo estadual e aos protocolos específicos que serão publicados pela Secretaria Estadual de Saúde (SES). Além disso, um Comitê de Emergência será instalado nas escolas para monitoramento da execução dos protocolos de saúde.

 

 

Correio do Povo
[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Ensino

Home Office: Espaço de Estudos dos alunos

Pável Bauken

Publicado

em



A pandemia da Covid-19 nos obrigou a manter um distanciamento social. Com isso, muitas mudanças drásticas aconteceram na rotina dos alunos da Escola FEMA, sendo uma das principais, estudar em casa, com aulas online e atividades diárias, que antes eram feitas em sala de aula.

Esse novo cenário para as famílias, no qual é preciso aliar o trabalho aos cuidados da casa e ainda acompanhar os estudos dos filhos, é realmente desafiador, mas animou muitos pais a prepararem um lugar específico de estudos. E isso, de acordo com os professores do Ensino Fundamental (Anos Iniciais), tem gerado resultados incríveis na aprendizagem. “Muitos pais chegam a colocar uniforme nos pequenos na hora da aula, para lembrar e reforçar o compromisso da aprendizagem”, completaram as professoras Juliana Vogt e Graciela Gottardo, ambas do 1° ano.

A situação, tanto para as famílias como para os professores, é nova, mas pode ser encarada com certa tranquilidade, quando entendemos que esse momento “vai passar”. Por isso, vale lembrar que um Espaço de Estudos, com materiais à disposição e horários estabelecidos previamente, é extremamente importante para o desenvolvimento dos alunos.

[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Ensino

Inscrições para o Enem terminam nesta quarta

Pável Bauken

Publicado

em

© Marcello Casal JrAgência Brasil

Termina às 23h59 desta quarta-feira (27)  o prazo para as inscrições no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2020. O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) alerta os interessados que não deixem para a última hora e lembra que quem solicitou a isenção da taxa de inscrição precisa se inscrever, assim como os demais participantes.

Os dados declarados pelos candidatos devem ser conferidos e apenas alguns deles podem ser modificados na página do participante, durante o acompanhamento da inscrição. No caso da escolha do município para fazer a prova, por exemplo, o Inep pede cuidado reforçado, porque, após o encerramento do prazo, não será possível trocar. Além disso, é necessário memorizar a senha ou anotá-la e guardá-la em local seguro, porque é com ela que o participante irá acompanhar todas as etapas de execução do exame.

Feita a inscrição, o pagamento do boleto, no valor de R$ 85, só pode ser feito até amanhã. De acordo com o último balanço divulgado pelo Inep, mais de 5 milhões de estudantes se inscreveram no Enem 2020.

Data das provas

Por causa da pandemia do novo coronavírus, no fim de junho será feita uma enquete com os estudantes inscritos, na Página do Participante. As datas do exame serão definidas após a consulta.

ebc

[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

ENQUETE

O que você achou do site novo do Portal Plural?

Trending

×