RGE investiu R$ 7,5 milhões na rede elétrica de Santa Rosa – Portal Plural
Connect with us

Destaque

RGE investiu R$ 7,5 milhões na rede elétrica de Santa Rosa

Publicado

em



 

Os investimentos da RGE na rede elétrica de Santa Rosa chegaram a R$ 7,5 milhões entre janeiro e junho deste ano. Os recursos foram destinados para a execução de obras de fortalecimento da rede, como a troca de 134 postes de madeira por concreto e instalação de dois religadores automáticos. No primeiro semestre a distribuidora do Grupo CPFL também reformou 1,4 Km de rede de média tensão, que passaram a ter cabos protegidos e multiplexados no lugar de fios comuns, o que dá mais proteção, principalmente em dias de vento e temporais.

Desses R$ 7,5 milhões, a maior parte, R$ 6,14 milhões, foram destinados para obras que melhoram os níveis de tensão, como, por exemplo, troca e instalação de novos componentes na rede. A concessionária aplicou, ainda, R$ 779 mil em obras para adequações das redes, trocas de transformadores e reguladores de tensão e substituição de condutores. Outros R$ 537,4 mil foram destinados às novas ligações e substituição de medidores de baixa, média e alta tensão. “É um grande volume de investimentos que beneficiam os 30 mil clientes do município. O resultado é um serviço ainda melhor para a população”, afirma o Consultor de Negócios da RGE, Rodinei Gerardon.

Alinhada com o Planejamento Estratégico do Grupo CPFL Energia, a RGE, distribuidora de energia elétrica que atende 381 municípios gaúchos, investiu R$ 373,6 milhões em obras de ampliação, melhoria e modernização da rede nos seis primeiros meses deste ano. Esses investimentos permitiram que centenas de obras fossem executadas no período, como a substituição de 39 mil postes de madeira por concreto na área de concessão, a instalação de 127 novos religadores automáticos e construção ou melhorias de 364 Km de rede de média tensão.

Plantio de árvores próximo à rede

A RGE alerta os clientes sobre o plantio de árvores de grande porte próximas à rede elétrica. O toque da vegetação nos componentes da rede – como cabos e transformadores – é o responsável por cerca de dois terços das interrupções de energia em toda a área de concessão da distribuidora. Por isso é importante que, ao plantar qualquer árvore, os moradores analisem o espaço e projetem o crescimento daquela muda. Recomenda-se que perto de redes elétricas ou mesmo do ramal de ligação do cliente – o fio que sai do poste e vai até a casa ou prédio – não se plante árvores de maior porte.

Espécies de médio e grande porte devem ser plantadas, preferencialmente, em praças e espaços que comportem o seu desenvolvimento pleno a fim de não gerar conflitos com as estruturas do contexto urbano em geral (redes de energia elétrica, água, internet, calçamentos, etc.).

A RGE e o Grupo CPFL têm um Guia de Arborização completo com as espécies mais indicadas para serem plantadas nos diferentes espaços, tipo de podas que podem ser feitas, manutenção da vegetação, legislações do setor, entre diversas outras informações. O guia pode ser consultado, na íntegra, através do site da RGE: http://bit.ly/ArborizacaoRGE

Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Destaque

Prefeitura realiza ações no Outubro Rosa

Publicado

em



Diversas atividades de conscientização estão sendo realizadas pela Prefeitura no Outubro Rosa. A intenção é tratar sobre o câncer de mama, prevenção, causas e tratamentos. Durante todo o ano, a Assessoria de Políticas Públicas para as Mulheres e a Fundação Municipal de Saúde realizam ações com a comunidade, que são intensificadas no mês de outubro.

Entre palestras, atividades na comunidade, também foram entregues lembranças para as mulheres, alertando sobre a importância de fazer os exames.

A dona de casa, Gabriela de Moura, 32 anos que é usuária dos serviços da UBS Beatriz – Oliveira ressaltou a importância do preventivo para a saúde da mulher, “Esse cuidado para mim é fundamental, o atendimento é excelente e mesmo na pandemia, sempre consegui fazer o acompanhamento que eu necessitava. O preventivo é um serviço essencial e muito importante, porque a saúde é a base de tudo, para nossa segurança, para prevenção e tratamento de possíveis doenças”.

A Fundação Municipal de Saúde de Santa Rosa oferece pelo SUS, a mamografia para mulheres a partir dos 50 anos de idade. Todos os meses são disponibilizados 320 exames de mamografia que são realizados conforme a procura das mulheres que atendem aos critérios estabelecidos para fazer o exame.

Além disso, no mês de outubro, a Fundação intensifica as coletas dos exames citopatológicos e as campanhas de prevenção, com informativos sobre a saúde integral para as mulheres.

[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Destaque

FENASOJA 2022 homenageará Alcides Vicini e Cleo Rockenbach

Publicado

em



Como já é tradição, a Feira Nacional da Soja-FENASOJA a cada edição presta homenagem a pessoas que contribuíram para o desenvolvimento da feira e da região. Em 2022 os homenageados serão o ex-coordenador-geral Cleo Antônio Rockenbach e o ex-prefeito de Santa Rosa Alcides Vicini.

Os nomes foram anunciados nesta quinta-feira (21) pelo presidente Elias Dallalba e pelo vice Dário Jr da Mota Germano. “Os homenageados são dois cidadãos que dedicaram muito trabalho e comprometimento com a evolução da FENASOJA, e esta homenagem busca justamente reconhecer isso”, justificou Elias.

[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Destaque

Vereadora Márcia volta a cobrar calçadas para a Unidade de Saúde da Vila Cruzeiro

Publicado

em



Preocupada com a situação do passeio público localizado na frente e nas laterais da Unidade Básica de Saúde da Vila Cruzeiro do Sul que ainda não foi feito, a vereadora Márcia Carvalho (PT) voltou a protocolar pedido de informações sobre o caso à Fundação Municipal de Saúde de Santa Rosa.

Em junho do ano passado, a vereadora já havia solicitado informações sobre a obra à Prefeitura. Na oportunidade, obteve como resposta a notícia de que havia sido aberto um processo administrativo sob nº 2005/2020, o qual seria licitado e executado com recursos do Orçamento 2021. No entanto, há poucos meses do final deste ano sem nenhum progresso neste sentido, Márcia quer saber qual o andamento do processo, o valor reservado, a previsão de execução, além de obter cópia da licitação para a obra.

A preocupação da vereadora se deve ao fato de que a má situação do local, em dias de chuva, obriga as pessoas a utilizarem a rua para poder ter acesso à Unidade de Saúde “Aquela área fica coberta de água e barro, impossibilitando o trânsito de pessoas. Isso põe em risco a segurança dos pedestres, que ficam expostos aos carros que passam na rua”, detalha Márcia. Ela lembra ainda que a ausência do passeio impossibilita o direito à acessibilidade das pessoas com deficiência. “Não há como essas pessoas com deficiência chegarem a esta Unidade de Saúde em condições dignas”, frisou.

Desde 2017, Márcia vem cobrando da Prefeitura a construção do passeio na Unidade de Saúde da Vila Cruzeiro. No ano seguinte, ela chegou a protocolar dois requerimentos neste sentido. Até 2021, quando obteve a resposta do Executivo. “Não é mais possível que se empurre com a barriga a realização desta obra quando a Prefeitura nos responde que há uma licitação. Se existe de fato, queremos saber quanto, quando e de que forma esta obra será feita. É pelo bem da população. Vamos seguir cobrando até que seja realizada”, concluiu a vereadora.

[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Trending

PLURAL AGÊNCIA DE PUBLICIDADE LTDA
ME 33.399.955/0001-12

© 2021 PORTALPLURAL.COM.BR Todos os direitos reservados.


×

Entre em contato

×