População de animais em florestas cai pela metade desde 1970 – Portal Plural
Connect with us

Mundo

População de animais em florestas cai pela metade desde 1970

Publicado

em



 

Desmatamento, caça ilegal, doenças, mudança climática. Para os animais silvestres que vivem nas florestas do mundo, as últimas décadas representaram uma hecatombe. Segundo um relatório divulgado pela Organização Não Governamental (ONG) ambiental World Wide Fund for Nature (WWF), a população desses animais diminuiu pela metade desde 1970.

O estudo analisou 455 populações de 268 espécies de mamíferos, répteis, anfíbios e pássaros que vivem em florestas e concluiu que houve um declínio de 53% na quantidade de animais vertebrados entre 1970 e 2014. A WWF aponta que a situação é particularmente crítica na Amazônia e em outras florestas tropicais. O estudo também analisou populações de florestas temperadas, boreais e mediterrâneas.

Segundo a ONG, 60% dessas perdas estão relacionadas ao desmatamento e à degradação drástica do habitat das populações de animais. O texto ainda aponta que a caça, a introdução de espécies invasoras, a disseminação de doenças e a mudança climática também contribuíram para o quadro.

No caso do Brasil, a WWF menciona a derrubada de árvores por madeireiros como principal causa da diminuição da população de animais, mas queimadas também tiveram efeitos duradouros sobre várias espécies.

Florestas temperadas

Em florestas tropicais como a Amazônia, em média, a perda de população das espécies estudadas superou o crescimento de todos os grupos somados. Já nas florestas temperadas, o crescimento da população de algumas espécies, especialmente pássaros, ajudou a reverter a tendência negativa na média de todas as populações.

Ainda de acordo com a WWF, a diminuição da população tem sido especialmente dura com anfíbios e répteis, enquanto as populações de pássaros registraram mais anos positivos de crescimento do que de declínio.

A análise também menciona exemplos de como a população de algumas espécies pode ser recuperada. Entre os casos mais otimistas mencionados pela WWF está o aumento das populações de gorilas na África Central e Oriental, graças a medidas de proteção, e de macacos na Costa Rica.

No caso da Costa Rica, a WWF chama de positiva a tendência de aumento na proteção e regeneração da floresta tropical. No entanto, a ONG adverte que enquanto as florestas têm capacidade para recuperar mais rapidamente a sua cobertura vegetal, as populações de vertebrados que habitam essas matas podem precisar de muitas décadas para se recuperar totalmente.

Por fim, a WWF lembra que as florestas são essenciais para que metas globais de conservação da biodiversidade sejam atingidas e para combater as mudanças climáticas e promover o desenvolvimento sustentável.

“As florestas são importantes depósitos de carbono, e as florestas tropicais são alguns dos habitats com maior biodiversidade do mundo, contendo mais da metade das espécies terrestres do mundo. As florestas também fornecem outros serviços ecossistêmicos vitais, incluindo alimentos, medicamentos, materiais, purificação de água, controle de erosão e reciclagem de nutrientes. E mais de um bilhão de pessoas dependem das florestas para sua subsistência”, conclui o estudo.

Agência Brasil
Compartilhe
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Mundo

Luisa Sonza é a Consulesa Cultural do Inter

Publicado

em



Nos stories do seu Instagram a cantora Luísa Sonza, aceitou uma homenagem do clube Internacional, nesta segunda-feira, dia 24. Ao abrir a caixa que continha uma camiseta do time, com a inscrição de seu sobrenome nas costas, a cantora foi convidada a ser Consulesa Cultural do Sport Club Internacional.

“Ah, não, Internacional! Meu time do coração mandou essa cartinha. Sou colorada roxa. Me convidem para ir ao estádio, num jogo, principalmente Gre-Nal.”, comentou a cantora, que logo retornou apontando que não sabia do que se tratava o convite “Não sabia o que era consulesa. Fui perguntar para a galera do Inter, e óbvio que aceito”, disse Luísa Sonza em seus stories.

Luisa Sonza é natural de Tuparendi, na Região da Fronteira Noroeste e recentemente assinou com a Sony Music assinado um contrato de US$ 20 milhões (cerca de R$ 100 milhões, no câmbio atual).

A cantora vem conquistando cada vez mais fãs com os lançamentos de seus trabalhos. Depois de explodir nacionalmente, a artista está prestes a ganhar um grande impulso no mercado internacional. Atualmente, Luísa soma quase 29 milhões de seguidores só no Instagram. No ano passado, ela foi considerada a ‘Artista Pop’ mais ouvida pelo Spotify Brasil, sendo ‘Doce 22’ o álbum nacional feminino mais escutado no streaming. Vale lembrar que a edição do Rock in Rio este ano já confirmou a participação da cantora no Palco Sunset.

 

jh digital

Compartilhe
[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Mundo

Kuique reclama da demora na perícia do INSS

Publicado

em



Na última sessão ordinária do Poder Legislativo, realizada na segunda – feira (23), o vereador kuique (cidadania23) , apresentou a matéria, indicação 1967/2022 com a associação de todos os vereadores solicitando que a mesa diretora encaminhe um ofício ao Presidente do INSS, solicitando mecanismos eficientes para o atendimento aos usuários do sistema que necessitam de atendimento junto às agências do INSS e que buscam soluções para encaminhar seus benefícios previdenciários, aposentadorias, pensões, salários- maternidade e principalmente benefícios por incapacidade temporária (auxílio-doença).
O vereador salientou que o objetivo do oficio é que seja feito algo para agilizar a redução do tempo de espera para concessão de benefícios. A demora prejudica os trabalhadores que em alguns casos estão a mais de 3 meses esperando a primeira perícia médica para receber o benefício, quando chegam para fazer a perícia são remarcados para uma nova perícia que em alguns casos serão mais de 50 dias para a nova perícia. “O trabalhador não aguenta mais esperar. Quem vai pagar o prejuízo pelos dias sem receber? A situação é grave e precisa ser resolvida o quanto antes”, já temos relatos de pessoas que estão esperando há seis meses, ressaltou o vereador Kuique.

Compartilhe
[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Mundo

Iniciam obras de pavimentação asfáltica na Av. Estanislau Kwiatkoski

Publicado

em



O Vice-Prefeito de Santa Rosa autorizou o início de mais uma pavimentação asfáltica. As melhorias vão ser realizadas na Avenida Estanislau Kwiatkoski, no bairro São Francisco. O projeto também contempla obras complementares. São 4.118,12 m² de pavimentação asfáltica, o que corresponde a um comprimento de 518 metros lineares.
Além da pavimentação, a avenida vai contar com 249 metros lineares de drenagem pluvial, rampas de acessibilidade no passeio, nivelamento de tampas da Corsan e sinalização viária. O Vice-Prefeito Aldemir Ulrich ressaltou a importância da obra para a comunidade, “Estamos avançando nas obras de pavimentação em Santa Rosa. São projetos que fazem parte do nosso Planejamento Estratégico e que melhoram a infraestrutura da nossa cidade”.
O prazo de execução é de 90 dias corridos, conforme contrato. O valor total do investimento é de: R$ 680.390,90, sendo R$ 581.012,53 de recurso repassado pela Corsan, através do Fundo de Gestão Compartilhada do Saneamento e R$ 99.378,37 de recursos próprios do município. A empresa responsável pela execução da obra é a ENPHASE PAVIMENTAÇÕES LTDA.
Compartilhe
[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Trending

PORTAL PLURAL LTDA
ME 33.399.955/0001-12

© 2022 PORTALPLURAL.COM.BR Todos os direitos reservados.


×

Entre em contato

×