O que se sabe sobre tiroteio da Linha Coqueiro que deixou quatro mortos - Portal Plural
Connect with us

Mundo

O que se sabe sobre tiroteio da Linha Coqueiro que deixou quatro mortos

Publicado

em


banner plano0 gold15 topo humberto pluralNuveraAcademia PersonaFAST AÇAÍ

Desde a última terça-feira, 15, a tragédia envolvendo duas famílias e a briga pela posse de uma propriedade rural na Linha Coqueiro, no interior de Bom Jesus do Sul, PR, tem sido um dos principais assuntos nos grupos de amigos e também nas redes sociais.

Muitas são as especulações e perguntas a respeito do que de fato teria ocorrido naquela manhã. O que se tem até o momento, é que a polícia já ouviu os três sobreviventes do tiroteio 

O primeiro foi o amigo do casal que acabou detido ainda no dia do crime, após ser abordado pela Polícia Militar e ser flagrado com uma arma de fogo. Ele foi liberado por decisão da Justiça na quarta-feira e aguarda o andamento das investigações em liberdade.

Na quinta-feira, os outros dois envolvidos, que seriam pai e cunhado de Rafael Bini, se apresentaram na Delegacia de Polícia de Santo Antonio do Sudoeste, onde também prestaram depoimento repassando detalhes ao delegado. Por não haver flagrante, eles foram liberados logo depois.

Algumas dessas dúvidas foram esclarecidas pelo delegado da comarca de Barracão, que também atende Santo Antônio do Sudoeste e Bom Jesus do Sul, dr. Emerson Ferreira, em entrevista ao Jornal da Fronteira

Confira o que se sabe e o que ainda falta esclarecer sobre o crime

O que motivou o conflito?

Conforme a investigação, o crime aconteceu depois de uma briga entre o comerciante Cláudio Silvestre e o agricultor Francisco “Chico” Bini, que disputavam a posso de um terreno em processo judicial.  Ambos tinham documento de posse do local, sendo que o agricultor estava cultivando as terras.

Ainda segundo o que foi apurado até o momento pela polícia, Claudio ficou sabendo que Bini tinha plantado soja no terreno e foi até a propriedade para tomar satisfação. Ele chegou ao local acompanhado da esposa e de um amigo.

Antes mesmo de descer do carro o comerciante iniciou uma discussão, que foi se tornando cada vez mais agressiva.

Em determinado momento Claudio e a esposa desceram do carro e foi então que os ânimos se exaltam ainda mais. Em vídeos divulgados em redes sociais é possível ver um dos envolvidos de posse de uma arma, porém ele não dispara.

O primeiro tiro saiu da arma de Claudio, ele empunha e aponta em direção ao agricultor, porém acaba errando os tiros. Neste momento, o genro de Chico Bini saca a arma e tem início o tiroteio.

Quem morreu?

Morreram no confronto o comerciante Cláudio Silvestre e a esposa, Janaína Câmara Silvestre, ambos de 40 anos;

Rafael Bini, de 36 anos, filho de Chico Bini;

e Arcelino Soares de Souza, de 64 anos, amigo do agricultor. Cono, como era conhecido, chegou a ser socorrido, mas morreu madrugada do dia 16 em um hospital de Francisco Beltrão, PR.

Quantas pessoas estavam no tiroteio?

Pelo menos sete pessoas estavam no local no momento do tiroteio.

Foram identificados o casal que acabou morrendo, Cláudio Silvestre e Janaína Câmara Silvestre, Rafael Bini, Arcelino Soares de Souza, e os sobreviventes, Chico Bini, Paulo e Cristiano.

Uma das famílias era moradora em Dionísio Cerqueira e a outra do interior de Barracão.

Quem começou o tiroteio?

A investigação aponta que Cláudio efetuou os primeiros disparos contra Chico Bini. Através dos vídeos que estavam no celular de Janaína e Cristiano, foi possível ver que na sequência Paulo, genro de Bini, reage e também faz disparos.

Armas apreendidas

Até o momento, três armas foram apreendidas. Uma pistola, localizada debaixo do corpo de Cláudio, uma segunda pistola, dentro de uma camionete Fiat Strada que estava no local e seria de uma das vítimas, e ainda um revólver 357, que estava de posse de Cristiano.

Em que fase está a investigação?

De acordo com o delegado Emerson Ferreira, a polícia ainda tenta entender como Janaína, Arcelino e Rafael foram atingidos e de que arma vieram os disparos.

O delegado informou ainda que a Polícia Civil tem 30 dias para concluir o inquérito, porém esse prazo pode ser estendido, sendo que depende da apresentação dos laudos da criminalística e IML.

Rossy Ledesma/ JF 

Compartilhe
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mundo

Funcionária utiliza atestado falso para viagem e encontra chefe no avião

Publicado

em

portal plural funcionária utiliza atestado falso para viagem e encontra chefe no avião
Foto: Divulgação
Nuvera15 topo humberto pluralFAST AÇAÍbanner plano0 goldAcademia Persona

As vezes surge alguém que inventa desculpas para conseguir aquela folga desejada para fazer uma viagem, não é?

Grace, por exemplo, decidiu usar um atestado médico por doença um dia antes de suas férias para conseguir pegar um voo mais barato para seu destino de férias. Pensando ser uma mentira inocente, mal sabia o que estava prestes a acontecer.

Em seu perfil do TikTok, Grace revela que ao entrar no avião, cruzou com… o patrão.

A situação tornou-se ainda mais desconfortável quando o homem decidiu tirar uma selfie com a jovem, como prova de sua ‘ilegalidade’. No entanto, tudo acabou bem, e Grace foi perdoada. “Fomos juntos a Bangcoc e até nos ajudamos um ao outro”, conta a jovem, feliz por não ter perdido o emprego.

Fonte: Notícias ao minuto

Compartilhe
[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Mundo

Garoto completa ensino médio e ingressa na faculdade aos 12 anos

Publicado

em

portal plural prodígio
Foto: Suborno Isaac Bari
15 topo humberto pluralAcademia Personabanner plano0 goldNuveraFAST AÇAÍ

Um jovem de 12 anos se tornou, na quarta-feira, o mais jovem a concluir o ensino médio na escola de Malverne, no estado de Nova York. Mas isso não é tudo: agora, ele planeja ingressar em uma licenciatura em Matemática e Física na Universidade de Nova York.

“Foi uma experiência fantástica. Conheci muitas pessoas incríveis e aprendi muito em matemática, ciências e outras disciplinas. Mas sinto que estou pronto para avançar e continuar meus estudos superiores da melhor maneira possível”, revelou Suborno Isaac Bari ao Good Morning America.

A professora Rebecca Gottesman enfatizou que o distrito escolar e a família do menino colaboraram para que ele tivesse aulas avançadas, ao mesmo tempo em que interagia com colegas da mesma idade e se desenvolvia social e emocionalmente.

Suborno Isaac Bari, destacou que teve tempo para seguir seus interesses e foi tratado como qualquer outro aluno do ensino médio. Seu objetivo é obter um doutorado e se tornar professor. No outono, ele iniciará seus estudos em Matemática e Física na Universidade de Nova York.

Fonte: Notícias ao minuto

Compartilhe
[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Curiosidades

Conheça Kesa Hatamoto, a farmacêutica mais velha do mundo ainda ativa no trabalho

Publicado

em

portal plural conheça kesa hatamoto, a farmacêutica mais velha do mundo ainda ativa no trabalho (1)
Foto: Crédito Reprodução via twitter/x/@GWR
FAST AÇAÍNuvera15 topo humberto pluralbanner plano0 goldAcademia Persona

A japonesa Kesa Hatamoto, de 101 anos, foi reconhecida pelo Guinness World Records como a farmacêutica mais velha do mundo. Ela administra sua própria farmácia há 70 anos, sendo responsável não apenas pela gestão do estabelecimento, mas também pelo controle de estoque e administração dos pedidos de forma independente.

O título foi oficializado em 12 de junho, após confirmação em 1º de abril, quando Hatamoto tinha 101 anos e 196 dias de vida. Inicialmente, ela trabalhou em um laboratório, mas interrompeu sua carreira ao se casar. Após problemas financeiros devido a um empréstimo que seu marido se tornou fiador, ela decidiu abrir sua própria farmácia.

“A loja vendia medicamentos e produtos diversos, preenchendo uma lacuna de comércio na região e atraindo clientes facilmente”, relatou Hatamoto. Ela também estudou medicina chinesa para melhor cuidar da saúde de seus clientes.

Após receber o título do Guinness, Kesa expressou sua gratidão: “Sinto uma grande responsabilidade por ter um título tão importante, mas estou feliz com o apoio dos clientes e da comunidade farmacêutica. Todos me ajudaram ao longo desses anos.”

Ambiciosa, ela compartilha seus planos futuros: “Tenho vontade de conquistar mais títulos. Sinto que recebi uma missão dos céus para trabalhar o máximo possível na Terra. Estou ansiosa para ver um avaliador do Guinness novamente no próximo ano.”

Fonte: Estadão

Compartilhe
[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Compartilhe

[DISPLAY_ULTIMATE_SOCIAL_ICONS]

Trending

×

Entre em contato

×