Nível dos mares sobe 2,5 vezes mais rápido que no século XX, diz relatório da ONU – Portal Plural
Connect with us

Uncategorized

Nível dos mares sobe 2,5 vezes mais rápido que no século XX, diz relatório da ONU

Publicado

em



 

O nível dos mares subiu 2,5 vezes mais rápido no início do século XXI na comparação com o século XX e continuará aumentando principalmente em consequência da retração das calotas polares, afirma um relatório de especialistas da ONU sobre o clima publicado nesta quarta-feira.

Conforme o documento, independente da hipótese, o nível dos oceanos continuará subindo depois de 2100. Em um mundo com +2°C, o ritmo de aumento pode ser estabilizado até alcançar um metro em 2300. No entanto, se as emissões de gases do efeito estufa continuarem no ritmo atual, o aumento será de vários metros, de acordo com o relatório.

Segundo o relatório do Painel Intergovernamental sobre as Alterações Climáticas (IPCC), criado pelas Nações Unidas (ONU), a devastação dos mares e das regiões geladas devido às alterações climáticas é o principal problema do planeta. É urgente priorizar “ações oportunas, ambiciosas e coordenadas” de forma a enfrentar estas mudanças “sem precedentes e duradouras” nos oceanos e na criosfera – regiões cobertas por gelo e neve permanentes e que constituem 10% da superfície do planeta –, alerta o parecer.

Durante este século, os oceanos poderão sofrer alterações “sem precedentes”, com temperaturas mais altas, água mais ácida, menos oxigénio e condições alteradas de produção de recursos. O gelo das regiões geladas, como o Ártico por exemplo, estão derreteno a um ritmo nunca antes registado e, em consequência, o nível dos oceanos está elevando pondo em causa a vida de mais de milhões de pessoas, advertem os cientistas no documento.

O IPCC estabelece que “o oceano e a criosfera acolhem habitats únicos e estão ligados a outros componentes do sistema climático através de trocas globais de água, energia e carbono”. A verdade é que cerca de “670 milhões de pessoas nas regiões de alta montanha e 680 milhões de pessoas nas zonas costeiras mais baixas dependem diretamente destes sistemas”. Por exemplo, pelo menos “4 milhões de pessoas vivem permanentemente na região do Ártico” e serão afetadas com o degelo e a subida do nível do mar.

Este relatório destaca, ainda, os benefícios de uma adaptação “ambiciosa e eficaz para o desenvolvimento sustentável” e os “custos e riscos crescentes de uma ação adiada”.

CP

Compartilhe
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Uncategorized

Fim de semana do Dia dos Pais começa com tempo firme em parte do RS

Publicado

em



O tempo segue firme em quase todo o Rio Grande do Sul neste sábado (13). As temperaturas seguem baixas ao longo do dia em todo território gaúcho, em razão da influência da massa de ar frio.

No domingo (14), data em que é comemorado o Dia dos Pais, a chuva deve retornar em grande parte do Estado. A instabilidade deve se espalhar pelo território gaúcho ao longo do dia, começando pela região das Missões e pela Fronteira Oeste.

 

REGIÃO NOROESTE:

O sábado será de tempo firme com sol entre nuvens. No domingo, o sol aparece, com chance de chuva a qualquer hora do dia.

Os termômetros variam entre 11°C e 19°C no sábado e entre 14°C e 18°C no domingo.

 

SANTA ROSA:

Sol com muitas nuvens durante o dia. Períodos de nublado, com chuva a qualquer hora. Os termômetros variam entre 13°C e 22°C.

Compartilhe
[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Destaque

Queda nas temperaturas em todo RS nesta sexta-feira

Publicado

em



A instabilidade começa a perder força e o tempo volta a ficar firme em quase todo o Rio Grande do Sul nesta sexta-feira (29). Uma frente fria que se formou na Argentina avança pelo Rio Grande do Sul. Essa condição climática causa a entrada de ar polar no Estado. Assim, as temperaturas diminuem em todo o território gaúcho. O dia será marcado pelo frio, mesmo com o predomínio do sol em quase todas as regiões.

REGIÃO NOROESTE :

A sexta-feira (29) será marcada por tempo firme, com névoa ao amanhecer.

 

SANTA ROSA:

Dia de sol com algumas nuvens e névoa ao amanhecer. Noite com poucas nuvens. Os termômetros variam de 8°C a 16°C

 

Compartilhe
[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Uncategorized

Defesa Civil e Inmet emitem alerta para risco de chuva intensa e temporal no RS

Publicado

em



O Rio Grande do Sul está sob alerta de temporal neste sábado (16). A Defesa Civil e o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) emitiram avisos de risco de temporais, com possibilidade de vento acima dos 60 km/h e granizo em todo o Estado ao longo do dia. Moradores de Porto Alegre e região receberam alerta via SMS da Defesa Civil estadual, indicando chuva constante, acompanhada de descargas elétricas e acumulados elevados. O comunicado do Inmet também vai nessa linha, com alerta para rajada de vento entre 60 km/h e 100 km/h, granizo, queda de árvores e alagamentos. O Inmet informa que o temporal deve ser mais intenso em municípios das regiões SulNoroesteOeste, Leste e Central.

A previsão da Climatempo corrobora essa projeção. Os maiores acumulados devem ser registrados no Norte, nas regiões da Serra metropolitana de Porto Alegre, na Fronteira Oeste, na Campanha e no Sul, segundo a empresa.

A meteorologista Fabiene Casamento, da Climatempo, afirma que a chuva foi intensa em pontos da Fronteira Oeste e do Norte entre a madrugada e o início da manhã deste sábado. A instabilidade diminuiu ao longo da manhã, mas volta com força na maior parte do Estado à tarde, segundo a especialista. Fabiene afirma que os temporais ocorrem diante de uma frente fria e de um ciclone extratropical.

Compartilhe
[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Trending

PORTAL PLURAL LTDA
ME 33.399.955/0001-12

© 2022 PORTALPLURAL.COM.BR Todos os direitos reservados.


×

Entre em contato

×