Nepotismo cruzado na Saúde e na Cidadania – Portal Plural
Connect with us

Destaque

Nepotismo cruzado na Saúde e na Cidadania

Publicado

em



 

Um caso de nepotismo cruzado pode embaralhar, mais uma vez, a Esplanada dos Ministérios. A polêmica envolve as pastas da Saúde e da Cidadania, respectivamente chefiadas por Luiz Henrique Mandetta e Osmar Terra. Na Saúde, foi empregada Marisete Scalco Franke, mulher do chefe de gabinete da Cidadania, Cláudio Franke. Sob o guarda-chuvas da Cidadania, por sua vez, está a mulher do secretário-executivo da Saúde João Gabbardo, Sabine Breton Baisch.

>>> Ministro demite funcionária após matéria sobre nepotismo cruzado <<<

A nomeação de Marisete foi publicada em 24 de maio, respaldada pelo Decreto nº 8.821/2016, endossada por Mandetta. Ela exerce o cargo de chefe de gabinete da Secretaria de Atenção Primária à Saúde. A de Sabine, que é personal trainer e ocupa o cargo de Gerente de Projeto da Secretaria-Executiva do Ministério da Cidadania, foi assinada por Osmar Terra em 11 de julho.

Para o ministro aposentado do Superior Tribunal de Justiça (STJ) Gilson Dipp, a situação pode ser qualificada como exemplo de nepotismo cruzado. “O caso configuraria esse ilícito, com certeza. E as medidas, agora, cabem às autoridades competentes. Mas me parece que órgãos controladores e fiscalizadores deveriam intervir. É trabalho para o Ministério da Transparência, que abarca a Controladoria-Geral da União (CGU).”

A CGU dispõe que nepotismo é quando um agente público usa sua posição de poder para nomear, contratar ou favorecer um ou mais parentes, sejam por vínculo de sangue ou afinidade — o que viola garantias constitucionais de impessoalidade administrativa. Nepotismo direto é aquele em que a autoridade nomeia seu próprio parente.

O nepotismo cruzado é aquele em que o agente público nomeia pessoa ligada a outro agente público, enquanto a segunda autoridade nomeia uma pessoa ligada por vínculos de parentescos ao primeiro agente, como troca de favores, também entendido como designações recíprocas. O Decreto nº 7.203, de 4 de junho de 2010 veda tanto o nepotismo direto, quanto o cruzado. Conforme disposto no Decreto nº 7.203/2010, é entendido como familiar o cônjuge, o companheiro ou o parente em linha reta ou colateral, por consanguinidade ou afinidade, até o terceiro grau.

Eleito na esteira da mudança, o presidente teria ficado sabendo do caso de nepotismo — o que causou mal-estar no governo e criou a curiosa possibilidade de substituição de Mandetta por Osmar. Assessores palacianos dizem que Bolsonaro teria se irritado com essas duas indicações correlatas, o que pode enfraquecer o discurso anticorrupção do Planalto.

Na Saúde, assessores afirmam não estar sabendo de nada sobre substituições, porque o presidente tem “diversas agendas” com o ministro, inclusive, para daqui há três meses. Oficialmente, a pasta foi procurada mas ainda não se pronunciou. O jornal também procurou a Cidadania, que também não respondeu às mensagens enviadas.

O fato é que Mandetta está distante do Planalto. E quem tem feito as intervenções de Saúde e pedido de Bolsonaro é Osmar Terra. “Nos eventos com ministros da Esplanada, o presidente demonstra o clima e não é difícil ler. Quando gosta da pessoa ou do trabalho que ela desempenha, dá abraços calorosos e marca reuniões em horários disputados”, afirma um assessor de Jair Bolsonaro.

Demissão de ministros
Bolsonaro demitiu três ministros nos primeiros meses de governo. O advogado Gustavo Bebbiano, da Secretaria Geral da Presidência da República, iniciou a lista, sendo exonerado com 48 dias de mandato, após se desentender com Carlos Bolsonaro e ter seu nome associado à denúncia de candidaturas de laranjas do PSL durante as eleições 2018. Ele foi substituído pelo general Floriano Peixoto, do Exército Brasileiro.

Menos de dois meses depois, o colombiano Ricardo Vélez Rodríguez, sugerido pelo filósofo Olavo de Carvalho para chefiar o ministério da Educação, deixou o cargo em meio a declarações polêmicas e boicotes. A Secretaria-Geral foi palco de novas mudanças quando o general Carlos Alberto dos Santos Cruz, um dos principais nomes nas Forças Armadas e que já havia assumido a chefia da pasta no lugar de Peixoto, foi exonerado após atrito com a ala olavista do governo.

A demissão de Santos Cruz marcou a terceira dispensa de um militar pelo governo em uma semana. Houve, ainda substituições — Floriano Peixoto não foi demitido, mas deixou a Secretaria-Geral rumo aos Correios. Tudo indica que poderá ocorrer o mesmo com Osmar Terra, se ele deixar a Cidadania para assumir a Saúde.

Procurado, o Palácio do Planalto disse que não vai comentar o caso.

Correio Braziliense

Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Destaque

Fenasoja prepara experiências que ficarão marcadas para os visitantes e expositores

Publicado

em



A Maior Feira Multissetorial do RS, a FENASOJA marcará a edição de 2022 pela inovação e por gerar experiências inesquecíveis tanto para o público visitante, quanto para os expositores. A nova Comissão de Desenvolvimento de Produto, presidida voluntariamente pela jornalista Patricia Kuhn trabalha para colocar em prática, ao longo dos 10 dias, projetos para que a marca FENASOJA e sua representatividade, fique marcada na lembrança de todos.

A Comissão busca criar produtos comerciais para promover experiências inesquecíveis para todos os públicos gerando valor aos patrocinadores e aumentando o resultado da feira. Patricia adianta que a Fenasoja e as marcas parceiras vão promover espaços onde os visitantes sejam impactados com diversas ações pensadas para encantar.

O trabalho da Comissão está alinhado as maiores tendências mundiais da era das experiências, onde marcas garantem aos seus clientes momentos memoráveis em todas as interações com o evento.

A jornalista salienta que já na entrada do parque o público se sentirá acolhido, e nos mais diversos setores da feira, poderá interagir com a marca e com a programação que estará acontecendo, principalmente no entretenimento. Os projetos são construídos junto das outras comissões da Feira, mapeando cada oportunidade de gerar novas conexões com todos os públicos da FENASOJA: visitantes, expositores, voluntários e comunidade.

A FENASOJA acontece de 29 de abril a 08 de maio no Parque de Exposições Alfredo Leandro Carlson, em Santa Rosa. A expectativa é de prospectar R$ 1 Bilhão em negócios, com um público de 250 mil visitantes.

[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Destaque

Equipe do Portal Plural e ex-prefeito Vicini visitam Tucunduva

Publicado

em



Na tarde desta quinta-feira (14/10), o Prefeito Municipal, Jonas Fernando, acompanhado da Assessora Jurídica, Juliane Camera Nedel, receberam no Gabinete a equipe do Portal Plural para uma visita cordial.

Na oportunidade esteve acompanhando a reunião o então ex-prefeito de Santa Rosa, Alcides Vicini, que hoje é Diretor do Portal Plural, onde falaram a respeito de projetos que beneficiam a região. Também participaram da reunião o Co-Fundador e Diretor Geral do Portal Plural,. Lucian Zorzan Andreola, Heitor Cardoso, CEO, e Eloisa Oliveira, Secretária Executiva da empresa.

[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Destaque

Sexta-feira será de chuva em todo o Rio Grande do Sul com Sexta-feira será de chuva em todo o Rio Grande do Sul

Publicado

em



A sexta-feira (15) será marcada por tempo instável em todo o Rio Grande do Sul. De acordo com o Climatempo, os maiores acumulados de chuva devem ocorrer em Vicente Dutra, Taquaruçu do Sul e Três Arroios, todas no Norte: 48mm (cerca de 28% do volume de chuva esperado para outubro nos municípios). O acumulado previsto para a Capital é de 24mm (17% do volume esperado para o mês na cidade).

O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) alerta para o risco de temporais, com queda de granizo, descargas elétricas e rajadas de vento de até 100 km/h, nas áreas destacadas em laranja (mapa abaixo). Nessas localidades, podem ocorrer transtornos como interrupção no fornecimento de energia elétrica, queda de árvores, alagamentos e estragos em plantações. Esse alerta se estende desde a noite desta quinta-feira (14) até o fim da manhã de sexta.

Ao amanhecer, Pedras Altas, no Sul, registra a mínima do dia: 8°C. Já a máxima, de 28°C, está prevista para Lagoa Bonita do Sul, no Vale do Rio Pardo, e Coronel Pilar, na Serra. Em Porto Alegre, os termômetros marcam de 16°C a 23°C.

No sábado (16), a tendência, segundo os meteorologistas, é de que ocorram pancadas fracas de chuva na Região Metropolitana, na Serra e no Litoral Norte. Nas demais áreas do Rio Grande do Sul, o tempo volta a ficar firme, mas com céu encoberto. A frente fria pode começar a  derrubar a temperatura gradativamente no Estado. A mínima, de 5°C, está prevista para Caçapava do Sul, na Campanha. Durante a tarde, os termômetros de Vicente Dutra, no Norte, não passam de 25°C, a máxima do RS. A variação térmica na Capital fica entre 14°C e 19°C.

Veja como deve ficar o tempo na sua região nesta sexta-feira (15): 
Região Metropolitana: a sexta-feira (15) terá tempo instável, com pancadas de chuva ao longo do dia. Há risco de temporais, com descarga elétrica, ventania e até queda de granizo. Em Esteio, os termômetros variam de 16°C a 22°C.

Serra gaúcha: a sexta-feira (15) terá tempo instável, com pancadas de chuva ao longo do dia. Há risco de temporais, com descarga elétrica, ventania e até queda de granizo. Em Vacaria, os termômetros variam de 14°C a 20°C.

Litoral Norte: a sexta-feira (15) terá tempo instável, com pancadas de chuva ao longo do dia. Em Torres, os termômetros variam de 17°C a 23°C.

Litoral Sul: a sexta-feira (15) terá tempo instável, com pancadas de chuva ao longo do dia. Em Rio Grande, os termômetros variam entre 14°C e 19°C.

Região Norte: a sexta-feira (15) terá tempo instável, com pancadas de chuva ao longo do dia. Há risco de temporais, com descarga elétrica, ventania e até queda de granizo. Em Passo Fundo, os termômetros variam de 14°C a 21°C.

Região Noroeste: a sexta-feira (15) terá tempo instável, com pancadas de chuva ao longo do dia. Há risco de temporais, com descarga elétrica, ventania e até queda de granizo. Em Cruz Alta, os termômetros variam de 15°C a 18°C.

Região Sul: a sexta-feira (15) terá tempo instável, com pancadas de chuva ao longo do dia. Em Canguçu, os termômetros variam de 10°C a 16°C.

Região Central: a sexta-feira (15) terá tempo instável, com pancadas de chuva ao longo do dia. Há risco de temporais, com descarga elétrica, ventania e até queda de granizo. Em Santa Maria, os termômetros variam de 14°C a 20°C.

Campanha gaúcha: a sexta-feira (15) terá tempo instável, com pancadas de chuva ao longo do dia. Em Candiota, os termômetros variam de 12°C a 17°C.

Fronteira Oeste: a sexta-feira (15) terá tempo instável, com pancadas de chuva ao longo do dia. Em Uruguaiana, os termômetros variam de 14°C a 21°C.

Veja como deve ficar o tempo em algumas cidades nesta sexta-feira (15):

  • Santa Rosa: pancadas de chuva intercaladas com períodos de tempo nublado. Mínima de 16°C e máxima de 22°C.
  • Erechim: pancadas de chuva intercaladas com períodos de tempo nublado. Mínima de 13°C e máxima de 20°C.
  • Uruguaiana: pancadas de chuva intercaladas com períodos de tempo nublado. Mínima de 14°C e máxima de 21°C.
  • Torres: pancadas de chuva intercaladas com períodos de tempo nublado. Mínima de 17°C e máxima de 23°C.
  • Rio Grande: pancadas de chuva intercaladas com períodos de tempo nublado. Mínima de 14°C e máxima de 19°C.
  • Mostardas: pancadas de chuva intercaladas com períodos de tempo nublado. Mínima de 16°C e máxima de 21°C.
  • Passo Fundo: pancadas de chuva intercaladas com períodos de tempo nublado. Mínima de 14°C e máxima de 21°C.
  • Bagé: pancadas de chuva intercaladas com períodos de tempo nublado. Mínima de 11°C e máxima de 18°C.
  • Tramandaí: pancadas de chuva intercaladas com períodos de tempo nublado. Mínima de 17°C e máxima de 24°C.
  • Xangri-lá: pancadas de chuva intercaladas com períodos de tempo nublado. Mínima de 17°C e máxima de 23°C.
  • Capão da Canoa: pancadas de chuva intercaladas com períodos de tempo nublado. Mínima de 17°C e máxima de 25°C.
  • São Borja: pancadas de chuva intercaladas com períodos de tempo nublado. Mínima de 15°C e máxima de 22°C.

 

Fonte: GZH

[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Trending

PLURAL AGÊNCIA DE PUBLICIDADE LTDA
ME 33.399.955/0001-12

© 2021 PORTALPLURAL.COM.BR Todos os direitos reservados.


×

Entre em contato

×