Acesse aqui
Rádio Web Portal Plural
Mercosul pode fechar acordo com mais países europeus até o fim do ano – Portal Plural
Connect with us

Destaque

Mercosul pode fechar acordo com mais países europeus até o fim do ano

Pável Bauken

Publicado

em



 

Depois da União Europeia, o Mercosul pode fechar mais um acordo com países europeus até o fim do ano, disse hoje (24) o secretário de comércio exterior do Ministério da Economia, Lucas Ferraz. O bloco sul-americano formado por Brasil, Argentina, Uruguai e Paraguai terá mais duas rodadas de negociação com EFTA, grupo que reúne Suíça, Islândia, Noruega e Liechtenstein, e o governo federal está otimista com a possibilidade de concluir as negociações.

“Assinaremos ainda este ano, com alto grau de certeza”, disse Lucas Ferraz, que participou da reunião da diretoria da Associação de Comércio Exterior do Brasil (AEB), no Rio de Janeiro. “É um acordo importante. Apesar de ser pequena, é uma região que é provavelmente o PIB per capita mais alto da Europa. Tem mais de uma vez e meia o PIB da Argentina, algo como 1,1 trilhão de dólares”.

Mercosul e EFTA devem retornar às negociações dentro de 30 dias e mais uma rodada de negociação deve acontecer até outubro. Até o fim de 2021, o secretário aposta ainda na conclusão de acordos comerciais do Mercosul com Canadá, Coréia do Sul e Cingapura, e, até o fim do mandato, o objetivo é se aproximar de um acordo com duas das maiores economias do mundo.

“Temos já um diálogo exploratório com Estados Unidos e Japão. É algo que está no nosso radar até o final desse governo. Estamos muito otimistas de que se consiga até o final desse mandato concluir essas negociações”, afirmou Ferraz.

Brexit

O secretário explicou que a forma como se dará a saída do Reino Unido da União Europeia pode fazer com que o Mercosul precise reiniciar as negociações com os britânicos, que têm até 31 de outubro para definir como se dará a separação, apelidada de Brexit.

A saída do bloco foi aprovada em um referendo popular em 2016, e, desde então, o governo britânico não conseguiu definir de que modo se dará o Brexit. A ex-primeira-ministra, Theresa May, conseguiu negociar um acordo que mantinha vantagens comerciais para britânicos e europeus, mas o parlamento britânico não aprovou os termos. Seu sucessor, Boris Johnson, assumiu com a disposição de levar o Brexit adiante mesmo sem acordo com a UE, caso não consiga renegociar os termos.

“Se o Reino Unido decide sair da União Europeia sem nenhum tipo acordo, ele passa a ser um país que não tem acordo especificamente com ninguém. Ele vai ter que renegociar todos os seus acordos, e, possivelmente, ele teria que renegociar o acordo com o Mercosul”, disse Lucas Ferraz, que afirma ser difícil fazer qualquer especulação porque todos os cenários ainda estão na mesa. “Para o Brasil, o interessante é que a gente mantenha os parâmetros do acordo como eles estão hoje. Portanto, se sai o Reino Unido, a nossa ideia é que o Mercosul renegocie um possível novo acordo com o Reino Unido nos mesmos parâmetros que foram negociados com o continente europeu”.

O acordo entre Mercosul e União Europeia eliminará tarifas de importação para mais de 90% dos produtos comercializados entre os dois blocos. O secretário prevê que a discussão da parte comercial do acordo deve levar um ano e meio para ser aprovada pelos europeus, o que faria com que as tarifas começassem a ser reduzidas entre o fim de 2020 e o início de 2021.

Os países do Mercosul terão 15 anos para eliminar as tarifas previstas no acordo, enquanto os europeus farão o mesmo em 10 anos. Lucas Ferraz acredita que prazo de 15 anos será suficiente para que os setores da economia brasileira se preparem para a concorrência com os produtos europeus, e também para que o o governo implemente reformas voltadas para a redução do custo de produzir no Brasil, como melhoria de infraestrutura, reforma tributária e desburocratização. “A gente acredita que o tempo é um tempo razoável”.

O acordo entre Mercosul e União Europeia deve adicionar à economia brasileira R$ 1 trilhão em exportações e importações nos próximos 15 anos, além de um ganho de R$ 500 bilhões no PIB e de R$ 450 bilhões em investimentos.

Fonte Agência Brasil
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Destaque

Homem morre após sofrer golpes de faca no Centro de Três de Maio

Portal Plural News HZ

Publicado

em



Um homem morreu após sofrer vários golpes de faca no Centro de Três de Maio. O crime ocorreu por volta das 21h30min, deste domingo (25). O autor fugiu do local.

De acordo com informações, a vítima foi surpreendida no momento em que estava próxima de um veículo na Av. Uruguai próximo da rótula. O homem foi socorrido pelo Corpo de Bombeiros, mas não resistiu e morreu quando recebia atendimento no Hospital São Vicente de Paulo.

A Brigada Militar atendeu a ocorrência e o registro do fato está sendo realizado na Delegacia de Polícia pela equipe volante.

Fonte: Paulo Marques Notícias

[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Destaque

Criança morre de forma trágica em Três de Maio

Portal Plural News HZ

Publicado

em



Uma criança de dois anos morreu de forma trágica no início da noite deste domingo (25), em Três de Maio. O fato ocorreu dentro de um veículo que transportava facas e espetos usados durante uma confraternização em um balneário.

Duas famílias depois de passarem o dia em um balneário retornavam para casa em dois veículos, momento que o motorista do automóvel que seguia na frente precisou fazer uma manobra brusca após ter problema em um dos pneus, ocasionando uma freada repentina no outro veículo onde estava criança que caiu sobre uma faca que lhe perfurou o peito.

Imediatamente a criança foi removida para a emergência do Hospital São Vicente de Paulo, mas não resistiu vindo a falecer por volta das 19h30min.

A Brigada Militar atendeu a ocorrência que foi registrada pela equipe volante da Polícia Civil. O caso será investigado.

Fonte: Paulo Marques Notícias

[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Clima/Tempo

Temporais que rumam pro Sul do Brasil trazem estragos na Argentina

Pável Bauken

Publicado

em



Uma frente fria avança pela Argentina e encontra na sua dianteira ar muito quente que elevou a temperatura a mais de 40ºC na tarde deste domingo (25) em províncias do Norte e do Nordeste do país como Chaco, Santiago del Estero e Formosa. Em Misiones, a temperatura passou de 37ºC. Ao encontrar o ar quente, o sistema frontal tem formado frentes de rajadas com vendavais.

Na sua passagem por Trebol, província de Santa Fé, no Centro da Argentina, a frente fria trouxe tempestade severa com vento destrutivo que fez muitos estragos como quedas de árvores, postes, destelhamentos e destruição de silos na zona rural.

A frente avança para o Norte e o Nordeste argentino, além do Sul do Brasil, provocando mais temporais fortes a severos de vento e granizo

O risco é maior para as partes Norte de Santa Fé e Entre Rios, e as províncias de Corrientes, Misiones, Chaco e Santiago del Estero entre domingo e a segunda-feira.

Alguns temporais na Argentina devem ser fortes a severos com danos por vento e queda de granizo, não se descartando tornados isolados.

Os temporais vão atingir também o Uruguai. As condições meteorológicas devem se deteriorar muito neste final de domingo no território uruguaio a partir do chamado Litoral Oeste e as tempestades devem seguir em parte do país ainda na segunda-feira.

A MetSul Meteorologia antecipa chuva localmente forte e volumosa e alta probabilidade de tempestades fortes a severas com risco de danos por vento e granizo.

Alguns vendavais isoladamente podem ser intensos e há risco de “turbonadas”, nome dado pelos uruguaios para eventos isolados e severos de vento com característica de microexplosão. Montevidéu está na área de risco de tormentas fortes.

Amanhã, segunda-feira, as fortes tempestades devem atingir também o Paraguai à medida que o sistema avança pelo Norte da Argentina e o Sul do Brasil.

Uma linha de temporais muito intensa e organizada deve avançar pelo Nordeste argentino e áreas a Oeste do Sul do Brasil, devendo alcançar o Paraguai ao longo da segunda. É muito alto o risco de tormentas fortes a severas de granizo e, especialmente, de vento forte com probabilidade de danos.

MetSul

[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Trending

© 2020 PORTALPLURAL.COM.BR Todos os direitos reservados.


×