Menina baleada na porta de casa em Niterói segurava boneca quando foi atingida; 'É o sangue dela', diz mãe - Portal Plural
Connect with us

Plantão 24H

Menina baleada na porta de casa em Niterói segurava boneca quando foi atingida; ‘É o sangue dela’, diz mãe

Publicado

em

Cristiane Gomes com a boneca da filha, Ana Clara, suja de sangue — Foto: Reprodução/TV Globo

Academia PersonaFAST AÇAÍ15 topo humberto pluralNuverabanner plano0 gold

 

 

De acordo com a família, dois tiros acertaram Ana Clara. Um cabo da Polícia Militar, suspeito de ter feito os disparos, foi preso.

 

A mãe da menina Ana Clara Machado, de 5 anos, morta após ser baleada na porta de casa enquanto brincava, contou que a filha segurava a boneca preferida — uma Mônica Baby — quando foi atingida.

Nesta quarta-feira (3), Cristiane Gomes Silva estava na Delegacia de Homicídios de Niterói com a boneca da filha nas mãos.

“Estava com ela, é o sangue dela. Minha filha tinha acabado de acordar. Ela acordou, chegou na porta, assim que ela viu a luz do dia, ela tomou um tiro. Só deu tempo de ela dormir à noite e acordar… só deu para ela acordar e dormiu agora eternamente”, disse a mãe.

De acordo com a família, a menina foi atingida duas vezes pelos disparos. O irmão mais novo, de 2 anos, estava junto com ela e viu tudo.

A Polícia Civil informou que a criança foi atingida durante uma operação de PMs do Patrulhamento Tático-Móvel do Largo da Batalha, na comunidade Monan Pequeno, no bairro de Pendotiba, em Niterói, Região Metropolitana do Rio.

Parentes da vítima afirmam que o militares só socorreram Ana Clara depois de muita insistência. Além disso, segundo a mãe, um dos policiais teria dito para outro PM “você fez besteira” ao ver a menina baleada.

A Polícia Militar disse que uma equipe fazia patrulhamento pela Estrada do Monan Pequeno quando suspeitos atiraram contra os policiais e os PMs reagiram. Em seguida, a equipe de patrulhamento viu pessoas pedindo socorro para uma criança ferida.

“Ela morreu no meu colo, dentro da viatura. Quando ela chegou no hospital, ela já estava em parada cardíaca, o coração não batia mais. Porque o policial ficou pensando se ia pegar ela ou não. Minha filha caída, baleada no chão, eu gritava “Pega minha filha, salva minha filha!”, e ele não sabia o que fazer, narrou a mãe.

“Teve uma hora que ele pegou ela e saiu, com ela pendurada, pra não encostar na farda dele, pra não sujar a farda dele de sangue”, contou Cristiane Silva.Policial é preso
Um cabo da Polícia Militar, suspeito de ter feito o disparo que atingiu Ana Clara, foi preso por homicídio doloso, com dolo eventual, quando se assume o risco de matar. A identidade dele não foi divulgada.

Segundo o delegado responsável pela investigação, o policial não confessou o disparo, mas o depoimento foi contraditório. As armas dos PMs que participaram da ação foram apreendidas.

“Não teve correria, não teve gente correndo, não teve troca de tiros, como eles alegam que teve (…) Ele vai voltar para casa, ele vai ver o filho dele, ele vai ver a mulher dele, ele vai ver os netos dele, ele vai ter a família dele. E a minha? E a minha filha, volta?”, disse Cristiane sobre o policial que realizou o disparo.

Entre 2007 e 2021, de acordo com a ONG Rio de Paz, 80 crianças morreram baleadas no Estado do RJ. O enterro de Ana Clara foi marcado para tarde desta quarta-feira (3).

 

 

FONTE: G1

Compartilhe
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Plantão 24H

Mulher é presa por matar filha recém-nascida e jogar na lixeira

Publicado

em

cameras bebes agora no vale.jpg

banner plano0 goldAcademia Persona15 topo humberto pluralFAST AÇAÍNuvera

A Polícia Civil de Canoas indiciou uma mulher de 33 anos pelo homicídio de sua filha recém-nascida. O corpo da criança foi encontrado em uma lixeira de um centro comercial onde a suspeita trabalhava. O crime chocante veio à tona após uma denúncia que levou os investigadores ao local, em junho deste ano.

Segundo informações da polícia, a bebê, que viveu por aproximadamente 10 horas, foi sufocada com uma fita adesiva pela própria mãe. As investigações apontam que a mulher teria amamentado a criança antes de cometer o homicídio. Imagens de câmeras de segurança do centro comercial foram cruciais para identificar a suspeita, mostrando seus movimentos próximos ao local onde o corpo foi encontrado.

De acordo com o delegado Arthur Reguse, responsável pelo caso, a mulher deu à luz em casa sem procurar assistência médica para o parto. No local, foram encontradas evidências como marcas de sangue, posteriormente confirmadas por luminol, uma substância que detecta vestígios de sangue mesmo após limpezas.

A mulher está presa desde a descoberta do crime. Ela já é mãe de outros dois filhos, que estão sob cuidados de familiares conforme determinação policial. O caso segue sob investigação para conclusão do inquérito e possível encaminhamento à Justiça.

 

Fonte: Agora no Vale

Compartilhe
[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Plantão 24H

Forças de segurança realizam operação para reprimir o furto de fios de cobres em pivôs de irrigação

Publicado

em

1721241386 61

FAST AÇAÍ15 topo humberto pluralAcademia PersonaNuverabanner plano0 gold

As Forças de Segurança representadas pela Polícia Civil e Brigada Militar em união de esforços, cumpriram nesta data, MBA em ponto comercial e residências localizadas nas cidades de São Miguel das Missões e Cruz Alta.

A ação controlada, entre outras ações já realizadas, foi fruto de um trabalho que começou após reunião solicitada pelo sindicato rural de Santo Ângelo através de seu presidente há meses atrás.

 

O trabalho hoje realizado pelas forças de segurança tem por objetivo dar continuidade aos já realizados na região de reprimir o furto de fios de cobres em pivôs de irrigação, bem como em estação de bombeamento dos pivôs de irrigação existentes na área rural. Nessa etapa, a investigação buscou indícios que demonstram a participação dos suspeitos nos crimes investigados. Foram apreendidos objetos que serão analisados.

A ação policial foi coordenada pela Delegada de Polícia Maria Rosane Fontela Nunes, titular da Delegacia de Polícia de Entre-Ijuís/RS. Também estiveram à frente da equipe Policiais Civis designados que representaram nessa oportunidade a futura Delegacia de Polícia DECRAB (Delegacia de Polícia Especializada na Repressão aos Crimes Rurais e de Abigeato) a ser instalada na cidade de Santo Ângelo/RS.

A Brigada Militar através do setor de inteligência instalado no CRPO Missões trabalhou em conjunto com a Polícia Civil durante toda essa etapa. Participaram das diligências até o momento Policiais Civis das Delegacias de Entre-Ijuís, DP São Miguel das Missões, DP Santo Ângelo, DPR Santo Ângelo, DP Santo Augusto, DP Jóia, DP Tupanciretã, DECRAB de Cruz Alta e DRACO de São Luiz Gonzaga.  A Brigada Militar participou das diligências com os Policiais Militares lotados nas cidades de Eugênio de Castro, Entre-Ijuís, São Miguel das Missões, Cruz Alta e Santo Ângelo, além dos setores de inteligências instalados no 7º RPMON e CRPO Missões.

 

Fonte: Rádio CIDADESA

Compartilhe
[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Plantão 24H

Criminoso assalta farmácia no centro de Ijuí; suspeito é preso pela BM

Publicado

em

img 20240717 wa0051

Academia Personabanner plano0 goldNuvera15 topo humberto pluralFAST AÇAÍ

Um homem assaltou a farmácia São João de Ijuí, filial situada à rua 13 de Maio, esquina com a rua Ernesto Alves, por volta das 19 horas e 45 minutos de hoje. No momento trabalhavam duas funcionárias. Não houve feridos. O ladrão foi até o caixa da farmácia, mas tinha pouco dinheiro, pois a movimentação financeira já tinha sido retirada para depósito. Diante disso, o assaltante roubou pequana quantia em dinheiro. Logo após, a Brigbada Militar prendeu o suspeito que foi apresentado na Polícia Civil. Não se sabe se o homem estava armado.,

 

Fonte: RPI.

Compartilhe
[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Compartilhe

[DISPLAY_ULTIMATE_SOCIAL_ICONS]

Trending

×

Entre em contato

×