INSS cria programa para identificar benefícios irregulares – Portal Plural
Connect with us

Geral

INSS cria programa para identificar benefícios irregulares

Pável Bauken

Publicado

em



 

Começa a funcionar a partir de hoje um programa vinculado ao Instituto Nacional de Seguro Social (INSS) que vai facilitar a identificação de benefícios irregulares e suspender esses pagamentos. Intitulada Programa de Governança e Integridade, a medida integra e cruza dados das instâncias administrativas do órgão, como diretorias de governança, auditoria e setores de gestão de pessoas.

“Esse novo programa parte da premissa de que tão ou mais importante do que a cessação de benefícios irregulares é a identificação das causas que levaram ao pagamento de forma irregular; a origem do benefício irregular; e por que ele ocorreu”, disse o presidente do INSS, Renato Vieira, durante a solenidade de lançamento do programa.

Segundo ele, esse processo de aprendizado permitirá, ao INSS, “uma diminuição gradativa e constante” do número de pagamentos irregulares.

Um balanço divulgado no início da semana pelo INSS aponta que 261 mil benefícios foram cancelados ou suspensos em 2019, após um pente fino ter encontrado “indícios de fraude e irregularidades”.

“Cada um desses benefícios [cessados] gera um aprendizado institucional para o INSS, no sentido de identificar as razões pelas quais houve o pagamento de benefícios irregulares, para que travas sejam estabelecidas e benefícios irregulares não sejam concedidos no futuro”, acrescentou Vieira.

Citando levantamento feito pelo Tribunal de Contas da União (TCU), Vieira disse que 11% dos benefícios mantidos pelo INSS têm indício de irregularidade.

O Sistema de Governança será encabeçado pelo Comitê Estratégico de Governança e auxiliado por seis comitês temáticos: planejamento; gestão da informação; governança digital; integridade; gestão de contratações; e gestão de pessoas. Eles atuarão como instâncias colegiadas de discussão e deliberação de temas críticos.

Também será reinstalada a Comissão de Ética do INSS, a quem caberá prevenir e reprimir desvios éticos dos servidores do órgão.

AGB

Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Geral

Pensando em morar no exterior? Senac Santa Rosa realiza live sobre oportunidades de trabalho fora do Brasil

Pável Bauken

Publicado

em



O total de brasileiros que moram no exterior, segundo o Ministério das Relações Exteriores, varia de 2 milhões a 3,7 milhões ou de 1 milhão a 3 milhões, segundo a Organização Internacional para as Migrações – 0,5% a 1,7% da população. Ciente do interesse de muitos brasileiros em morar fora do País, no dia 14 de maio, às 20h, o Senac Santa Rosa realizará a live gratuita “Trabalhe Legalmente Fora do Brasil”.

O evento será transmitido no Facebook do Senac Santa Rosa e tem como objetivo abordar o tema de como exercer algum tipo de função legalmente fora do Brasil, em uma conversa super descontraída. O encontro on-line será ministrado pela coordenadora de Idiomas do Senac Santa Rosa, Raquel Fernandes, e a coordenadora de idiomas do Senac Rio Grande, Élie de Olveira, que contarão como foi trabalhar de Au Pair em Connecticut (EUA) e em Dublin (Irlanda). Agende-se!

Mais informações podem ser obtidas no site da escola www.senacrs.com.br/santarosa ou pelo WhatsApp (55) 99117-7531.

[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Geral

Idosa caída dentro de casa há dois dias é salva por cães

Ela tropeçou em um chinelo e caiu, quebrando o fêmur e não conseguindo se movimentar. Segundo informações da polícia, aposentada passou dois dias sem comer ou beber água.

Pável Bauken

Publicado

em

Dupla de vira-latas salvou idosa caída ao chamar a atenção de vizinhos — Foto: Divulgação/Polícia Militar

Uma idosa de 76 anos que mora sozinha foi encontrada caída dentro de casa após seus cachorros conseguirem chamar a atenção dos vizinhos em Peruíbe, no litoral de São Paulo. Segundo apurado pelo G1 nesta segunda-feira (10), policiais se surpreenderam quando ouviram pedidos de socorro vindo de residência. De acordo com eles, a aposentada estava há dois dias caída no mesmo lugar.

Ao G1, o sargento Ismael Pinheiro, que atendeu a ocorrência junto com o cabo Rogério Lopes da Silva, contou que a Polícia Militar foi acionada pelos vizinhos da idosa para um caso de atitude suspeita, já que suspeitavam que algo pudesse estar acontecendo na residência devido à agitação dos dois vira-latas.

“Os vizinhos perceberam que os cachorros estavam muito agitados, latindo muito. Eles iam para os fundos e voltavam o tempo todo”, contou. Então, chegando perto do portão, os dois policiais militares perceberam o motivo da preocupação dos animais: a idosa estava pedindo socorro, mas baixo demais para ser ouvida pelas pessoas na rua.

Os policiais conseguiram entrar na residência forçando a porta e, dentro da casa, encontraram a idosa caída no chão. Ela contou que tropeçou em um chinelo e caiu, quebrando o fêmur. Como estava com muitas dores, não conseguia se levantar há dois dias e ficou sem comer, beber ou se mover para qualquer outra coisa.

“Os cachorros que pediram socorro por ela e chamaram os vizinhos. Estavam muito preocupados, acompanharam o atendimento. Se não fosse por eles aqui ela teria falecido, sem sombra de dúvidas. Ninguém iria escutar ela. Estava muito baixo”, contou o sargento.

O Corpo de Bombeiros foi acionado, assim como o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), que também prestou atendimento à idosa. Ela estava consciente, mas abalada pela situação. Por nota, a Diretoria Administrativa da UPA informou que a paciente chegou ao setor de emergência onde foi constatada lesão no fêmur.

Ela segue internada na unidade, com quadro estável, aguardando vaga pela Central de Regulação de Ofertas de Serviços (CROSS) para um hospital referência para avaliação do quadro ortopédico.

G1

[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Geral

Meio Ambiente realiza plantio de árvores em Santa Rosa

Pável Bauken

Publicado

em



Nesta semana, a equipe da Secretaria de Meio Ambiente realizou o plantio de mudas. As árvores foram plantadas no novo passeio da Escola Municipal de Ensino Fundamental Cívico-Militar Coronel Raul Oliveira, em Cruzeiro.

A escola coordena o projeto Raul, 61 anos de história: unindo gerações e preservando a natureza. O plantio ocorreu devido ao projeto do município para execução de um novo passeio público para adequação e acessibilidade. Houve a remoção de árvores, e com isso, ocorreu a reposição florestal obrigatória que foi realizada pelo serviço de compensação ambiental. Foram 18 mudas entre elas pitangueira, cerejeira, araçá e quaresmeira.

As mudas foram produzidas no viveiro municipal.

O Secretário de Meio Ambiente, João Carlos Dorneles, destaca que diversos locais da cidade estão recebendo plantio de árvores, “Na escola, tivemos cuidado com o porte adequado para evitar conflitos com a rede elétrica e calçadas, outros locais também estão recebendo mudas e solicitamos a ajuda da comunidade para manter elas”. A parceria ocorreu entre o município, escola e comunidade. O plantio teve participação ativa dos alunos da 5 série e da comunidade do entorno, que se comprometeram em auxiliar nos cuidados com as mudas.

Participaram da atividade Ana Paula Jung, Engenheira Florestal da Prefeitura, Diretora Adriana Escobar, Vice diretora Meiri Gomes, Coordenadora Lisandra Beutler, Professora do 5° Ano Andressa Perius, Orientadora Maritê Oliveira, Presidente CPM Joceli Lima, Lauri José kranez da comunidade e alunos.

[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Trending

© 2021 PORTALPLURAL.COM.BR Todos os direitos reservados.


×