Acesse aqui
Rádio Web Portal Plural
Guia da final do Campeonato Municipal de futebol de campo – Portal Plural
Connect with us

Destaque

Guia da final do Campeonato Municipal de futebol de campo

Pável Bauken

Publicado

em



 

Foram mais de dois meses de competição, nove equipes e vinte e duas partidas disputadas na categoria principal até o esperado momento da grande final que ocorre no domingo, 25 de agosto, no Estádio Municipal Carlos Denardin.

O Grupo Plural de Comunicação com o apoio da Academia Persona, Rodoauto Pneus, Colchões Ortobom, Fecopel Livraria, Cervejaria Lassberg, Azul Veículos, TW Transportes, Betunio Utilidades e Vigor Arte Show, fará a transmissão ao vivo da final do Campeonato Municipal de Futebol de Campo na categoria titulares, entre Associação Atlética Ouro Verde e Associação Planalto.

>>> TRANSMISSÃO AO VIVO, CONFIRA MAIS <<<

Em parceira com o repórter esportivo Bruno de Abreu o Portal Plural trás para você um guia para conhecer as equipes finalistas na categoria titulares.

Associação Planalto e Ouro Verde chegam para esta decisão com seus nomes já consolidados no cenário do futebol local e equipes recheadas de jovens talentos que vêm fazendo a diferença nas campanhas, e apesar de as duas equipes já terem se enfrentado na primeira rodada, com vitória do Ouro Verde por 2×1, é impossível para qualquer um hoje cravar um favorito, ambas as equipes têm critérios e pontos positivos que pesam a seu favor, resta aos espectadores torcer para que isso reflita-se no campo e tenhamos uma partida de qualidade.


Melhor Campanha: Campeão 1x (2018)
Treinador: Santo Martins (Bodão)
Local: Bairro Planalto

Fundado no dia 23 de agosto de 2015, a equipe da Associação Planalto tem apenas quatro anos de atividades porém mostrou um bom trabalho a curto prazo, e em cinco edições disputadas do Municipal, conquistou duas vezes o terceiro lugar e está em sua segunda final consecutiva, sendo também o atual campeão de forma invicta.

Para esta edição do campeonato, o time optou por manter a base campeã no ano passado, mantendo oito titulares, entre os reforços temos o goleiro Everton, o zagueiro Júnior e o atacante Cristian Gabriel, artilheiro do time na competição com seis gols e que conta com passagem em categorias de base de alguns times do país, entre eles o Bahia que disputa a Série A. Entre os remanescentes podemos destacar os dois autores dos gols do título, Gian Siqueira, jovem atacante de velocidade, e Marcelo Dluzniewski, meio campo experiente com passagem pelo futebol europeu. Além destes, destacamos também Dota, atleta que mais vestiu a camisa da equipe e toda a linha de defesa composta pelos laterais Jorge e Véio e a forte dupla de zaga formada por Raul e Júnior.

O equilíbrio de atletas experientes e campeões em outras edições com a juventude e potencial dos jovens e o entrosamento por ter mantido a base do título são os principais pontos fortes da Associação Planalto que vai confiante no seu trabalho para manter-se com o título.

Time Base

Artilharia
Cristian Gabriel: 6 gols
Nando Carvalho: 3 gols
Gian Siqueira: 2 gols

A Campanha até aqui
Associação Planalto 1×2 Ouro Verde
Associação Planalto 1×2 Guarani
Associação Planalto 8×1 Chapecoense
Associação Planalto 2×1 Esportivo
Associação Planalto 2×1 Farroupilha (quartas de final)
Associação Planalto 1×0 Guarani (semifinal)

● O Craque
Apesar da pouca idade, Gian Marcelo Siqueira já mostrou-se importante ao marcar um dos gols do título da equipe no campeonato passado. Suas principais características são velocidade e habilidade com a bola no pé, o jovem conta com dois gols no atual campeonato. Além disso, Gian é filho do atleta Alex Siqueira, nome conhecido na cidade que já disputou o Campeonato Municipal por diversas equipes e neto do ex jogador Góia, zagueiro que defendeu o Dínamo no acesso a divisão principal do Gauchão em 1991.

O Treinador
Santo Martins, popularmente conhecido como Bodão, é um personagem na história do esporte local e aos 48 anos de idade chega para buscar o seu quarto título municipal como treinador, sendo campeão em outras três oportunidades por três times diferentes (Tarumã em 2007, Palmeiras em 2016 e Ass. Planalto em 2018), também soma cinco títulos da Taça Noroeste de Futsal, pela equipe do Tarumã. Como jogador, Bodão fez parte da forte equipe do Ferroviário FC que conquistou vários títulos municipais nos anos 90, também soma 14 participações em Gauchão por diversos times do interior e disputou uma Série D do Brasileirão pelo Náutico.


 

Melhor Campanha: Campeão 1x (2009)
Treinador: Maikel de Oliveira
Local: Bairro Cruzeiro

Fundado em 17 de novembro de 1978, por um grupo de atletas e moradores da vila Julio de Oliveira, a Associação Atlética Ouro Verde é uma das equipes mais tradicionais de Santa Rosa, e tem seu nome marcado na história do esporte local. Campeão da categoria principal no ano de 2009, o Ouro Verde soma mais duas participações em finais (2005 e 2011), e tem como diferencial em seus jogos, o alento de sua inflamada torcida que acompanha a equipe onde for, não só no futebol de campo mas também futebol de areia, futsal, futebol 7, entre outros… A equipe também se orgulha por manter em sua sede um campo próprio, algo que poucas equipes possuem, campo esse que serviu na formação de diversos atletas, os quais citarei mais à frente no texto.

O ano de 2019 marcou o retorno do Ouro Verde às competições após cumprir uma suspensão de dois anos, fato esse que ficou no passado e o clube provou isso na sua reestruturação, com um planejamento muito bem executado e que mostrou resultados dentro de campo com o ótimo futebol apresentado até aqui. Uma jovem equipe foi montada, o treinador Maikel de Oliveira apresentou um projeto ousado, ter como base uma equipe com a média de idade baixíssima, porém onde a grande maioria destes jogadores já atuaram juntos em competições de nível estadual, por categorias de base da Juventus AC e SER Santa Rosa, muitas destas treinadas por Maikel de Oliveira.

A ideia deu certo, tendo o Ouro Verde chegado invicto à final, e com algumas goleadas históricas durante a campanha, como 16×2 na fase de grupos e 7×1 na semifinal. O jovem atacante Bernardo Flores, com passagem por categorias de base da dupla Grenal, é o artilheiro do campeonato com 10 gols, outros destaques são o atacante Cleisson, 5 gols, o meia Paco, 4 gols, e o volante Jedielson e o lateral Pelé, importantes tanto para o sistema defensivo quanto para o ofensivo. Vale lembrar que não a toa o Ouro Verde foi o time escolhido para a realização deste projeto, pois antes de serem treinados por Maikel no Juventus ou na SER, quase todos estes jovens jogaram juntos e tiveram seu início no futebol pelo Ouro Verde, sendo o clube muito importante na formação destes atletas, ou nas palavras do treinador, “eles são jogadores de futebol por causa do Ouro Verde, por causa daquele campo…”

time base

Artilharia
Bernardo Flores: 10 gols
Paco: 5 gols
Cleisson Diel: 4 gols

A Campanha até aqui
Ouro Verde 2×1 A. Planalto
Ouro Verde 2×2 Guarani
Ouro Verde 16×2 Chapecoense
Ouro Verde 5×0 Esportivo
Ouro Verde 3×2 Cruzeiro (quartas de final)
Ouro Verde 7×1 Esportivo (semifinal)

● O Craque
O jovem meia atacante de 21 anos, Espartacos Goral, popularmente conhecido como Paco, tem seu nome conhecido no cenário do futebol local e regional desde criança, destacando-se em competições escolares e categorias de base, nas mais diversas modalidades (campo, futsal…). O atleta alia sua técnica apurada e velocidade com uma habilidade e controle de bola acima da média, sendo muito difícil de ser marcado mano a mano, tem 5 gols no atual campeonato.

● O Treinador
Aos 35 anos, o jovem treinador Maikel de Oliveira tem passagem por categorias de base do Grêmio, e atuou profissionalmente pelo Juventus AC, time local. Em 2011 começou seu trabalho como treinador neste mesmo clube, onde ficou até 2016, já na SER Santa Rosa. Tem como referência Marcelo Baron e Marco Antônio Urnau, treinadores conhecidos na cidade, além do saudoso Beto Campos, que trabalhou por algumas temporadas na cidade e foi campeão gaúcho em 2017 com o Novo Hamburgo.

Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Agro

Chuvas animam produtores e contribuem para retomada dos plantios de soja

Pável Bauken

Publicado

em



As chuvas dos últimos dias animaram os produtores de soja, que em várias regiões realizaram plantios, mesmo sem condições adequadas de umidade. Na sequência, as chuvas ocorridas em todas as regiões contribuíram para a retomada das operações de plantio – que já atinge 61% no Rio Grande do Sul – para o desenvolvimento da cultura e também para o início das operações de tratos culturais.

De acordo com o Informativo Conjuntural produzido e divulgado pela Gerência de Planejamento, nesta quinta-feira (03/12), na região de Soledade, o  quadro geral da cultura é de normalidade. A ocorrência de chuva na última semana em grande parte da região aumenta o teor de umidade do solo e permite avanços no plantio da cultura que atinge 85% da área prevista, com 30% dos cultivos em germinação/emergência e 70% em desenvolvimento vegetativo.

As precipitações de distribuição irregular e volumes variados no Estado ocorridas durante a última semana contribuíram para amenizar o déficit hídrico ocasionado pelo longo período de tempo seco e para retomar os plantios e os tratos culturais do milho. Até esta quinta-feira (03/12), já chegam a 1.646 as comunicações de ocorrência de perdas para cobertura do Proagro.

A sequência de dias de tempo seco no RS foi interrompida por chuvas que ajudaram no desenvolvimento dos cultivos e na implantação final das lavouras de arroz, que já chega a 98%. E nas regiões de Frederico Westphalen, Porto Alegre, Soledade e Pelotas, a falta prolongada de chuvas vem comprometendo o desenvolvimento das lavouras do feijão primeira safra.

A ocorrência de chuvas com distribuição desuniforme e volumes variados no Estado não atrapalhou o avanço das colheitas de trigo, em fase de finalização, nas regiões de Bagé, Pelotas e Caxias do Sul, que ainda somam 1% restante de lavouras cultivadas no Estado a serem colhidas.

Acesse o Informativo Conjuntural em https://bit.ly/2JxNd8S

[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Destaque

Últimos dias para se inscrever no Vestibular de Medicina da Unijuí

Pável Bauken

Publicado

em



Encerra-se neste domingo, dia 6 de dezembro, o período para inscrições no Vestibular de Medicina da Unijuí. Os candidatos vão concorrer a 50 vagas para o curso, ofertado em turno integral e com duração de seis anos. Interessados podem acessar o site www.unijui.edu.br/vestibularmedicina para se inscrever.

Diferente do Vestibular de Verão, cujas provas serão aplicadas de forma virtual no domingo, dia 6, o Vestibular de Medicina terá seu processo seletivo presencial, no dia 13 de dezembro, junto à Sede Acadêmica da Unijuí. A Instituição adotará todas as medidas de segurança e distanciamento, evitando, assim, a propagação da covid-19.

Conforme consta no edital, o candidato do grupo de risco pode, inclusive, solicitar a realização da prova em sala com organização especial. Para isso, basta encaminhar uma solicitação e atestado médico via e-mail [email protected].

A prova do Vestibular de Medicina compreende uma redação e 40 questões objetivas, sobre quatro áreas do conhecimento: Matemática e suas Tecnologias; Ciências da Natureza e suas Tecnologias; Ciências Humanas e suas Tecnologias; e Linguagens, Códigos e suas Tecnologias. Os candidatos terão das 13h às 17h para finalizá-la.

Neste processo seletivo, o candidato também pode utilizar a nota do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de anos anteriores – 2016, 2017, 2018 ou 2019. Lembrando que, para utilizar a nota, o candidato deve ter concluído o Ensino Médio. Neste ano, em função da pandemia, o Enem será realizado somente no mês de janeiro de 2021, por essa razão não será possível utilizar a nota dessa edição do Exame.

O curso de Medicina da Unijuí prepara o aluno para atuar nas áreas de atenção à saúde, gestão e educação em saúde, nos sistemas público e privado, atendendo às necessidades individuais e coletivas. O curso conta com metodologia de ensino-aprendizagem diferenciada, baseada em metodologias ativas e com uma rede integrada de laboratórios de ensino, os quais permitem que o estudante vivencie as atividades profissionais desde o início do curso. Também propõe formação interdisciplinar, evidenciando a importância de cada área da saúde no desenvolvimento de competências, habilidades, valores e atitudes que constituem o médico enquanto agente de transformação na área de sua atuação profissional e cidadã.

Destaques do dia:

Mestrado em Atenção Integral à Saúde lança editais especiais

Vestibular de Verão Unijuí: confira tudo o que você precisa saber sobre a prova

[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Destaque

Hospital Vida & Saúde intensifica treinamentos, focando na qualificação dos profissionais

Pável Bauken

Publicado

em



Quando se tem a vida e a saúde de pessoas em suas mãos, é preciso manter uma rotina de treinamentos com as equipes assistenciais. Em algumas situações, como na pandemia, faz-se necessário intensificá-los, a fim de garantir toda a assistência possível no atendimento ao paciente e promover a segurança necessária ao trabalhador. E assim tem sido o trabalho do Núcleo de Educação Corporativa, (NEC) juntamente com o Núcleo de Segurança do Paciente (NSP) do Hospital Vida & Saúde.

Vários treinamentos têm sido realizados em diversas áreas do Hospital, como na UTI Adulto, Pediatria, Setor de Emergência, Unidade COVID, Unidades de Internação Abertas, entre outros. Em todos os setores, o Núcleo tem promovido a revisão da técnica de reanimação cardiopulmonar. Utilizando um manequim, os profissionais aliam mais rapidamente a teoria com a prática do seu dia a dia. Alguns treinamentos tiveram a participação integrada de Técnicos de Enfermagem, Enfermeiros e Médico das respectivas áreas.

Na UTI Adulto, para revisar as medidas e ações de prevenção de Lesões por Pressão, foram apresentadas simulações com situações realísticas para facilitar o entendimento sobre a importância da avaliação diária da pele, o correto posicionamento do paciente no leito, o reconhecimento dos diferentes estágios das lesões e medidas a serem adotadas para preveni-las, ou impedir seu avanço. Outra tarefa do NEC é enfatizar junto aos profissionais da assistência a importância da educação dos familiares cuidadores, preparando-os para dar continuidade dos cuidados necessários ao seu ente querido no período pós alta hospitalar.

Todos os treinamentos são planejados e organizados com base em protocolos atuais e preconizados por associações de referência. “O Núcleo de Educação Corporativa atua na coordenação dos treinamentos a partir do Levantamento de Necessidades de Treinamento de cada área, de acordo com o que as equipes julgarem necessário e com as sugestões do próprio Núcleo”, explica a enfermeira Jacinta Spies, coordenadora do NEC.

Além da qualidade dos treinamentos, a satisfação dos participantes também é uma das prioridades do Núcleo, e tem sido percebida através do preenchimento, via Google Forms, da Avaliação de Reação de Treinamento, atingindo níveis altos de aprovação.

 

[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

ENQUETE

O que você achou do site novo do Portal Plural?

Trending

© 2020 PORTALPLURAL.COM.BR Todos os direitos reservados.


×