Governador assina medidas para ampliar oferta de voos regionais – Portal Plural
Connect with us

Destaque

Governador assina medidas para ampliar oferta de voos regionais

Publicado

em



 

A partir da assinatura de dois decretos nesta quarta-feira (3/7) pelo governador Eduardo Leite, o Rio Grande do Sul deverá ter, pelo menos, o dobro do número de rotas de voos comerciais regionais. As medidas alteram o Programa Estadual de Desenvolvimento da Aviação Regional (PDAR-RS). Uma flexibiliza as formas de operação pelas companhias aéreas e a outra reduz a alíquota sobre o combustível das aeronaves.

O incentivo à aviação regional, encurtando as distâncias do interior gaúcho com a capital e outros Estados, faz parte da agenda de desenvolvimento proposta pelo governo. “Abreviar o tempo de deslocamento daqueles que querem empreender é fundamental para a atratividade de investidores e para manter aqui aqueles que têm negócios”, destacou Leite. “Isso demonstra que o governo não está focado apenas no ajuste fiscal, até porque está conectado à agenda de desenvolvimento econômico”, acrescentou.

Presidente da Frente Parlamentar em Defesa da Aviação Civil Regional na Assembleia, o deputado Frederico Antunes agradeceu ao governo por viabilizar as novas medidas. “O transporte aéreo deixou de ser algo de elite e, hoje, é uma necessidade pública, por isso, precisa, sim, de políticas públicas de forma a harmonizar o desenvolvimento em todo o território e estancar o êxodo das pessoas dos locais que não têm acesso rápido e seguro”, destacou Antunes.

Criado em 2015, o PDAR-RS resultou em seis rotas:

– Porto Alegre–Uruguaiana
– Porto Alegre–Santo Ângelo
– Porto Alegre–Santa Maria
– Porto Alegre–Pelotas
– Campinas (SP)–Passo Fundo
– Campinas (SP)–Caxias do Sul

A partir de um dos decretos assinado nesta quarta-feira, as companhias aéreas que aderirem ao programa poderão exercer as atividades por meio de contratos comerciais com terceiros. A autorização só será concedida a quem mantiver voos regulares em, pelo menos, quatro aeroportos.

De início, essa mudança na legislação já viabilizará seis novas rotas, todas entre a capital gaúcha e as cidades de Passo Fundo, Rio Grande, Bagé, Santa Rosa, São Borja e Santana do Livramento. “É um avanço no nosso objetivo de aproximar cada vez mais a população de um aeroporto com voos para Porto Alegre e para fora do Estado”, afirmou o secretário de Logística e Transportes, Juvir Costella.

O outro decreto prevê um benefício com a redução de base de cálculo na aquisição de querosene de aviação no Rio Grande do Sul. O novo texto possibilita que a alíquota do combustível possa cair a até 2%, levando em consideração cálculos que medem a quantidade de rotas ofertadas, a disponibilidade de assentos e a frequência de voos.

Esse benefício já foi autorizado pelo Conselho Nacional de Política Fazendária (Confaz) e vem sendo adotado por vários Estados para o desenvolvimento regional.

Conforme a Secretaria da Fazenda, o consumo de querosene no RS, nas operações incentivadas desde 2013, subiu 118% nos últimos seis anos, ajudando a fomentar uma atividade pouco explorada no Estado.

A partir da validade do decreto e com a adoção de medida similar a outras unidades da Federação, o Rio Grande do Sul torna-se ainda mais atrativo para as empresas do setor e para os setores envolvidos com os serviços de aviação.

“Estamos ampliando as possibilidades de benefício, dentro dos parâmetros do Confaz, com regras que entram em pleno vigor a partir de janeiro de 2020 e que terão previsão de quantidades mínimas e máximas de querosene abastecido no Estado”, disse o secretário da Fazenda, Marco Aurelio Cardoso.

O secretário também esclareceu que futuras adesões de empresas serão formalizadas em instruções normativas específicas para a oferta de novas rotas que liguem os grandes centros a diferentes destinos do RS.

Voos comerciais no RS

Atualmente, a Azul Linhas Aéreas integra o PDAR-RS, operando seis rotas regionais, com aeronaves de, pelo menos, 70 lugares. As rotas em operação são as seguintes:

– Porto Alegre–Santa Maria
– Porto Alegre–Uruguaiana
– Porto Alegre–Pelotas
– Porto Alegre–Santo Ângelo
– Caxias do Sul–Campinas (SP) (120 lugares)
– Passo Fundo–Campinas (SP) (120 lugares)

COMO SERÁ

Com as duas principais alterações no PDAR-RS (menor alíquota sobre o combustível de aeronaves e possibilidade de terceirizar a operação dos voos), a Gol Linhas Aéreas deverá oferecer seis novos voos regionais, com capacidade para nove passageiros cada, contratando a Two Flex para a operação dos voos.

As novas rotas, em fase de conclusão devem ser as seguintes:

– Porto Alegre–Rio Grande
– Porto Alegre–Bagé
– Porto Alegre–Santana do Livramento
– Porto Alegre–São Borja
– Porto Alegre–Santa Rosa
– Porto Alegre–Passo Fundo

Com a alíquota de ICMS menor, a Azul, que já está em atividade no PDAR-RS, pretende ampliar a atuação, operando as seguintes rotas:

– Porto Alegre–Bagé
– Porto Alegre–Santana do Livramento

Outras companhias que tiverem interesse e atenderem os requisitos exigidos pela legislação também podem protocolar pedidos para operar no RS.

Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Destaque

Fenasoja prepara experiências que ficarão marcadas para os visitantes e expositores

Publicado

em



A Maior Feira Multissetorial do RS, a FENASOJA marcará a edição de 2022 pela inovação e por gerar experiências inesquecíveis tanto para o público visitante, quanto para os expositores. A nova Comissão de Desenvolvimento de Produto, presidida voluntariamente pela jornalista Patricia Kuhn trabalha para colocar em prática, ao longo dos 10 dias, projetos para que a marca FENASOJA e sua representatividade, fique marcada na lembrança de todos.

A Comissão busca criar produtos comerciais para promover experiências inesquecíveis para todos os públicos gerando valor aos patrocinadores e aumentando o resultado da feira. Patricia adianta que a Fenasoja e as marcas parceiras vão promover espaços onde os visitantes sejam impactados com diversas ações pensadas para encantar.

O trabalho da Comissão está alinhado as maiores tendências mundiais da era das experiências, onde marcas garantem aos seus clientes momentos memoráveis em todas as interações com o evento.

A jornalista salienta que já na entrada do parque o público se sentirá acolhido, e nos mais diversos setores da feira, poderá interagir com a marca e com a programação que estará acontecendo, principalmente no entretenimento. Os projetos são construídos junto das outras comissões da Feira, mapeando cada oportunidade de gerar novas conexões com todos os públicos da FENASOJA: visitantes, expositores, voluntários e comunidade.

A FENASOJA acontece de 29 de abril a 08 de maio no Parque de Exposições Alfredo Leandro Carlson, em Santa Rosa. A expectativa é de prospectar R$ 1 Bilhão em negócios, com um público de 250 mil visitantes.

[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Destaque

Equipe do Portal Plural e ex-prefeito Vicini visitam Tucunduva

Publicado

em



Na tarde desta quinta-feira (14/10), o Prefeito Municipal, Jonas Fernando, acompanhado da Assessora Jurídica, Juliane Camera Nedel, receberam no Gabinete a equipe do Portal Plural para uma visita cordial.

Na oportunidade esteve acompanhando a reunião o então ex-prefeito de Santa Rosa, Alcides Vicini, que hoje é Diretor do Portal Plural, onde falaram a respeito de projetos que beneficiam a região. Também participaram da reunião o Co-Fundador e Diretor Geral do Portal Plural,. Lucian Zorzan Andreola, Heitor Cardoso, CEO, e Eloisa Oliveira, Secretária Executiva da empresa.

[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Destaque

Sexta-feira será de chuva em todo o Rio Grande do Sul com Sexta-feira será de chuva em todo o Rio Grande do Sul

Publicado

em



A sexta-feira (15) será marcada por tempo instável em todo o Rio Grande do Sul. De acordo com o Climatempo, os maiores acumulados de chuva devem ocorrer em Vicente Dutra, Taquaruçu do Sul e Três Arroios, todas no Norte: 48mm (cerca de 28% do volume de chuva esperado para outubro nos municípios). O acumulado previsto para a Capital é de 24mm (17% do volume esperado para o mês na cidade).

O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) alerta para o risco de temporais, com queda de granizo, descargas elétricas e rajadas de vento de até 100 km/h, nas áreas destacadas em laranja (mapa abaixo). Nessas localidades, podem ocorrer transtornos como interrupção no fornecimento de energia elétrica, queda de árvores, alagamentos e estragos em plantações. Esse alerta se estende desde a noite desta quinta-feira (14) até o fim da manhã de sexta.

Ao amanhecer, Pedras Altas, no Sul, registra a mínima do dia: 8°C. Já a máxima, de 28°C, está prevista para Lagoa Bonita do Sul, no Vale do Rio Pardo, e Coronel Pilar, na Serra. Em Porto Alegre, os termômetros marcam de 16°C a 23°C.

No sábado (16), a tendência, segundo os meteorologistas, é de que ocorram pancadas fracas de chuva na Região Metropolitana, na Serra e no Litoral Norte. Nas demais áreas do Rio Grande do Sul, o tempo volta a ficar firme, mas com céu encoberto. A frente fria pode começar a  derrubar a temperatura gradativamente no Estado. A mínima, de 5°C, está prevista para Caçapava do Sul, na Campanha. Durante a tarde, os termômetros de Vicente Dutra, no Norte, não passam de 25°C, a máxima do RS. A variação térmica na Capital fica entre 14°C e 19°C.

Veja como deve ficar o tempo na sua região nesta sexta-feira (15): 
Região Metropolitana: a sexta-feira (15) terá tempo instável, com pancadas de chuva ao longo do dia. Há risco de temporais, com descarga elétrica, ventania e até queda de granizo. Em Esteio, os termômetros variam de 16°C a 22°C.

Serra gaúcha: a sexta-feira (15) terá tempo instável, com pancadas de chuva ao longo do dia. Há risco de temporais, com descarga elétrica, ventania e até queda de granizo. Em Vacaria, os termômetros variam de 14°C a 20°C.

Litoral Norte: a sexta-feira (15) terá tempo instável, com pancadas de chuva ao longo do dia. Em Torres, os termômetros variam de 17°C a 23°C.

Litoral Sul: a sexta-feira (15) terá tempo instável, com pancadas de chuva ao longo do dia. Em Rio Grande, os termômetros variam entre 14°C e 19°C.

Região Norte: a sexta-feira (15) terá tempo instável, com pancadas de chuva ao longo do dia. Há risco de temporais, com descarga elétrica, ventania e até queda de granizo. Em Passo Fundo, os termômetros variam de 14°C a 21°C.

Região Noroeste: a sexta-feira (15) terá tempo instável, com pancadas de chuva ao longo do dia. Há risco de temporais, com descarga elétrica, ventania e até queda de granizo. Em Cruz Alta, os termômetros variam de 15°C a 18°C.

Região Sul: a sexta-feira (15) terá tempo instável, com pancadas de chuva ao longo do dia. Em Canguçu, os termômetros variam de 10°C a 16°C.

Região Central: a sexta-feira (15) terá tempo instável, com pancadas de chuva ao longo do dia. Há risco de temporais, com descarga elétrica, ventania e até queda de granizo. Em Santa Maria, os termômetros variam de 14°C a 20°C.

Campanha gaúcha: a sexta-feira (15) terá tempo instável, com pancadas de chuva ao longo do dia. Em Candiota, os termômetros variam de 12°C a 17°C.

Fronteira Oeste: a sexta-feira (15) terá tempo instável, com pancadas de chuva ao longo do dia. Em Uruguaiana, os termômetros variam de 14°C a 21°C.

Veja como deve ficar o tempo em algumas cidades nesta sexta-feira (15):

  • Santa Rosa: pancadas de chuva intercaladas com períodos de tempo nublado. Mínima de 16°C e máxima de 22°C.
  • Erechim: pancadas de chuva intercaladas com períodos de tempo nublado. Mínima de 13°C e máxima de 20°C.
  • Uruguaiana: pancadas de chuva intercaladas com períodos de tempo nublado. Mínima de 14°C e máxima de 21°C.
  • Torres: pancadas de chuva intercaladas com períodos de tempo nublado. Mínima de 17°C e máxima de 23°C.
  • Rio Grande: pancadas de chuva intercaladas com períodos de tempo nublado. Mínima de 14°C e máxima de 19°C.
  • Mostardas: pancadas de chuva intercaladas com períodos de tempo nublado. Mínima de 16°C e máxima de 21°C.
  • Passo Fundo: pancadas de chuva intercaladas com períodos de tempo nublado. Mínima de 14°C e máxima de 21°C.
  • Bagé: pancadas de chuva intercaladas com períodos de tempo nublado. Mínima de 11°C e máxima de 18°C.
  • Tramandaí: pancadas de chuva intercaladas com períodos de tempo nublado. Mínima de 17°C e máxima de 24°C.
  • Xangri-lá: pancadas de chuva intercaladas com períodos de tempo nublado. Mínima de 17°C e máxima de 23°C.
  • Capão da Canoa: pancadas de chuva intercaladas com períodos de tempo nublado. Mínima de 17°C e máxima de 25°C.
  • São Borja: pancadas de chuva intercaladas com períodos de tempo nublado. Mínima de 15°C e máxima de 22°C.

 

Fonte: GZH

[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Trending

PLURAL AGÊNCIA DE PUBLICIDADE LTDA
ME 33.399.955/0001-12

© 2021 PORTALPLURAL.COM.BR Todos os direitos reservados.


×

Entre em contato

×