Fim de semana de Nossa Senhora Aparecida terá Viagem Segura – Portal Plural
Connect with us

Uncategorized

Fim de semana de Nossa Senhora Aparecida terá Viagem Segura

Publicado

em



 

Sábado é feriado nacional de Nossa Senhora Aparecida, padroeira do Brasil. Mas também é o Dia das Crianças e muitos pais, avós, padrinhos ou tios estarão circulando pelas rodovias e vias municipais do Estado transportando os pequenos. Com o objetivo de preservar vidas, Polícia Rodoviária Federal (PRF), Brigada Militar (BM), Comando Rodoviário da BM (CRBM), DetranRS e Polícia Civil estarão mobilizados na Viagem Segura de Aparecida.

A 108ª edição da Viagem Segura se estende por três dias, desde a zero hora desta sexta-feira (11/10) até a meia-noite de domingo (13/10), com intensiva na fiscalização e realização de ações educativas pelas instituições parceiras que colaboram na Viagem Segura: órgãos de trânsito municipais (EPTC na capital), ANTT, DNIT, Cetran/RS, Daer, Empresa Gaúcha de Rodovias e Famurs.

Acidentalidade

A análise dos acidentes fatais decorrentes dos feriados de Nossa Senhora Aparecida (2007-2018) aponta que a média de mortes foi de 6,5 por dia, o que corresponde a dizer que a cada 3 horas e 41 minutos, aproximadamente, uma pessoa perde a vida no trânsito. No ano passado, em quatro dias ocorreram 15 acidentes fatais, que resultaram em 21 mortes, contabilizado o acompanhamento das vítimas até 30 dias após a ocorrência.

A análise da data nos últimos 12 anos aponta um pico de acidentalidade fatal em 2010, quando morreram 40 pessoas em cinco dias. A menor média histórica foi em 2011 (quatro mortes/dia), e a maior em 2016 (média de 12 mortes/dia). De 2007 a 2018, 254 vidas foram perdidas nos feriados de Nossa Senhora Aparecida.

Ações de comunicação

Estará no ar a campanha A escolha é sua, assinada pelas instituições parceiras da Viagem Segura. Com peças para televisão, rádio e redes sociais, a campanha aborda dois dos comportamentos de risco mais frequentes e nocivos observados na estrada: o excesso de velocidade e a falta de uso do cinto de segurança. A proposta é mostrar ao condutor que, além das leis de trânsito, há as leis da física, que, quando desrespeitadas, geram graves consequências.

Também haverá distribuição de adesivos do Movimento Empatia no Trânsito – você no lugar do outro, e do Guia da Viagem Segura, material educativo com importantes orientações sobre condução segura, nas praças de pedágio da CCR Via Sul e da EGR.

A diretora institucional do DetranRS, Diza Gonzaga alerta para o cuidado com as crianças.“Muitas famílias vão levar seus filhos para passear e curtir o feriado, então lembre-se que o seu abraço aquece, conforta, mas no automóvel ele não protege, por isso use sempre a cadeirinha e o cinto de segurança. Com as crianças todo o cuidado é pouco. Elas podem ser descuidadas, os adultos não! Dirija com prudência e exerça empatia em relação àqueles que compartilham a via com você, para só trazermos boas lembranças. Nunca dirigir depois de beber, não exceder a velocidade, só fazer ultrapassagens em locais permitidos e usar os equipamentos de segurança são atitudes que salvam vidas”.

Texto: Ascom DetranRS
Edição: Secom

Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Destaque

DRACO SANTA ROSA com novidades

Publicado

em



Uma novidade foi lançada em Santa Rosa/RS a DRACO agora conta com um número de whats próprio para denúncias e informações, 24hrs, 7 dias por semana.

”A idéia é proporcionar um canal para a comunidade se comunicar com a Polícia Civil de forma fácil e sigilosa.” destacou o delegado Tiago Tescke.

[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Ensino

O CRA/RS promove a interiorização e discute a sua inserção nas comemoração dos 100 anos da Setrem

Publicado

em



Capitaneados pelo Delegado Regional do CRA, o Administrador Carlos Norberto Filipin, a Setrem sediou reunião de interiorização do Conselho Regional de Administração do RS, e discutiram junto com a Amufron ações para comemoração dos 100 anos da instituição.

No último dia 01 de outubro de 2021, as 14 horas, realizou-se uma reunião de interiorização do Conselho Regional de Administração do Rio Grande do Sul – CRA/RS na cidade de Três de Maio, capitaneados pelo Delegado Regional do CRA/RS, o administrador Carlos Norberto Filipi, tendo como local o Campus da Setrem, e teve a representação da Direção da instituição, citando a presença dos administradores, Sandro Ergang, Mauro Alberto Nuske e Alexandre Chapoval Neto, e ainda contou com a presença de toda a Diretoria do Conselho Regional de Administração do Rio Grande do Sul – CRA/RS, liderados pela presidente do CRA-RS, Adm. Claudia Abreu, na oportunidade este participando o prefeito de Boa Vista do Buricá e Presidente da Amufron, Joãozinho Sehnem, onde se discutiu a inserção do CRA/RS nos 100 anos da Setrem, reafirmando a importância do trabalho da representação do Conselho, que registra um marco importante para a profissão.

[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Uncategorized

Câmara aprova repasse adicional a municípios; impacto em 2022 é de R$ 1,6 bilhão

Publicado

em



Porcentual vai se elevando ano a ano até atingir 1% em 2025, quando o repasse será o equivalente a R$ 4,6 bilhões

O plenário da Câmara dos Deputados aprovou na noite desta quarta-feira (6) um repasse adicional de 1% das receitas com Imposto de Renda e IPI aos municípios. Como a proposta de emenda à Constituição (PEC) foi votada em segundo turno e já foi aprovada pelos senadores, o texto vai à promulgação. Não cabe possibilidade de veto do presidente da República.

A Confederação Nacional dos Municípios (CNM) celebrou a aprovação da proposta, que significará um incremento de R$ 1,6 bilhão no caixa das prefeituras em setembro de 2022, o equivalente a 0,25% das receitas com IR e IPI. O porcentual vai se elevando ano a ano até atingir 1% em 2025, quando o repasse será o equivalente a R$ 4,6 bilhões (em valores de hoje).

A proposta teve apoio massivo no plenário da Câmara, inclusive da base governista. O texto foi aprovado por 456 votos a três. O resultado da votação, porém, foi considerado ruim pela área econômica, pois resulta em menos receitas para a União.
Os municípios já recebem hoje um repasse de 22,5% das receitas com IR e IPI por meio do Fundo de Participação dos Municípios (FPM). Além disso, nos últimos anos foram aprovados 1% adicional nos meses de dezembro e mais 1% nos meses de julho.

As investidas das prefeituras para abocanhar mais 1% de FPM nos meses de setembro vêm desde 2015. O texto foi aprovado no Senado em 2017 e recebeu aval dos deputados em primeiro turno no fim de 2019.
Em dezembro do ano passado, a proposta foi pautada para o segundo turno de votação a pedido da própria base do governo, o que levou a uma mobilização no Ministério da Economia para barrar a medida.

Fonte : estadão

[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Trending

PLURAL AGÊNCIA DE PUBLICIDADE LTDA
ME 33.399.955/0001-12

© 2021 PORTALPLURAL.COM.BR Todos os direitos reservados.


×

Entre em contato

×