Filme do Coiote vai mesmo acontecer e já tem diretor – Portal Plural
Connect with us

Curiosidades

Filme do Coiote vai mesmo acontecer e já tem diretor

Publicado

em



 

Não sabia que o filme do Coiote estava na fila de produção da Warner Bros.? Então aqui vão duas novidades, o projeto não apenas estava na fila como acaba de ganhar um diretor. Ou seja, o improvável filme do Coiote vai mesmo acontecer. Efeito Sonic ou não, fato é que Dave Green foi designado para ficar a cargo do longa intitulado Coyote vs. Acme. Até o momento, o diretor foi o único nome confirmado. De acordo com a Variety, o próximo passo é encontrar um roteirista com ânimo suficiente para aceitar a desenvolver o filme.

Coyote vs. Acme será uma produção híbrida, isto é, terá cenas tanto em live action quanto em animação. Coiote é um dos personagens mais famosos do Looney Tunes. Ele foi criado por Chuck Jones em 1949. Com a popularidade grande, ele ganhou seu próprio desenho onde ele não media esforços caçar o Papa-Léguas. Todos os acessórios usados por ele na sua perseguição eram financiados pela companhia fictícia Acme.

Filme do Coiote

Embora o Coiote seja considerado o vilão da história, muitas crianças que cresceram assistindo ao desenho hoje já não o enxergam de tal forma. Atualmente, muitos encaram o Coiote como uma das vítimas do Papa-Léguas. Ele sim, o verdadeiro poltergeist encarnado. O trabalho mais recente de Dave Green, e também o mais conhecido, é As Tartarugas Ninja: Fora das Sombras, de 2016. Até o momento, não há informações adicionais sobre o filme.

Além de Coyote vs. Acme, a Warner Animation também está trabalhando na sequência de Space Jam; outro híbrido entre live action e animação. O primeiro contou com Michael Jordan, então astro do basquete na época, interagindo com os personagens da Hannah-Barbera. A continuação, por sua vez, contará com a participação de LeBron James, atual estrela da NBA. Chloe Grace Moretz, Michael PenaRob Delaney e Ken Jeong completam o elenco.

Fonte: Fatos Desconhecidos

Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Curiosidades

Noiva é chamada de “estúpida” pelo marido e se divorcia 3 minutos após casamento

Publicado

em



 

Nas redes sociais, internautas comentaram a decisão da noiva; veja o caso

Você conhece alguém que já viveu um casamento relâmpago? Um casal que vive em Kuwait, no Oriente Médio, passou a estampar o noticiário de diversos veículos internacionais por um motivo para lá de inusitado. Eles oficializaram a relação em um tribunal e, ao sair, a noiva sofreu um incidente, o que resultou no divórcio.

De acordo com o portal Q8 News , a noiva tropeçou acidentalmente quando estava saindo do local e o marido gritou e a chamou de “estúpida”. Apesar de ter assinado o contrato de casamento cerca de três minutos antes, a mulher ficou furiosa, voltou e implorou ao juiz que cancelasse a união imediatamente.

Mesmo que os noivos não tenham sido identificados, a ex-recém-casada recebeu apoio dos internautas nas redes sociais. Alguns chegaram a dizer que ela era inteligente por encerrar o matrimônio nessas circunstâncias enquanto uma jovem postou no Twitter que “um casamento sem respeito é fracassado desde o começo.” Outro, mais radical, ainda deu um conselho: “Nunca se case.”

Outro caso em que noiva e noivo se divorciam por motivo inusitado

Na Índia, outro caso de casamento rápido chamou atenção. Os noivos tinham realizado todos os rituais de uma típica união indiana e estavam se preparando para comemorar em um jantar, que é tradicionalmente oferecido após a cerimônia. Porém, a felicidade de recém-casados não durou por muito tempo, já que a refeição terminou em divórcio .

Segundo as informações divulgadas pelo portal local The India Times , a família do noivo não gostou dos pratos que estavam sendo servidos na recepção do casamento e começou a brigar com os familiares da noiva, que decidiram revidar. Ao ver que a discussão estava acalorada, um dos convidados chamou a polícia, que interrompeu a briga.

Imediatamente após o ocorrido, tanto a família da noiva quanto do noivo ligaram para seus respectivos advogados para oficializar a separação do casal ainda durante a festa. Eles também devolveram todos os presentes que foram trocados durante a cerimônia.

 

FONTE:DELAS.IG

[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Curiosidades

Maior faixa de pedestre do país, com 40 metros de extensão, é liberada para uso

Publicado

em



 

Sinalização, que possui 40 metros de extensão, foi implantada em um cruzamento.

 

A maior faixa de pedestre do país, com 40 metros de extensão, no cruzamento da Avenida Tristão Gonçalves com a Rua Liberato Barroso, no Centro de Fortaleza, está liberada para uso dos pedestres a partir desta segunda-feira (31).

Conforme a Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC), a sinalização, que começou a ser implantada na última sexta-feira (28), tem o objetivo de garantir a quem anda a pé mais tranquilidade para realizar a travessia.

Além da faixa de pedestres, a ação amplia a área da calçada com uso de cores que chamam a atenção, dando mais segurança para acomodar os pedestres.

Movimentação no Centro
A AMC estima que diariamente sejam realizadas 216 mil viagens ao Centro, sendo 66% realizada a pé, de ônibus, bicicleta e metrô.

O bairro registrou nos últimos cinco anos 5.493 mil acidentes. Deste total, 439 foram atropelamentos. 2.838 pessoas ficaram feridas e 47 perderam a vida neste período.

Dados do Relatório de Segurança Viária mostram que os pedestres representaram 33,7% das vítimas fatais e 11,2% das vítimas feridas de sinistros de trânsito no ano passado.

 

FONTE: G1

[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Curiosidades

Conjunto de cogumelos de 18 kg é encontrado em chácara

Publicado

em



 

Fungos foram doados para pesquisadores para realização de estudos.

 

Um conjunto de cogumelos de 18,2 quilos e de 62 centímetros foi encontrado em uma chácara no interior de Maravilha, no Oeste catarinense. Desde 13 de maio, dia da retirada, os fungos estão sendo estudados por pesquisadores para determinar a espécie.

O dono da chácara disse que um funcionário estava realizando o plantio de árvores na região, quando se deparou com os fungos. Em um primeiro momento, segundo o proprietário, o colaborador disse que se tratava de uma “cachopa branca de abelhas”, dado o tamanho do conjunto de cogumelos.

“Ao limpar, com muita calma, [o funcionário] ficou surpreso ao ver que na realidade era um cogumelo gigante. Me ligou e imediatamente fui lá ver. Fiquei deslumbrado e emocionado ao me deparar com aquela imagem maravilhosa”, disse o médico e dono da chácara, Evandro Nicola.

Dono da chácara segura cogumelo gigante — Foto: Evandro Nicola/Arquivo Pessoal

 

Com a raridade do achado, o médico resolveu compartilhar a descoberta com os pesquisadores do curso de ciência biológicas da Universidade Comunitária da Região de Chapecó (Unochapecó).

O fungo está sendo analisado também por especialistas da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e da Universidade Federal da Paraíba (UFPB).

O professor de biologia e pesquisador Adriano Dias confirma a raridade do cogumelo. “Eu nunca tinha visto um deste tamanho”, disse.

Fungo integrará o acervo do museu de ciências naturais de instituição no Oeste de SC — Foto: Unochapecó/Reprodução

Ele afirma que somente estudos mais detalhados poderão precisar a espécie do fungo, mas, após conversas com especialistas, pode se tratar de Macrocybe titans ou Macrocybe praegrandis e que provavelmente não é venenoso. Análises ainda mostrarão se a espécie é comestível.

O professor explica que outros exemplares com este podem aparecer na mesma região. Ele ressalta que o cogumelo é uma estrutura produzida por fungos que não são visíveis a olho nu.

“O cogumelo é geralmente a ponta do iceberg. O cogumelo é uma estrutura produzida pelo fungo quando vai fazer reprodução sexuada, mas geralmente há muito mais dele no ambiente, mas não visível a olho nu. É bastante provável que surjam novos destes cogumelos na região. [Os fungos] dificilmente formam o cogumelo, são encontros ocasionais. Por isso, é muito interessante termos achado ele aqui na região”, afirma.

Retirada e estudo

Com a doação feita à universidade, o cogumelo teve que ser retirado do local. A equipe do Museu de Ciências Naturais da instituição realizou o procedimento. O cogumelo fará parte do acervo do local junto com os demais exemplares nativos da região.

O fungo teve que ser cortado em fatias para realizar o processo de desidratação. Ele ainda passará por uma série de procedimentos padrões para garantir sua conservação e análise.

“Esse é um tipo de fungo com muita água, pouco resistente. Por isso, certamente no processo de conservação ele não vai ficar como foi encontrado. Ele vai ser desidratado, e nisso vai perder 80% do volume, e a partir daí ele vai poder ser conservado”, conclui Adriano Dias de Oliveira.

 

FONTE: G1

[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

ENQUETE

Trending

© 2021 PORTALPLURAL.COM.BR Todos os direitos reservados.


×