Ficamos no Vermelho! Santa Rosa tem recurso negado. – Portal Plural
Connect with us

Destaque

Ficamos no Vermelho! Santa Rosa tem recurso negado.

Publicado

em



Com quatro recursos aceitos, mapa definitivo da 28ª semana tem sete regiões em vermelho

Pedidos de reconsideração de Caxias do Sul, Guaíba, Passo Fundo e Porto Alegre foram aceitos pelo Gabinete de Crise

O mapa definitivo da 28ª rodada do Distanciamento Controlado terá, a partir desta terça-feira (17/11), sete regiões em bandeira vermelha (risco epidemiológico alto). Isso porque o Gabinete de Crise deferiu, nesta segunda-feira (16/11), quatro pedidos de reconsideração enviados por municípios e associações regionais. Assim, o Rio Grande do Sul fica com sete regiões em bandeira vermelha e 14 em bandeira laranja (risco epidemiológico médio). As bandeiras da 28ª semana são válidas até as 23h59 de segunda-feira (23/11).

Os pedidos de reconsideração das regiões Covid de Porto Alegre, Passo Fundo, Guaíba e Caxias do Sul foram aceitos pelo Gabinete de Crise. Na análise, a equipe técnica rejeitou os pedidos das regiões de Novo Hamburgo, Santo Ângelo e Santa Rosa, que permanecem na bandeira vermelha, ao lado de Capão da Canoa, Canoas, Cruz Alta e Ijuí, que não entraram com recursos.

Com essa definição, 25,8% da população gaúcha (2.928.206 pessoas) se encontra em regiões classificadas como de risco epidemiológico alto. No mapa preliminar, era 66,5% – 7.528.700 habitantes do Rio Grande do Sul.

Veja o mapa definitivo em https://distanciamentocontrolado.rs.gov.br

Em Porto Alegre, os indicadores apontam para uma estabilidade na propagação da Covid-19 e na capacidade de atendimento. A taxa de ocupação de UTIs se encontra na faixa de 76%, com pressão maior sobre leitos de UTI da rede privada. O que mais pesou na média final foi a situação macrorregional (Novo Hamburgo, em especial) e estadual como um todo e por isso a equipe técnica entende como cabível deferir o pedido para que a região se mantenha na laranja.

Em Passo Fundo, o recurso foi aceito porque a região tem taxa de ocupação de leitos de UTI abaixo de 80% (79,4%) e, de leitos SUS, abaixo de 66,9%.

O recurso da região de Caxias do Sul foi aceito porque, apesar do aumento significativo desta semana, os indicadores são similares aos de outras semanas. A elevação foi mais forte nesta semana, porém ainda bastante abaixo de níveis históricos dos momentos em que a região esteve em bandeira vermelha por longo período, com posterior controle e retomada por maior período em bandeiras de menor risco. Hoje, a ocupação de leitos de UTI está em 66,8%.

Por fim, em Guaíba, apesar da piora importante nos indicadores, a capacidade de leitos do local ainda é confortável. O aumento de casos não foi suficiente para pressionar o sistema, então com 58,7% de taxa de ocupação em UTI e 24,2% de leitos clínicos.

Das 21 regiões Covid, apenas Uruguaiana, Bagé e Guaíba não aderiram ao sistema compartilhado. As outras 18 já adotam protocolos alternativos às bandeiras definidas pelo governo – Cachoeira do Sul, Canoas, Capão da Canoa, Caxias do Sul, Cruz Alta, Erechim, Ijuí, Lajeado, Novo Hamburgo, Palmeira das Missões, Passo Fundo, Pelotas, Porto Alegre, Santa Cruz do Sul, Santa Maria, Santa Rosa, Santo Ângelo e Taquara.

Os planos regionais aprovados estão disponíveis em https://planejamento.rs.gov.br/cogestao-regional

Regra 0-0

Como já informado, 2.928.206 habitantes, o que corresponde a 25,8% da população gaúcha (total de 11,3 milhões de habitantes), estão nos 135 municípios (do total de 497) classificados em bandeira vermelha segundo o mapa definitivo da 28ª rodada.

Desses, 51 municípios (255.606 habitantes, 2,3% da população gaúcha) podem adotar protocolos de bandeira laranja, porque cumprem os critérios da Regra 0-0, ou seja, não têm registro de óbito ou hospitalização de moradores nos últimos 14 dias, desde que a prefeitura crie um regulamento local.

Além disso, do total de 362 municípios em bandeira laranja (8.401.399 habitantes, 74,2% da população do RS), 211 (1.067.670 habitantes, 9,4% da população em bandeira laranja) podem adotar protocolos de bandeira amarela.

• Clique aqui e acesse a lista de municípios que se encaixam na Regra 0-0

Alteradas regras de retorno e manutenção
das atividades presenciais em escolas

O Gabinete de Crise definiu, nesta 28ª rodada, uma alteração nas regras a respeito da abertura das escolas e manutenção das atividades presenciais nos colégios. A partir de agora, uma semana em bandeira vermelha não é suficiente para que a escola já aberta interrompa as atividades. Será necessário que a região ingresse na segunda semana consecutiva em bandeira vermelha para que as escolas não possam abrir em uma região ou, se já abertas, devam fechar. E quando a região retomar a classificação de laranja e amarela, as aulas presenciais podem ser retomadas imediatamente naquela semana (antes precisaria aguardar mais uma rodada).

Assim, nesta 28ª rodada, as regiões de Cruz Alta, Ijuí e Santo Ângelo seguem impedidas de manter atividades presenciais nas escolas, uma vez que foram novamente classificadas como bandeira vermelha.

As regiões de Novo Hamburgo, Santa Rosa, Capão da Canoa e Canoas foram classificadas em bandeira vermelha, mas, devido às novas regras, ainda podem manter abertas as escolas. Caso a classificação em bandeira vermelha se mantenha na 29ª rodada, as aulas devem ser interrompidas.

Vale lembrar que eventos de grande porte só podem ocorrer em municípios que autorizaram e que estão no processo de retomada escolar. A condição foi estabelecida como forma de elencar uma prioridade na retomada de atividades.

As atividades presenciais nas escolas de Educação Infantil foram retomadas em 8 de setembro. No dia 21 de setembro, foi a vez das instituições de Ensino Superior, Ensino Médio e Ensino Técnico. O Ensino Médio estadual iniciou o retorno em 20 de outubro, e as demais etapas (Ensino Fundamental) puderam ser retomadas em 28 de outubro.

RESUMO DA 28ª RODADA

BANDEIRA VERMELHA (7)

Novo Hamburgo (em cogestão)
Santo Ângelo (em cogestão)
Santa Rosa (em cogestão)
Capão da Canoa (em cogestão)
Canoas (em cogestão)
Cruz Alta (em cogestão)
Ijuí (em cogestão)

BANDEIRA LARANJA (14)

Porto Alegre (em cogestão)
Passo Fundo (em cogestão)
Caxias do Sul (em cogestão)
Bagé
Guaíba
Erechim (em cogestão)
Santa Maria (em cogestão)
Uruguaiana
Taquara (em cogestão)
Palmeira das Missões (em cogestão)
Cachoeira do Sul (em cogestão)
Santa Cruz do Sul (em cogestão)
Lajeado (em cogestão)
Pelotas (em cogestão)

• Clique aqui e acesse o levantamento completo da 28ª semana do Distanciamento Controlado após a análise dos pedidos de reconsideração.

 

 

 

 

FONTE GOVRS

Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Destaque

Vida & Saúde recebe doação e gratidão da Família Wallauer

Publicado

em



Um ato de gratidão motivou a doação de duas cadeiras de banho ao Hospital Vida & Saúde. A história começa com a internação do senhor Lotário Wallauer, de 75 anos, em decorrência da COVID-19. Na Unidade Dom Bosco, foram nove dias em leito clínico, até que a evolução do quadro, promoveu a transferência para a UTI. Quinze dias depois a tão esperada alta chegou. No entanto, após uma semana, um sangramento causou uma nova internação na UTI do Hospital Vida & Saúde, onde foram mais seis dias de internação.

Se para os familiares do paciente a espera pela alta é sinônimo de ansiedade, para as filhas de seu Lotário, o fator era ainda mais significativo, já que as duas não residem em Santa Rosa. Ao voltar à terra natal, as filhas puderam acompanhar dentro das possibilidades, a recuperação do pai.

Recuperado, seu Lotário reencontrou as filhas. Gratos pelo tratamento, foi durante um momento familiar, que eles decidiram dar um retorno ao Hospital e promoveram a doação de duas cadeiras de banho para a Instituição. “Não temos como agradecer por tudo que fizeram por nós. Fomos muito bem atendidos sempre, a equipe é maravilhosa”, destaca uma das filhas, Maiana Wallauer.

Mais do que agradecer à Instituição, a família também encontrou uma forma de agradecer aos profissionais que prestaram o atendimento ao senhor Wallauer, enviando bolos para as equipes. “São gestos como este da família Wallauer que nos fortalecem”, destaca o gerente da Unidade Dom Bosco, enfermeiro Paulo Cesar Pich. “Nosso objetivo principal é salvar vidas, e receber este carinho do paciente e da família quando cumprimos o objetivo, nos emociona! É um importante reconhecimento ao trabalho prestado pelos nossos profissionais!”, conclui a diretora geral, Vanderli de Barros.

 

[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Destaque

Sítio Histórico de São Miguel das Missões Arcanjo amplia numero de visitantes

Serão 450 pessoas dias com agendamento

Publicado

em



A Prefeitura Municipal de São Miguel das Missões, autorizou a visitação ao Sítio Histórico de São Miguel Arcanjo de até 450 visitantes.

O protocolo, desenvolvido pela administração de São Miguel das Missões em parceria com o Iphan, prevê flexibilização de 450 pessoas por dia, com entradas das 9h às 10h45min, podendo permanecer no sítio até meio dia; e das 14h às 16h45min, podendo permanecer até às 18h.

As exibições do espetáculo Som e Luz que voltam a acontecer diariamente às 19h.

Informações e agendamentos podem ser obtidos através dos números 55 3381 1294/ 3381 1299 Wattshapp: 55 9 84039523
Fonte: Assessoria de Imprensa Prefeitura Municipal de São Miguel das Missões.
Informações sobre Horarios e Valores – Sitio e o Espetáculo Som e Luz.

[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Destaque

Novo decreto editado pelo Prefeito em Santo Ângelo flexibiliza o comercio

Publicado

em



No Início da manhã de sexta-feira, 11 de junho o Prefeito de Santo Ângelo Jacques Barbosa editou novo decreto flexibilizando mais o comercio até o dia 18 de junho.

Um dos destaques são horários que foram prolongados para o atendimento principalmente no final de semana, sendo que esse será o dia dos namorados e o comércio e restaurantes irão faturar.

O que mudou:

• É permitida a abertura do comércio até às 21:00hs com tolerância até às 22:00hs.
• No sábado dia 12 e domingo dia 13, é permitida a abertura do comercio até às 23:00hs com tolerância até às 00h
• Os Supermercados, hipermercados e açougues poderão abrir normalmente sem restrições de segunda à domingo, valido para os estabelecimento sem o consumo no local. Recomenda-se ampliação dos horários para não haver aglomeração.
• Lojas de conveniências só poderão vender bebidas na modalidade pega e leve ou tele Entrega após às 23:00hs.
• Capacidade máxima será nesses locais de 50% ( funcionários e clientes).
• Fica proibido música ao vivo em bares e restaurantes.

O decreto valerá até o dia 18 de junho.

Essas mudanças segundo o Prefeito, visa evitar as aglomerações, porque com os horários reduzidos acaba formando longas filas em determinados horários e quase que lotações completas principalmente em supermercados.

D. 4025-2021 – Medidas sanitárias e calamidade (1)

[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

ENQUETE

Trending

© 2021 PORTALPLURAL.COM.BR Todos os direitos reservados.


×