Falar sobre doação de órgãos com a família é a principal forma para impulsionar transplantes no Estado – Portal Plural
Connect with us

Destaque

Falar sobre doação de órgãos com a família é a principal forma para impulsionar transplantes no Estado

Publicado

em



 

Uma data para celebrar a solidariedade, a empatia e, acima de tudo, a vida. Dia 27 de setembro é o Dia Nacional de Doação Órgãos. Um dos principais objetivos da campanha é conscientizar as pessoas de que é preciso falar sobre o assunto. Conforme pesquisa da Secretaria da Saúde, em 43% dos casos a negativa familiar acontece porque o potencial doador, ainda em vida, não havia deixado claro qual era o seu desejo.

“Temos uma negativa muito grande, muitas vezes por receio ou desinformação. O mais importante é a pessoa se pronunciar, falar com a família”, afirma Rafael Rosa, médico regulador da Central de Transplantes do Rio Grande do Sul, órgão que reúne dados de doadores e receptores de todo o Estado.

A enfermeira Daiana Saute Kochhann, que atua em uma Organização de Procura de Órgãos (OPO) sediada no Hospital São Lucas da PUCRS, em Porto Alegre, também compartilha da mesma opinião. “Se a família sabe, a escolha, a conversa e a decisão por uma autorização para a doação de órgãos se torna muito mais tranquila”, explica. Cabe a ela a tarefa de conversar com os familiares de pacientes com morte encefálica confirmada, casos que permitem o protocolo de doação.

“A nossa função é acolher as famílias e ofertar a possibilidade de ajuda a outras pessoas. As famílias conseguem colocar a doação acima da dor e daquele momento triste de perder o seu ente querido. Elas conseguem ver que existem outras pessoas que precisam de vida”, conclui Kochhann.

O trabalho nas seis OPOs clínicas do Estado – duas funcionam em Porto Alegre e as demais em Caxias do Sul, Passo Fundo, Rio Grande e Lajeado – é desenvolvido em conjunto com as Comissões Intrahospitalares de Doação de Órgãos e Tecidos para Transplante. Os dados são repassados à Central de Transplantes, que funciona 24 horas, durante todos os dias da semana, para dar celeridade aos procedimentos.

Nos primeiros seis meses do ano, o Rio Grande do Sul registrou 416 transplantes de órgãos e 759 transplantes de tecidos. Córneas (446) e rins (281) figuram no topo da lista de doações. Foram 141 doadores efetivos no primeiro semestre de 2019, contra 137 no mesmo período do ano passado. O baixo crescimento não permite que a fila de espera diminua, já que cerca de 1,4 mil gaúchos aguardam por uma doação. Na maioria das vezes, o transplante de um rim.

Durante toda a semana prédios públicos como o Theatro São Pedro e a Assembleia Legislativa, além da ponte do Guaíba e dos estádios da dupla Gre-Nal estiveram com uma iluminação especial na cor verde, símbolo da campanha pela doação de órgãos no país.

No sábado (28/9), às 17h, o Coro Sinfônico da Ospa fará um concerto em homenagem às famílias de doadores de órgãos. A edição da Série Pablo Komlós ocorre na Casa da Ospa (no Centro Administrativo do Estado, na avenida Borges de Medeiros 1.501). Os ingressos estão disponíveis por valores entre R$ 10 e R$ 40 através do site da Uhuu, na bilheteria do Teatro do Bourbon Country ou no local, no dia do evento, das 14h às 17h.

Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Destaque

Fenasoja prepara experiências que ficarão marcadas para os visitantes e expositores

Publicado

em



A Maior Feira Multissetorial do RS, a FENASOJA marcará a edição de 2022 pela inovação e por gerar experiências inesquecíveis tanto para o público visitante, quanto para os expositores. A nova Comissão de Desenvolvimento de Produto, presidida voluntariamente pela jornalista Patricia Kuhn trabalha para colocar em prática, ao longo dos 10 dias, projetos para que a marca FENASOJA e sua representatividade, fique marcada na lembrança de todos.

A Comissão busca criar produtos comerciais para promover experiências inesquecíveis para todos os públicos gerando valor aos patrocinadores e aumentando o resultado da feira. Patricia adianta que a Fenasoja e as marcas parceiras vão promover espaços onde os visitantes sejam impactados com diversas ações pensadas para encantar.

O trabalho da Comissão está alinhado as maiores tendências mundiais da era das experiências, onde marcas garantem aos seus clientes momentos memoráveis em todas as interações com o evento.

A jornalista salienta que já na entrada do parque o público se sentirá acolhido, e nos mais diversos setores da feira, poderá interagir com a marca e com a programação que estará acontecendo, principalmente no entretenimento. Os projetos são construídos junto das outras comissões da Feira, mapeando cada oportunidade de gerar novas conexões com todos os públicos da FENASOJA: visitantes, expositores, voluntários e comunidade.

A FENASOJA acontece de 29 de abril a 08 de maio no Parque de Exposições Alfredo Leandro Carlson, em Santa Rosa. A expectativa é de prospectar R$ 1 Bilhão em negócios, com um público de 250 mil visitantes.

[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Destaque

Equipe do Portal Plural e ex-prefeito Vicini visitam Tucunduva

Publicado

em



Na tarde desta quinta-feira (14/10), o Prefeito Municipal, Jonas Fernando, acompanhado da Assessora Jurídica, Juliane Camera Nedel, receberam no Gabinete a equipe do Portal Plural para uma visita cordial.

Na oportunidade esteve acompanhando a reunião o então ex-prefeito de Santa Rosa, Alcides Vicini, que hoje é Diretor do Portal Plural, onde falaram a respeito de projetos que beneficiam a região. Também participaram da reunião o Co-Fundador e Diretor Geral do Portal Plural,. Lucian Zorzan Andreola, Heitor Cardoso, CEO, e Eloisa Oliveira, Secretária Executiva da empresa.

[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Destaque

Sexta-feira será de chuva em todo o Rio Grande do Sul com Sexta-feira será de chuva em todo o Rio Grande do Sul

Publicado

em



A sexta-feira (15) será marcada por tempo instável em todo o Rio Grande do Sul. De acordo com o Climatempo, os maiores acumulados de chuva devem ocorrer em Vicente Dutra, Taquaruçu do Sul e Três Arroios, todas no Norte: 48mm (cerca de 28% do volume de chuva esperado para outubro nos municípios). O acumulado previsto para a Capital é de 24mm (17% do volume esperado para o mês na cidade).

O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) alerta para o risco de temporais, com queda de granizo, descargas elétricas e rajadas de vento de até 100 km/h, nas áreas destacadas em laranja (mapa abaixo). Nessas localidades, podem ocorrer transtornos como interrupção no fornecimento de energia elétrica, queda de árvores, alagamentos e estragos em plantações. Esse alerta se estende desde a noite desta quinta-feira (14) até o fim da manhã de sexta.

Ao amanhecer, Pedras Altas, no Sul, registra a mínima do dia: 8°C. Já a máxima, de 28°C, está prevista para Lagoa Bonita do Sul, no Vale do Rio Pardo, e Coronel Pilar, na Serra. Em Porto Alegre, os termômetros marcam de 16°C a 23°C.

No sábado (16), a tendência, segundo os meteorologistas, é de que ocorram pancadas fracas de chuva na Região Metropolitana, na Serra e no Litoral Norte. Nas demais áreas do Rio Grande do Sul, o tempo volta a ficar firme, mas com céu encoberto. A frente fria pode começar a  derrubar a temperatura gradativamente no Estado. A mínima, de 5°C, está prevista para Caçapava do Sul, na Campanha. Durante a tarde, os termômetros de Vicente Dutra, no Norte, não passam de 25°C, a máxima do RS. A variação térmica na Capital fica entre 14°C e 19°C.

Veja como deve ficar o tempo na sua região nesta sexta-feira (15): 
Região Metropolitana: a sexta-feira (15) terá tempo instável, com pancadas de chuva ao longo do dia. Há risco de temporais, com descarga elétrica, ventania e até queda de granizo. Em Esteio, os termômetros variam de 16°C a 22°C.

Serra gaúcha: a sexta-feira (15) terá tempo instável, com pancadas de chuva ao longo do dia. Há risco de temporais, com descarga elétrica, ventania e até queda de granizo. Em Vacaria, os termômetros variam de 14°C a 20°C.

Litoral Norte: a sexta-feira (15) terá tempo instável, com pancadas de chuva ao longo do dia. Em Torres, os termômetros variam de 17°C a 23°C.

Litoral Sul: a sexta-feira (15) terá tempo instável, com pancadas de chuva ao longo do dia. Em Rio Grande, os termômetros variam entre 14°C e 19°C.

Região Norte: a sexta-feira (15) terá tempo instável, com pancadas de chuva ao longo do dia. Há risco de temporais, com descarga elétrica, ventania e até queda de granizo. Em Passo Fundo, os termômetros variam de 14°C a 21°C.

Região Noroeste: a sexta-feira (15) terá tempo instável, com pancadas de chuva ao longo do dia. Há risco de temporais, com descarga elétrica, ventania e até queda de granizo. Em Cruz Alta, os termômetros variam de 15°C a 18°C.

Região Sul: a sexta-feira (15) terá tempo instável, com pancadas de chuva ao longo do dia. Em Canguçu, os termômetros variam de 10°C a 16°C.

Região Central: a sexta-feira (15) terá tempo instável, com pancadas de chuva ao longo do dia. Há risco de temporais, com descarga elétrica, ventania e até queda de granizo. Em Santa Maria, os termômetros variam de 14°C a 20°C.

Campanha gaúcha: a sexta-feira (15) terá tempo instável, com pancadas de chuva ao longo do dia. Em Candiota, os termômetros variam de 12°C a 17°C.

Fronteira Oeste: a sexta-feira (15) terá tempo instável, com pancadas de chuva ao longo do dia. Em Uruguaiana, os termômetros variam de 14°C a 21°C.

Veja como deve ficar o tempo em algumas cidades nesta sexta-feira (15):

  • Santa Rosa: pancadas de chuva intercaladas com períodos de tempo nublado. Mínima de 16°C e máxima de 22°C.
  • Erechim: pancadas de chuva intercaladas com períodos de tempo nublado. Mínima de 13°C e máxima de 20°C.
  • Uruguaiana: pancadas de chuva intercaladas com períodos de tempo nublado. Mínima de 14°C e máxima de 21°C.
  • Torres: pancadas de chuva intercaladas com períodos de tempo nublado. Mínima de 17°C e máxima de 23°C.
  • Rio Grande: pancadas de chuva intercaladas com períodos de tempo nublado. Mínima de 14°C e máxima de 19°C.
  • Mostardas: pancadas de chuva intercaladas com períodos de tempo nublado. Mínima de 16°C e máxima de 21°C.
  • Passo Fundo: pancadas de chuva intercaladas com períodos de tempo nublado. Mínima de 14°C e máxima de 21°C.
  • Bagé: pancadas de chuva intercaladas com períodos de tempo nublado. Mínima de 11°C e máxima de 18°C.
  • Tramandaí: pancadas de chuva intercaladas com períodos de tempo nublado. Mínima de 17°C e máxima de 24°C.
  • Xangri-lá: pancadas de chuva intercaladas com períodos de tempo nublado. Mínima de 17°C e máxima de 23°C.
  • Capão da Canoa: pancadas de chuva intercaladas com períodos de tempo nublado. Mínima de 17°C e máxima de 25°C.
  • São Borja: pancadas de chuva intercaladas com períodos de tempo nublado. Mínima de 15°C e máxima de 22°C.

 

Fonte: GZH

[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Trending

PLURAL AGÊNCIA DE PUBLICIDADE LTDA
ME 33.399.955/0001-12

© 2021 PORTALPLURAL.COM.BR Todos os direitos reservados.


×

Entre em contato

×