Connect with us

Destaque

Escritório da Receita Estadual de Santa Rosa pode fechar em setembro

Pável Bauken

Publicado

em



 

O Escritório da Receita Estadual de Santa Rosa pode fechar as portas em setembro, devido a crise econômica que o estado está passando, visando redução de custos essa medida passaria a valer a partir de 30 de setembro de 2019, centralizando os serviços e servidores na Delegacia de Santo Ângelo. Outro motivo é que a SEFAZ está a caminho de uma Receita Digital, onde se pretende que a grande maioria dos serviços prestados estejam disponibilizados na Internet.

“Estamos longe de disponibilizar 100% dos atendimentos virtuais, e o fato é que uma repartição para atendimento presencial aos contribuintes se faz necessária na nossa grande região. Se não houver atendimento em Santa Rosa, os usuários terão que se deslocar ainda mais longe, indo até Santo Ângelo, aumentando seus transtornos e custos” diz nota divulgada pelos funcionários.

Em 2018 foram realizados 1902 atendimentos no escritório de Santa Rosa, em 2019 até 31/07 foram 1.232 atendimentos, esses números são apenas dos atendimentos presencias – excluídas as informações prestadas via telefone e e-mail, que são em grande quantidade, mas não há como precisar com exatidão pois não são efetuados registros de atendimento.

“Somos um entreposto de atendimento para aproximadamente 190.000 pessoas, onde cabe uma reflexão do dever do estado como prestador de serviço. Ressalta-se que já tivemos atendimento físico da Receita Estadual em Santo Cristo, Tucunduva, Porto Lucena, Horizontina, e Três de Maio, todos fechados atualmente”, retifica a nota.

Os usuários dos serviços da SEFAZ são compostos por empresas, escritórios contábeis e contabilistas autônomos, servidores públicos estaduais e público em geral. A equipe de servidores, hoje é composta por 5 Técnicos-Tributários da Receita Estadual e 3 Contratados, totalizando 8 pessoas, que segundo a nota estão permanentemente alertas.

“Para os servidores de carreira novamente vem a informação de que deverão ser realocados, com transtornos de toda ordem para sua vida pessoal, familiar e profissional, em um prazo muito curto, não dando tempo para contraditório nem questionamentos, Apelamos para uma ampla mobilização política da nossa região, para resistirmos a este desmonte, e intervindo junto ao senhor Governador do Estado do Rio Grande do Sul para que os serviços atualmente disponibilizados sejam mantidos” finaliza a nota.

Santa Rosa atualmente é um Escritório da 9ª Delegacia da Receita Estadual, com sede em Santo Ângelo, subordinada a subsecretaria da Receita, e atende hoje 19 municípios: Horizontina, Porto Lucena, Santa Rosa, Santo Cristo, Três de Maio, Tucunduva, Tuparendi, Alecrim, Boa Vista do Buricá, Cândido Godói, Campina das Missões, Independência, Alegria, Doutor Maurício Cardoso, Novo Machado, Porto Mauá, Porto Vera Cruz, São José do Inhacorá e Nova Candelária.

Continue Lendo
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Destaque

Minas Gerais tem primeiro caso suspeito de coronavírus no Brasil

Brasileira de 35 anos que veio de Xangai, na China, e chegou à capital mineira na semana passada

Reporter Cidades

Publicado

em

Turistas já carregaram o vírus para pelo menos quatro países, Estados Unidos, Coreia do Sul, Tailândia e Japão - 22/01/2020 Kin Cheung/AP

A Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG) investiga um caso suspeito de coronavírus em Belo Horizonte. Trata-se de uma mulher de 35 anos que esteve em Xangai, na China, e desembarcou na capital mineira no sábado 18, “com sintomas respiratórios, compatíveis com doença respiratória viral aguda”.

“Tendo em vista o contexto epidemiológico atual do país onde a paciente esteve, foi considerada a hipótese de doença causada pelo novo Coronavírus, que é microrganismo de alerta sanitário internacional”, informou a SES-MG, em nota.

A paciente está internada no Hospital Eduardo de Menezes, na Região do Barreiro, e encontra-se clinicamente estável. O caso segue em investigação.

Veja

Mantemos seus dados privados e os compartilhamos apenas com terceiros que tornam esse serviço possível. Veja nossa Política de Privacidade para mais informações.

Continue Lendo

Destaque

Mais de 14 mil sessões de hemodiálise em 2019

Pável Bauken

Publicado

em



O setor de Hemodiálise do Hospital Vida & Saúde atendeu, no ano passado, 211 pacientes, sendo um aumento de 8% em relação a 2018, que registrou 194 pacientes. Esse número não varia tanto de ano por ano, pois muitos dos pacientes seguem realizando tratamento que é contínuo, 3 vezes por semana. Em 2019, foram 14.628 sessões de hemodiálise.

Dos pacientes em tratamento, em 2017, 2 foram transplantados, em 2018, foram 8, e no ano passado, 5 conseguiram transplante. Hoje, são 36 pacientes na lista de espera por um rim. Em 2019, 61% dos atendimentos foram em homens. O último ano foi de muitos avanços na qualificação dos profissionais. Segundo o Enfermeiro Rodrigo Zorzan, “Tivemos a manutenção da Acreditação nível 2, aprimoramento e inclusão de novos protocolos, a compra de mais máquinas e novas poltronas, entre outros avanços. Foi um ano muito produtivo em relação ao aprimoramento dos protocolos de segurança do paciente, com início de indicadores de custos e aprimoramento de indicadores de qualidade”.

No último ano, também foi investido ainda mais no tratamento da água muito importante para o setor. De acordo com Vandelri de Barros, Diretora Geral, “Esse setor é de extrema importância para a região, e estamos sempre buscando investir na infraestrutura e na qualificação profissional. Conseguimos reduzir um turno de atendimento o que proporcionou mais bem-estar para nossos pacientes”. Para 2020, a intenção é adquirir mais equipamentos novos para estar sempre qualificando esse setor que hoje é o único da região. O hospital atende 73% de pacientes de outros municípios e 27% de Santa Rosa.

Mantemos seus dados privados e os compartilhamos apenas com terceiros que tornam esse serviço possível. Veja nossa Política de Privacidade para mais informações.

Continue Lendo

Destaque

2.204 exames na Endoscopia do Hospital Vida & Saúde

Retrospectiva Endoscopia

Pável Bauken

Publicado

em



Em 2019, o setor de Endoscopia do Hospital Vida & Saúde realizou 2.204 exames. Destes, 1.128 foram de endoscopia, 813 de colonoscopia, e os demais, nasofibroscopia e retossigmodoscopia. A maioria dos exames são realizados pelo Sistema Único de Saúde. O setor conta com salas totalmente reformadas, sala de recuperação, consultórios médicos e salas de apoio.

A faixa etária se mantém na média de 40 anos de idade, sendo a maioria dos pacientes do sexo feminino. Segundo a Enfermeira Normélia Pereira, “Notamos um aumento nos últimos anos significativo nos meses de outubro, novembro e dezembro”. O serviço conta com enfermeira, técnicos e funcionários da parte administrativa. O ano de 2019 foi de avanços no setor, e para 2020, a expectativa é manter os treinamentos de protocolo de segurança, para aperfeiçoar cada vez mais a equipe. O objetivo é cada vez ofertar um serviço ainda mais humanizado e qualificado para os pacientes eu vem de toda a região.

Mantemos seus dados privados e os compartilhamos apenas com terceiros que tornam esse serviço possível. Veja nossa Política de Privacidade para mais informações.

Continue Lendo

Trending

×