Enem 2020: 51,5% dos inscritos no Enem não comparecem ao exame – Portal Plural
Connect with us

Ensino

Enem 2020: 51,5% dos inscritos no Enem não comparecem ao exame

Do total de 5.523.029 inscritos, 2.842.332 faltaram às provas

Publicado

em

© Marcello Casal JrAgência Brasil


O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2020 tem abstenção de 51,5% dos candidatos inscritos, de acordo com o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). Do total de 5.523.029 inscritos para a versão impressa do Enem, que começou a ser aplicada hoje (17), 2.842.332 faltaram às provas.

Segundo o ministro da Educação, Milton Ribeiro, a abstenção recorde se deve principalmente ao medo da pandemia e a campanhas contrárias à realização do exame. Apesar disso, considera a aplicação vitoriosa. No ano passado, a abstenção no primeiro dia do Enem foi 23%. “Fico satisfeito com o que fizemos no meio de uma pandemia”, diz, “[Quero] qualificar o Enem no meio de uma pandemia como algo vitorioso para não atrasar mais a vida de milhões de estudantes”.  Em 2009, o segundo ano de aplicação do Enem com a maior abstenção, a porcentagem de inscritos que não compareceram foi de 37%.

Foram eliminados do exame 2.967 candidatos por não respeitarem as regras do Enem, entre elas, não cumprirem as medidas de segurança para evitar o contágio pelo novo coronavírus, como usar máscara cobrindo a boca e o nariz durante toda a aplicação. Ao todo, 69 participantes foram afetados por questões logísticas, como emergências médicas, falta de energia elétrica, entre outros. Os dados tanto de presença, quanto das eliminações, segundo o presidente do Inep, são preliminares.

Sintomas

Nesta edição, por conta da pandemia do novo coronavírus, participantes que apresentassem sintomas da covid-19 ou de outras doenças infectocontagiosas não deveriam comparecer ao exame. Esses participantes podem acionar o Inep e solicitar a reaplicação, que será nos dias 23 e 24 de fevereiro. Até o momento, 10.171 participantes pediram reaplicação. Desse total, o Inep aceitou o pedido de 8.180.

Quem apresentou sintomas hoje (17) ou ontem (16), pode solicitar a reaplicação, mediante a apresentação de laudo médico e documentos comprobatórios entre os dias 25 e 29 de janeiro.

O presidente do Inep, Alexandre Lopes, explica que a partir de amanhã (18), os participantes que apresentarem sintomas devem notificar o Inep e, mesmo que tenham feito a prova no primeiro dia, não devem comparecer ao segundo dia de aplicação, que será no próximo domingo (24). Eles terão direito a reaplicação.

Reaplicação

Estudantes relataram neste domingo que foram impedidos de entrar nos locais de aplicação porque as salas estavam cheias e seria preciso respeitar o distanciamento entre os participantes. Questionado, Lopes diz que a situação está sendo apurada. Esses participantes também terão direito a fazer a prova na data da reaplicação. Segundo o presidente, esse casos foram relatados em 11 locais de prova em Florianópolis (SC), Curitiba (PR), Londrina (PR), Pelotas (RS), Caxias do Sul (RS) e Canoas (RS).

Também terão direito a reaplicação os 160.548 estudantes que fariam a prova no estado do Amazonas, 2.863 em Rolim de Moura (RO) e 969 em Espigão D’Oeste (RO), por conta dos impactos da pandemia nessas localidades. Ao todo, segundo o ministro da Educação, foram quase 20 ações judiciais em todo o país contrárias à realização do Enem.

O Enem começa a ser aplicado hoje (17) na versão impressa. Os estudantes fizeram as provas de linguagens, ciências humanas e de redação. A prova segue no próximo domingo (24), quando serão aplicadas as provas de matemática e ciências da natureza. Este ano, o exame terá também uma versão online, que será aplicada nos dias 31 de janeiro e 7 de fevereiro.

Acompanhe a entrevista completa:

ebc

Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Destaque

Prefeitura firma convênio com Universidades

Publicado

em



Capacitação e qualificação. Esses são os principais objetivos do Convênio firmado entre a Prefeitura e Universidades nesta segunda-feira(02). O ato também faz parte da Programação oficial do município. Representantes da FEMA, Unijuí e Unisinos participaram da atividade.

Com foco na capacitação dos servidores, o convênio busca ampliar e agregar conhecimento para a vida e carreira profissional dos servidores. Além dos profissionais da prefeitura, os cônjuges e dependentes também podem participar, assim como os estagiários. A ideia é oferecer oportunidade para que estes possam se qualificar ainda mais. O vice-prefeito, Aldemir Ulrich destacou que oportunizar qualificações faz parte do Planejamento Estratégico que desde início do ano já desenvolve cursos, “Queremos que todos tenham oportunidade de estar em qualificação continua, e esse convênio vai facilitar e oportunizar muitos servidores a realizarem diferentes cursos”.

Com o convênio será possível participar de escolas técnicas, cursos de graduação e pós graduação. Os envolvidos terão descontos que vão de 15 até 30% nas mensalidades, dependendo das determinações de cada Universidade/Faculdade.

Durante o ato, os representantes das Universidades também destacaram a relevância de fortalecer as universidades da região, “Essa é uma oportunidade diferenciada de visão da prefeitura buscando a qualificação dos servidores” destacou Carlos Alba da FEMA. As Secretarias de Administração e de Gestão estão envolvidas na busca por outras melhorias para os servidores.


Fonte: Prefeitura de Santa Rosa.

[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Destaque

Prefeitura terá grande projeto para avanço na educação

O Projeto “Educação: um olhar para o futuro de Santa Rosa” foi realizado como base nas avaliações do Instituto Ayrton Senna

Publicado

em



O Instituto Ayrton Senna realizou um diagnóstico sobre a Educação em Santa Rosa. Isso foi possível, através de uma solicitação do prefeito Anderson Mantei ao empresário Luciano Luft, que fez contato e firmou a parceria. Os dados foram repassados em abril deste ano. A partir disso, uma equipe da Prefeitura passou a trabalhar para a construção de um grande projeto “Educação: um olhar para o futuro de Santa Rosa”.

A Secretaria de Educação e a Secretaria de Gestão trabalharam durante dois meses com os dados existentes. Um diagnóstico local do primeiro trimestre de 2021 também foi realizado pela prefeitura para fazer o comparativo e avaliar as condições desse ano, em função de todas as mudanças com a pandemia. Segundo a Secretária de Educação Lires Zimmermann, “Esses dados estão sendo extremamente importantes para conhecermos ainda melhor o cenário da educação e poder avançar cada vez mais na qualificação. Com o comprometimento de toda a rede vai ser possível termos um avanço no desempenho da nossa educação”.

Nesse momento foi possível fazer um grande diagnóstico de todas as escolas municipais. Em Santa Rosa, os professores relataram que 50% das famílias têm participação regular na aprendizagem durante as aulas remotas. Outro dado constatado é que 75% dos alunos da rede municipal estão acima da média. Essas e demais informações serviram de base para um projeto que foi entregue e aprovado pelo prefeito Anderson Mantei, “Com esses dados e com todo estudo das nossas equipes sobre a metodologia do Instituto Ayrton Senna vai ser possível conseguir um avanço em nossa educação. Não vamos medir esforços para conseguir melhorar nosso nível de ensino”, destaca o prefeito.

O objetivo do projeto é melhorar os índices da educação básica da rede municipal através de novas oportunidades de aprendizagem e consolidação de conhecimentos. Uma das principais ferramentas, para isso, será a ampliação das atividades em contraturno. De acordo com o Secretário de Gestão, Ademir Rosa, a partir de vários encontros e estudos foi possível definir metas e ações que serão implementadas a partir desse grande projeto, “Nós fizemos toda análise dos dados e vamos desenvolver ações de melhoria em toda nossa rede municipal”. As avaliações tem como base as disciplinas de matemática e português. O projeto abrange os 3.729 alunos matriculados entre os anos iniciais e finais do Ensino Fundamental.

[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Ensino

Unijuí terá mais de 170 vagas para o FIES

Período para inscrições abre nesta terça-feira, dia 27 de julho

Publicado

em



Nesta terça-feira, dia 27 de julho, serão abertas as inscrições para o programa de financiamento estudantil, FIES, por meio do endereço http://fies.mec.gov.br/. Conforme consta no Edital nº 38 de 23 de junho de 2021, o prazo encerra-se na próxima sexta-feira, dia 30 de julho.

Para o segundo semestre, a Unijuí oferta um total de 179 vagas, distribuídas entre seus cursos e campi: no campus Ijuí, há vagas para os cursos de Ciência da Computação, Direito, Educação Física (licenciatura e bacharelado), Enfermagem, Engenharia Civil, Engenharia de Software, Engenharia Elétrica, Engenharia Química, Estética e Cosmética, Gastronomia, Letras, Matemática, Nutrição, Pedagogia e Psicologia.

No campus Santa Rosa, vagas para os cursos de Direito, Educação Física (bacharelado e licenciatura), Engenharia Civil, Engenharia da Produção, Engenharia de Software, Engenharia Elétrica, Engenharia Mecânica, Pedagogia e Psicologia.

Para o campus Panambi, vagas para os cursos de Engenharia da Produção e Engenharia Mecânica. Já para o campus Três Passos, há vagas para o curso de Direito.

Para se inscrever, o candidato deve acessar o Fies Seleção, efetuar o cadastro no “Login Único” do governo federal e criar uma conta em gov.br, meio de acesso digital do usuário aos serviços públicos digitais, caso seja o primeiro acesso nessa plataforma, ou inserir CPF e senha, caso já possua uma conta.

Poderá se inscrever o candidato que, cumulativamente, tenha participado do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) a partir da edição de 2010, com nota média superior a 450 pontos e não tenha zerado na redação; e possua renda familiar bruta per capita de até três salários mínimos – R$ 3.300,00. Candidato com inscrição em processos anteriores na situação de “postergada” deverá cancelar esta inscrição para iniciar nova.

Para efetuar a inscrição o candidato deve informar, obrigatoriamente, o CPF, endereço de e-mail válido, informações do grupo familiar, a ordem de prioridade das três opções de curso/turno/local de oferta entre as disponíveis no referido grupo, e demais exigências solicitadas no âmbito do Fies Seleção.

O resultado da pré-seleção será divulgado no dia 3 de agosto e será constituído de chamada única e de lista de espera.

Mais informações neste link.

[mailpoet_form id="1"]

Continue Lendo

Trending

PLURAL AGÊNCIA DE PUBLICIDADE LTDA
ME 33.399.955/0001-12

© 2021 PORTALPLURAL.COM.BR Todos os direitos reservados.


×

Powered by WhatsApp Chat

×