Delete da sua vida o que atrapalha sua evolução (pessoal e profissional) – Portal Plural
Connect with us

Artigos

Delete da sua vida o que atrapalha sua evolução (pessoal e profissional)

Reporter Global

Publicado

em



Repare que, na lista a seguir, sete dos 11 tópicos começam com a palavra “não”. NÃO é por acaso. Isso reflete o fato de que a maior parte das atitudes que atravancam o desenvolvimento de nossas vidas é, na verdade, ausência de atitudes. Deixar de fazer algo que seria produtivo, muitas vezes, significa ser improdutivo.

O autor da lista é o consultor Christian Barbosa, fundador do Triad Productivity Solutions, em seu novo livro: 60 Estratégias Práticas paga Ganhar mais Tempo. Segundo ele, as ações cotidianas, aparentemente pequenas, é que fazem a diferença entre trajetórias bem-sucedidas ou não. “Viver é simples. Nós é que complicamos tudo”, afirma ele, no livro. “Já vi muita gente ser demitida ou ir à falência por tomar uma atitude errada”.

A seguir, os principais pontos em que, de acordo com a experiência de Barbosa, as pessoas costumam tropeçar – tropeços estes que podem levar a quedas impactantes. Uma vez atento a eles, é mais fácil aprender a cultivar hábitos mais construtivos.

1. Não estar aberto a mudanças.

Rigidez é um dos mais nocivos comportamentos hoje em dia, em que novas ferramentas surgem a cada semana e a realidade muda ao nosso redor continuamente. “Quando o Facebook surgiu muita gente achou que era bobagem, perda de tempo”, escreveu Barbosa. “Hoje o volume de negócios fechados por esse serviço mostra que bobagem foi deixar de perceber isso”.

2. Não gerenciar seu tempo.

Saber identificar as prioridades – de acordo com seus objetivos – e dizer “não” ao que vai gastar tempo e minar sua energia sem trazer resultados relevantes, são duas atitudes fundamentais para aprender a gerenciar seu tempo. Não gerenciá-lo significa ficar à mercê de decisões de outras pessoas ou do “curso natural” das coisas. Pare para pensar: você conhece alguém de sucesso apenas se deixando levar pelos acontecimentos?

3. Reclamar de tudo.

Evitar esse comportamento é uma tarefa que exige alto nível de determinação, porque, o tempo todo, você receberá convites de pessoas ao redor para entrar no coro dos desanimados. No elevador, no escritório, em casa… O padrão é as pessoas reclamarem do clima, do governo, do chefe. Mas silenciar vale o esforço.

“A sua atitude com relação aos problemas do dia a dia diz muito sobre quem você é”, afirma Barbosa. “Se, em vez de reclamar do que deu errado, você cultivar uma atitude de que tudo é um aprendizado, as coisas começarão a dar certo”. É a velha história de escolher se quer olhar a vida pelo ponto de vista do copo meio vazio – ou meio cheio.

4. Não aprender a gerir as finanças.

Goste você do tema ou não, se quer prosperar na vida, é importante ter controle de seu dinheiro e decidir conscientemente o que fazer com ele. Barbosa vai mais longe e afirma que, para ter sucesso, é preciso fazer o dinheiro trabalhar para você. Sua sugestão é encarar como um aprendizado mesmo. “Comece lendo bons livros sobre o assunto e procure cursos on-line sobre isso”. Em um segundo momento, vale também conversar com um amigo que gosta do tema ou mesmo com um consultor financeiro profissional.

5. Não ter metas definidas.

“Se você não sabe para onde vai, não chegará a lugar nenhum”, escreveu Barbosa. “Ou, pior, irá com mais gente para o lugar errado”. Reserve alguns minutos no seu dia para pensar o que precisa fazer, por que e o que precisa cumprir antes do anoitecer. Faça o mesmo em relação à sua semana, uma vez por mês, uma vez por ano e em períodos mais longos.

Não saber o que pretende conquistar no curto, médio e longo prazo é um pré-requisito básico para ficar insatisfeito. Daí para entrar num ciclo vicioso de reclamações – e piorar ainda mais sua situação – é um pulo.

6. Ler poucos livros por ano.

Livros abrem a mente para novas realidades, comportamentos, pontos de vista. Agregam informação e conhecimento. Não existe um número certo de livros para ler por mês ou por ano, mas cultivar o hábito da leitura, independentemente da correria do dia a dia, é fundamental para se manter criativo, antenado e aumentar seu repertório. Inclusive, ajuda a tomar decisões melhores no trabalho.

7. Usar o fim de semana para procrastinar a vida.

Descansar não significa abandonar-se. Colocar o pijama na sexta-feira à noite e só tirar na segunda-feira de manhã, certamente comprometerá sua disposição – e produtividade – durante a semana seguinte.

Aproveite o fim de semana, quando não tem obrigações formais, para fazer coisas que lhe dêem prazer e re-energizem. Por exemplo, encontrar amigos, praticar esporte ou fazer algum curso que não necessariamente tenha a ver com sua carreira.

8. Achar que alguém é responsável por sua carreira.

Pare de esperar que os outros “cuidem” de você. Responsabilize-se pelo seu desenvolvimento profissional, afinal, o resultado faz parte de seu patrimônio pessoal e imensurável, esteja na empresa que estiver. Invista, por conta própria, em cursos, networking, workshops e outras atividades que possam potencializar suas competências e conhecimento.

9. Não correr riscos.

O potencial resultado é sempre proporcional ao nível do investimento. Garantias não existem, mas a única chance que você tem de colher resultados positivos é fazer o melhor que puder. “Se você só faz o que está acostumado a fazer, terá o resultado de sempre”, escreveu Barbosa.
Não se apegue ao resultado. Faça seus 100% – e expanda esse limite a cada nova oportunidade.

Se não deu certo dessa vez, pode dar da próxima. “Os medíocres são aqueles que ficam na média. Visionários erram, mas é assim que os riscos se tornam mais calculáveis”, diz o especialista.

10. Não ter tempo para seus relacionamentos.

Arrumar tempo para seus familiares, amigos e para você mesmo é tão importante quanto cumprir as metas de trabalho. Coloque esse compromisso na agenda e cumpra-o. Ou você até pode atingir o sucesso profissional, mas, ao chegar lá no topo, não terá ninguém com quem compartilhar suas conquistas e alegria.

11. Não ter hobbies.

Recarregar suas energias em uma atividade alheia é fundamental para manter sua disposição, autoestima e ampliar os horizontes. É também uma forma de não ficar dependente dos resultados ou reconhecimento externo no trabalho para sentir-se capaz e energizado. Mude o foco. Faça outras tarefas. Descubra novas habilidades. “Se você não tem nada que o ajude a descarregar, a relaxar, a aumentar sua energia, fica difícil alcançar o equilíbrio”, afirma Barbosa.

O que mais é possível eliminar do dia a dia?Comece pelos itens acima e, a partir daí, observe o que está truncando seu desenvolvimento. Então, complemente a lista com seus tópicos pessoais.

Época Negócios – ARIANE ABDALLAH

Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos

Você sabe o quanto paga de impostos em cada compra?

A Lei 12.471/12 nos trouxe um tanto de esperança para que essa luta, que nós consumidores vivemos diariamente, seja vencida. Mas, será que isso funciona na prática?

Pável Bauken

Publicado

em



A referida lei determina que, nos documentos fiscais relativos à venda de mercadorias e serviços, deverá constar destacadamente o valor aproximado dos tributos federais, estaduais e municipais cobrados dos contribuintes. Nossa Constituição Federal ganha destaque, na medida que estabelece: “A lei determinará medidas para que os consumidores sejam esclarecidos acerca dos impostos que incidam sobre mercadorias e serviços”. Podemos presenciar então, a necessidade e o dever de informar aos cidadãos consumidores o custo tributário embutido em cada mercadoria comprada.

Apesar da regulamentação tardia do dispositivo constitucional pela Lei 12.741/12, o consumidor consegue ter noção da carga tributária que está suportando como contribuinte de fato, muito embora não seja uma tarefa simples apurar o valor exato dos tributos embutidos no preço, ante os inúmeros tributos diretos e indiretos e a complexidade na apuração destes. Precisar o valor de tributos que compõem o preço de venda é uma tarefa complexa e depende, principalmente, de que os fornecedores e os demais integrantes da cadeia comercial indiquem aos adquirentes o montante de tributos recolhidos em cada etapa da comercialização. É claro que, se isso realmente funcionar na prática, o consumidor ficará chocado ao verificar o quanto lhe é cobrado de impostos!

A Lei 12.471/12 é uma grande conquista cidadã e devemos exigi-la para que haja o mínimo de transparência fiscal em nosso País. Ademais, sonhar é sempre possível e assim sonhamos com o dia em que o governo, que já gasta uma fábula com propagandas eleitorais, possa reservar, nos canais de comunicação, alguns minutos ou disponibilizar aplicativos de fácil compreensão e manuseio, para prestar contas de sua administração de forma concisa e didática. Algo bem simples, mas capaz de informar com clareza o quanto foi arrecadado e o quanto foi gasto com educação, segurança, saúde, aposentadorias, assistência social, pagamento de juros, despesas administrativas, investimentos em infraestrutura, etc. Há muitas formas a serem estudadas para que possamos nos manter esclarecidos e informados. Além disso, nosso papel é exigir e fiscalizar a destinação do arrecadamento de tantos tributos. Não podemos deixar esta tarefa para terceiros, como cidadãos consumidores e pagadores de impostos temos o dever de participar da gestão tributária de nosso País!

Cabe a nós manter a chama acesa e não deixar de reivindicar nossos direitos. Saber o que é feito com as finanças do País (nosso dinheiro) é um deles!

Katryanne Miranda Machado, acadêmica de Direito da Unijuí

[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Artigos

Os cinco erros mais comuns que todo iniciante no Marketing digital comete

Reporter Cidades

Publicado

em



É um desafio grande elencar apenas os 5 erros mais comuns quando damos início a essa aventura no mundo do Marketing digital, mas esses cinco erros me permitiram evoluir com eles e me aprimorar cada vez mais, até atingir o sucesso online:

1° erro – Acreditamos que por termos acesso à internet e já termos seguidores nas redes Sociais, podemos vender nossos produtos. Achamos que basta postar uma bela foto e pronto: a venda vai acontecer. Esse é o exato momento em que mais de 70% dos iniciantes desistem;

2° erro –  Acreditar nos milhares de Gurus que vendem soluções rápidas quase instantâneas para ganhar dinheiro, e a velha fórmula mágica de fazer determinada estratégia ou usar as redes sociais ficar milionário em pouco tempo;

3° erro – E o mais comum, é pegar o link do produto que você está tentando vender e mandar ver, sair pregando em tudo que é lado. Não pode ver uma publicação que vai nos comentários e deixa lá a sua obra registrada, achando que isso vai te trazer o tão sonhado comprador;

4° erro – Postar só propaganda do seu produto nas Redes Sociais. As pessoas odeiam propagandas, mas adoram comprar soluções! Portanto antes de postar, pesquise o que seu Público-alvo deseja, se coloque no lugar do outro, se pergunte se você gostaria de ver aquilo que você está postando.

5° erro – E o mais grave de todos: é não investir em conhecimento, achar que é uma besteira pagar um curso com um profissional que estudou muito, que já cometeu os 4 erros acima, achar que tudo é muito caro, que não precisa usar plataformas de ferramentas profissionais para automatizar seu trabalho. Acredite, se você cair nesse erro então talvez você acabe gastando muito mais tempo e dinheiro.

Esses 05 erros são os mais recorrentes e os mais primários. Existem outros muito piores, mas infelizmente ou felizmente a maioria passa por todos eles. Quem desperta para trabalhar da forma correta busca em primeiro lugar conhecimento e depois a forma de aplicar esse conhecimento. Por último, automatizar seu sistema de vendas com ferramentas que vão levar seu negócio on-line a ter uma alavancagem que não conseguimos realizar no corpo a corpo.

Então se você leu até aqui, quer dizer que é uma pessoa que quer começar da maneira correta, ou corrigir o que você acreditou que estivesse certo. Mas não se desespere, nós temos a solução para os seus problemas! Podemos te ensinar desde a maneira correta de postar na Redes Sociais, até usar o mais complexo funil de vendas. Basta que você goste de aprender e dedique um tempo a esse aprendizado.

Cadastre-se agora mesmo para testar a Plataforma Builderall por 14 dias gratuitos! Clique no banner abaixo agora mesmo!

[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Artigos

O que são Martechs? Entenda como a tecnologia é uma grande aliada do Marketing

Reporter Cidades

Publicado

em



Hoje em dia é importante um empreendedor contar com presença digital, ter um site e um registro de domínio, pois esses recursos são fundamentais para que o empreendimento seja bem sucedido.

Ter um site com um domínio registrado transmite maior credibilidade aos usuários e consumidores finais. E em tempos de Marketing Digital, quem não está na web está na contramão de tudo.

Além do mais, contar com uma boa presença online é um dos pilares do Marketing digital. E é nesse contexto, que abrange tecnologia e estratégias de Marketing, que o conceito de Martech ganha bastante relevância.

A tecnologia está cada vez mais atrelada ao Marketing nos dias de hoje. Sendo assim, para você saber mais a respeito sobre o que são e o que fazem as Martechs, confira os seguintes tópicos:

  • Martechs – Entenda o conceito
  • Quais são as características das Martechs
  • As Martechs mais usadas

Martechs – Entenda o conceito

O conceito de Martech é uma referência a projetos que envolvem Startups ou software que unem Marketing digital e tecnologia.

As Martechs, de uma forma geral, são bem diversificadas, visto que o Marketing digital e a tecnologia atuam nos mais variados níveis.

Posto isso, uma Martech pode ser destinada para otimizar o atendimento, para a captação de leads, para o gerenciamento das vendas, ou seja, para diferentes finalidades e características.

Vale salientar ainda que hoje em dia, o Google e o Facebook também podem ser consideradas Martechs, pois disponibilizam serviços que aliam tecnologia com Marketing Digital.

Além do mais, Marthec é diferente de uma Fintech, por exemplo. A primeira é uma Startup que pode disponibilizar ferramentas de mídia digital, enquanto a segunda oferece soluções bancárias voltadas totalmente para o meio digital.

Não custa lembrar ainda que, além das Martechs e Fintechs, podemos encontrar também as Agrotechs (Startups que trazem soluções na área do Agronegócio) e as Edtechs (Startups que atuam no segmento da Educação).

Quais são as características das Martechs?

Como o objetivo das Martechs é trazer recursos tecnológicos que auxiliam a área do Marketing, é possível afirmar que elas possuem várias características que ajudam no dia a dia do gerenciamento de um empreendimento. Vamos ver algumas delas então?

Facilitar a jornada do cliente no funil de vendas

 O tão falado Funil de Vendas é um modelo estratégico que consiste na jornada do cliente, sendo a partir do primeiro contato com a empresa chegando até a concretização da venda e, em determinadas situações, indo mais além.

Ou seja, ele consiste em uma representação das etapas que o cliente realiza até concluir uma compra.

Poder contar com soluções que possuem o objetivo de acompanhar e facilitar essa jornada no atual contexto digital é muito importante. E é aí que entra uma Martech.

Graças ao auxílio de uma Martech tudo isso pode ser automatizado, proporcionando os insights e as informações mais pertinentes para a captação e a conversão de leads em cada etapa.

Automação de Marketing

 Digitalizar é vital para uma empresa nos dias de hoje. O negócio que não passar por uma transformação digital não vai se adaptar a esse cenário.

Por isso, pensando na automação de Marketing de um negócio, existem as Martechs com as ferramentas adequadas para isso, como, por exemplo, agendar postagens nas redes sociais ou enviar e-mails para clientes específicos.

Essa automação poupa o trabalho de muitos colaboradores, melhorando a produtividade e proporcionando estratégias cada vez mais eficientes.

Gerenciamento de processos

 O controle do estoque, de logística, bem como a gestão do fluxo de caixa são de suma importância para uma empresa ser conduzida da melhor maneira possível.

Diante disso, ter à disposição as soluções oferecidas pelas Martechs é de grande ajuda para o negócio, o tornando mais competitivo e eficiente em todos os aspectos, seja para atender bem os clientes quanto para gerenciar outras áreas, como o caixa, por exemplo.

Relação com os clientes

 As Martechs também são caracterizadas pelo uso de ferramentas que viabilizam essa possibilidade, como, por exemplo, os softwares de CRM, também chamados de Customer Relationship Management (Gestão de Relacionamento com o Cliente).

Há também a questão do gerenciamento dos leads da empresa, que são os famosos clientes em potencial. Hoje em dia existem várias ferramentas que auxiliam nesse gerenciamento.

Para uma melhor compreensão de quais Martechs a sua empresa vai necessitar para começar ou melhorar uma estratégia de captação de leads, é necessário levar em conta uma série de fatores. Orçamentos, funções e recursos disponíveis são alguns deles.

Avaliação dos resultados

 Qualquer estratégia de Marketing digital estará incompleta sem a adoção de indicadores que proporcionem a mensuração dos resultados.

Levando em consideração os dados obtidos graças a essas avaliações, é possível obter um acompanhamento de vários aspectos importantes que constituem o seu plano de marketing. Isso aumenta de forma considerável as oportunidades de êxito das estratégias.

Além do mais, é importante salientar que a compreensão e a obtenção de dados precisos relacionados a essas estratégias torna mais fácil elaborar outras ações futuras, bem como melhorar a produtividade e o relacionamento com o cliente.

Quais são as Martechs mais conhecidas?

Ter uma hospedagem de site e um registro de domínio ajuda muito qualquer tipo de negócios, desde os pequenos aos grandes empreendimentos. Além desses recursos, para inserir ainda mais a sua empresa na era digital, é importante também utilizar as Martechs.

Algumas das que são mais conhecidas e utilizadas hoje em dia são:

Forebrain

 Oferece serviços de Neurociência do Consumo com a utilização de diferentes metodologias.

Com as soluções da empresa é possível aplicar testes e elaborar estudos sobre desenvolvimento de produtos, Marketing, Comunicação, PDV e Mídia.

 Escale

 A Escale é uma Martech especializada em otimizar a jornada de compras de produtos e serviços com maior tempo para tomada de decisão.

A empresa promete resultados por meio de estratégias que envolvem ciência de dados, tecnologias e experiencias personalizadas.

Hi Plataform

 A Hi Plataforma é uma solução de atendimento que se integra a diversos tipos de negócios por meio da automação de atendimento.

A ferramenta promete reduzir custos com soluções de chatbots que otimizam o atendimento inclusive no WhatsApp.

 Geofusion

 A Geofusion oferece soluções de Geomarketing que une Gestão de Territórios e Inteligência Comercial.

Com as soluções baseadas em nuvem, a empresa promete reduzir custos de aquisição e expandir negócios com base em dados seguros e devidamente mapeados.

Salesforce

 É uma Martech voltada para a gestão de relacionamento com o cliente. Ele traz várias informações importantes a respeito das vendas, possibilitando estabelecer estratégias cada vez mais eficientes.

Outra característica dessa ferramenta é a capacidade de integração com as redes sociais e outras plataformas.

Martech é a união do Marketing com a tecnologia

 Os avanços da tecnologia, especialmente no que diz respeito ao ambiente online, proporcionaram o cenário ideal para os consumidores utilizarem ferramentas digitais no dia a dia, especialmente para pesquisar e comprar produtos e serviços.

Nesse cenário, em que hospedagem de sites e domínio são fundamentais, não é por acaso que as Martechs demonstrem um enorme valor para a gestão de um negócio na era da internet.

Portanto, diante do auxílio de uma Martech, a gestão do negócio e o relacionamento com os clientes passam a ser realizados de maneira mais eficiente, fornecendo os insights e as informações mais relevantes para que o lead seja transformado em cliente.

[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

ENQUETE

Trending

© 2020 PORTALPLURAL.COM.BR Todos os direitos reservados.


error: Conteúdo protegido, para ter acesso seja nosso parceiro entre em contato no whats (55) 984161736
×