Com gol de pênalti, Inter amarga derrota por 1 a 0 para o CSA – Portal Plural
Connect with us

Esportes

Com gol de pênalti, Inter amarga derrota por 1 a 0 para o CSA

Pável Bauken

Publicado

em



 

O Inter amargou mais uma derrota fora de casa no Brasileirão ao perder para o CSA por 1 a 0 na noite desta quarta-feira. Em uma partida em que dominou praticamente toda a posse de bola durante o confronto, o Colorado não conseguiu criar muito e converter suas oportunidades em vantagem no marcador. Sofreu gol de pênalti aos 20 minutos do segundo tempo, depois que Dawhan foi derrubado por Uendel. O argentino Jonatan Gomez cobrou forte e fez o único gol do duelo.

Foi na etapa inicial que o time de Odair Hellmann teve suas melhores chances e pressionou o adversário. Com chutes de longa distância, Lindoso exigiu que o goleiro Jordi fizesse bela defesa e também carimbou a trave. Guilherme Parede até balançou as redes duas vezes, mas as jogadas foram anuladas por impedimento.

O resultado negativo contra uma equipe que até o começo da rodada estava na zona de rebaixamento é praticamente um banho de água fria para as pretensões do clube de alcançar o G-4 da competição e garantir vaga direta na Libertadores do ano que vem. Também levanta incertezas sobre a continuidade do técnico Odair Hellmann. O Inter atualmente está em sexto lugar, com 38 pontos, mas pode perder a posição no decorrer da rodada.

O jogo
Com a necessidade de pontuar para tentar sair da zona de rebaixamento, o CSA tentou apostar na velocidade logo no primeiro minuto, com Bustamante dominando pela esquerda e finalizando, com desvio na zaga. Carlinhos dominou pela esquerda e cruzou, sem dificuldades, para Lomba fazer a defesa. Os comandados de Argel Fucks tentaram manter marcação forte e adiantada, mas, aos, poucos, o Inter começou a empurrar o adversário de volta para seu campo, fazendo com que compactasse a marcação.

O Colorado passou a ter mais posse de bola, mas sem muitos espaços para criar. E os alagoanos tentavam no contra-ataque, sobretudo com Apodi. Aos 10″, o lateral avançou nas costas de Uendel e cruzou no segundo poste, onde encontrou Bustamante, que, livre, cabeceou para fora. O domínio colorado ficou claro quando o time emplacou quatro escanteios seguidos. A melhor chance foi com Rodrigo Lindoso, que teve duas oportunidades no mesmo lance. Aos 19″, recebeu de Nico López, dominou na intermediária e arriscou de longe. O goleiro Jordi se esticou e fez a defesa.

Na sequência, o Inter ficou com a bola, e, após alguns passes, ela sobrou novamente para o volante. O jogador enquadrou e bateu colocado, explodindo na trave direita, a meia altura. O colorado continuou tentando a penetração, mas não conseguia encontrar brechas na defesa e transformar a maior posse de bola em efetividade. Durante o primeiro tempo, o técnico Odair Hellmann que colocar Klaus no jogo depois que Emerson Santos saiu carregado de maca.

Gols impedidos
Quando o time gaúcho conseguiu balançar as redes, o árbitro de linha anulou por impedimento. Dois chutes de Guilherme Parede corretamente invalidados. No primeiro, aos 25″, o atacante recebeu de Neilton e bateu colocado, sem chances para o goleiro. No segundo, aos 36″, em posição irregular ainda mais evidente, dominou passe de Uendel, que ficou com a sobre após Neilton ser derrubado por Jean Cléber na entrada da área. Em ambos os lances, o VAR não foi utilizado. Os colorados ainda reclamaram pênalti no meia, mas nada foi marcado.

O jogo seguiu com a mesma dinâmica e se estendeu até os 48″. No minuto final, Jordi quase entregou um gol para os visitantes. Em cobrança de escanteio de Nico, o goleiro saiu do gol e deixou a bola escapar. Ele, então, se atirou no chão para segurar antes que Klaus chegasse.

Menos efetividade no segundo tempo
Sem modificações, o CSA voltou mais solto para a etapa completamentar. Em cinco minutos, tentou três chutes de longa distância, todos fracos, sem perigo para Lomba. Foi aos 7″ que Alecsandro quase fez valer a “lei do ex”, se antecipando de Cuesta e desviando de cabeça cruzamento de Carlinhos por cima do travessão. Insatisfeito com o rendimento do time, Odair tirou Neilton para colocar D’Alessandro em campo.

A mudança deu novo ânimo ao time, que passou a rodar mais a bola e ter mais precisão nos passes. Aos 17″, em um contra-ataque, Nico limpou bonito a marcação, teve o ângulo para bater, mas preferiu o cruzamento, que saiu errado. Na sequência do lance, após troca de passes, foi a vez de Dawhan arrancar em velocidade. Ao entrar na área, foi derrubado por Uendel, e o árbitro marcou Penâlti. Jonatan Gomez cobrou com confiança, com força e baixo na esquerda. Lomba acertou o lado, mas não conseguiu a defesa; 1 a 0 CSA.

Com a vantagem no placar, os donos da casa se fecharam na defesa. Odair lançou Wellington Silva no lugar de Uendel. O atacante entrou com novo estado anímico e quase arrancou o empate em chute colocado de direta. A bola subiu muito e saiu pela linha de fundo. Restou aos mandantes os contra-ataques. Bruno Alves, que entrou no lugar de Apodi, teve a chance de ampliar depois que arrancou com agilidade pela direita e bateu rasteiro, cruzado.

O Inter se lançou ao ataque em busca de sair do Estádio Rei Pelé com pelo menos um ponto, mas Argel montou um esquema defensivo reforçado que barrou as jogadas colorados. O Colorado tentou alguns chutes de longa distância, mas não conseguiu balançar as redes. Deu tempo, contudo, para Nico perder a cabeça. Aos 44″, Parede recebe em condição de impedimento, e o árbitro assinalou a irregularidade. Nico, então, pegou a bola e deu um balão para cima, irritado. Recebeu cartão amarelo. Nos quatro minutos de acréscimo, o CSA só se defendeu e fez prevalecer seu o resultado vitorioso de 1 a 0.

Brasileirão 2019 – 24ª Rodada
CSA 1
Jordi, Apodi (Bruno Alves), Ronaldo Alves, Luciano Castán, Naldo, Carlinhos, Dawhan, Jean Kléber, Jonantan Gómez, Héctor Bustamante (Jarro Pedroso), Ricardo Bueno (Alecsandro)
Técnico: Argel Fucks

Inter 0
Marcelo Lomba; Heitor, Victor Cuesta, Emerson Santos (Klaus) e Uendel (Wellington Silva); Rodrigo Lindoso, Edenilson e Patrick; Nico López, Neilton (D’Alessandro) e Guilherme Parede
Técnico: Odair Hellmann

Gol: Jonantan Gómez (20″/2ºT)
Cartões Amarelos: Ricardo Bueno (CSA), D’Alessandro e Nico López (Inter)
Local: Estádio Rei Pelé

CP

Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Destaque

Atletas foram selecionados pela Chapecoense na pré-temporada da SER Santa Rosa

Pável Bauken

Publicado

em



Entre os dias 03 a 08 de fevereiro, a escola de futebol da SER Santa Rosa realizou nas dependências do Estádio Municipal Carlos Denardin e da Vigor Arte e Show, um evento denominado Pré-Temporada.

A Pré-Temporada teve o objetivo de demonstrar para mais de 70 meninos de 08 a 17 anos, como funciona um pré-temporada de um clube profissional, e o caminho que um atleta precisa seguir para se tornar um jogador profissional. Durante a semana os atletas tiveram treinos em dois períodos, com profissionais qualificados, acompanhamento nutricional com cardápio elaborado pela nutricionista Gabriela Traczynski, palestras com o Presidente do clube Justino Girardi, Paulo Paim (palestra motivacional), Marcelo Baron (ex-jogador e treinador), João Pedro Simonetto (jogador do Juventude), Gabriela Traczynski (nutrição).

No decorrer da semana os meninos realizaram cinco refeições regradas no clube, com explicações da importâncias da alimentação saudável, com vegetais, legumes, frutas, carnes, derivados de leites e etc. Treinamentos intensos, com preparação tática, técnica, física e especifica, além de momentos de recreação e relaxamento na piscina.

Para coroar com chave de ouro a semana de treinamentos, a SER Santa Rosa em parceria com a Chapecoense trouxe a Santa Rosa três observadores da equipe catarinense, para observar os atletas do clube nos treinos da sexta-feira e do sábado.

Nesta observação, o supervisor da categorias de Base da Chapecoense Nei Minks convidou oito atletas da SER Santa Rosa para realizar um período de treinamentos nos próximos dias em Chapecó.

Os atletas selecionados são:
João Vitor C. Tiecher – Lateral Esquerdo – 2005
Arthur Trentin Bottega – Volante – 2006
Vitor Mateus de Lima – Atacante – 2006
Gabriel Peirus Vier – Goleiro – 2007
João Vitor M. Marques – Centroavante – 2007
Bernardo Beck Campos – Lateral Direito – 2008
Juliano Matias Volkweis – Meio Campista – 2008
Bryan Trautenmuller Campos – Meio Campista – 2009

Mantemos seus dados privados e os compartilhamos apenas com terceiros que tornam esse serviço possível. Veja nossa Política de Privacidade para mais informações.

Continue Lendo

Esportes

Ginásio Pedro Deon sediará as atividades da Escolinha de Futebol Unidos do Cruzeiro do Sul

Pável Bauken

Publicado

em



Na manhã desta quinta-feira, 13 de fevereiro, o secretário de Desenvolvimento de Cultura e Esporte de Santa Rosa, Carlos Alberto Nasi, recebeu a visita do vereador Nilson Joel Cardoso (Xexéu) para tratar de assuntos da área do esporte e do desenvolvimento social. Na ocasião, ficou definido que a Escolinha de Futebol Unidos do Cruzeiro do Sul, coordenada pelo líder comunitário Xexéu, disporá de duas horas semanais no Ginásio Municipal Pedro Deon para realizar suas atividades. A Escolinha Unidos do Cruzeiro do Sul atende aproximadamente 60 crianças e adolescentes.

Mantemos seus dados privados e os compartilhamos apenas com terceiros que tornam esse serviço possível. Veja nossa Política de Privacidade para mais informações.

Continue Lendo

Destaque

Verão Mágico 2020 já tem seus primeiros campeões

Pável Bauken

Publicado

em



Iniciado no dia 20 de janeiro, o Verão Mágico 2020 chega em meados de fevereiro com alguns de seus campeões já definidos. Vamos a eles.

Futevôlei

1º lugar: JP Artigos Militares

2º lugar: Pastur/Lucas

3º lugar: Arena Gol

Câmbio Master

1º lugar: Tucunduva

2º lugar: ASSCAM

3º lugar: Sesc

Câmbio Sênior

1º lugar: ASSCAM “A”

2º lugar: Tucunduva

3º lugar: ASSCAM “B”

Vôlei de Areia Família

1º lugar: Mirian/Saul

2º lugar: Magadiel/Nanda

3º lugar: Família Batista

Handebol de Areia Feminino

1º lugar: ASE – Santa Rosa

2º lugar: Escola Polivalente

Handebol de Areia Masculino

1º lugar: Escola Polivalente

2º lugar: ASE – Santa Rosa

As competições do Verão Mágico seguem até o dia 3 de março. O Verão Mágico 2020 é uma promoção da Prefeitura Municipal de Santa Rosa, através da Secretaria de Desenvolvimento de Cultura e Esporte, com o apoio da RBS TV Santa Rosa.

Mantemos seus dados privados e os compartilhamos apenas com terceiros que tornam esse serviço possível. Veja nossa Política de Privacidade para mais informações.

Continue Lendo

Trending

×