Chantagem: Pai e Filho acusados de usar fotos de Schumacher após acidente de esqui
Connect with us

Destaque

Chantagem: Pai e Filho acusados de usar fotos de Schumacher após acidente de esqui

Publicado

em

portal plural pai e filho acusados de usar fotos de schumacher após acidente de esqui
Foto:Lars Baron/Bongarts/Getty Images

banner plano0 goldAcademia PersonaFAST AÇAÍ15 topo humberto pluralNuvera

Um pai e seu filho enfrentam acusações na Alemanha por tentativa de extorsão à família de Michael Schumacher, exigindo dinheiro para não divulgar fotos recentes do ex-piloto. As autoridades alemãs revelaram nesta terça-feira (3) que descobriram imagens privadas da família do heptacampeão mundial de Fórmula 1. A promotoria de Wuppertal, onde o caso está sendo investigado, não divulgou detalhes adicionais devido ao segredo judicial. Segundo o jornal Südkurier, os suspeitos são um pai de 53 anos e seu filho de 30 anos.

De acordo com relatos do jornal, o pai trabalha como segurança em uma casa noturna em Konstanz. Alega-se que os suspeitos estavam ameaçando a família Schumacher, afirmando que iriam divulgar as fotos obtidas na “dark web” a menos que recebessem uma quantia milionária em troca. A “dark web” refere-se a partes da internet que não são acessíveis por navegadores convencionais e são frequentemente utilizadas para o compartilhamento de conteúdo ilegal, devido à sua dificuldade em serem rastreadas.

Um porta-voz da família Schumacher informou à agência Reuters que não fará comentários sobre o caso. Desde um grave acidente de esqui em dezembro de 2013, em Méribel, na França, que resultou em sérias sequelas neurológicas, o estado de saúde do ex-piloto Michael Schumacher tem sido mantido em total privacidade por sua esposa Corinna e seus familiares próximos. Desde então, imagens do ex-piloto não foram divulgadas publicamente.

Fonte: G1

Compartilhe

Destaque

Morador de Porto Mauá se surpreende com cachos de banana gigantes lado a lado

Publicado

em

portal plural morador de porto mauá se surpreende com cachos de banana gigantes lado a lado

banner plano0 goldNuveraAcademia Persona15 topo humberto pluralFAST AÇAÍ

O Sr. Altair Marques (60 anos), residente no centro de Porto Mauá, ficou surpreso ao ver no seu bananal que havia dois cachos gigantes de banana, da espécie “Caturra”, com distância em torno de um metro um do outro.

Primeiramente começou a amadurecer o cacho menor, colheu e repartiu o mesmo com os vizinhos. Poucos dias depois colheu o outro, no dia 13 de julho de 2024, e precisou da ajuda do seu irmão, devido o peso do mesmo. Seu Altair explica que  não se lembrou de pesar, mas fez a medição do tamanho e contou o número de frutos, sendo que mediu 1,25 metros, com 16 pencas e 312 dedos (frutos).

Na sua propriedade ele cultiva três variedades de bananas: caturra, maçã e petiça, sendo que foi a primeira vez que colheu  cachos gigantes.

Outros produtores porto-mauenses que já colheram cachos gigantes:

– Egon Kohler: 1,6 metros e 43 kg;

– Agenor dos Santos: 1,3 metros, 51 kg e 510 frutas;

– Venildo Lodi: 1,28 metros, 49 kg;

– Delvir Gnata: 1,24 metros e 46 kg;

– Alcide Bin: 1,1 metros e 33 kg

 

 

Fonte: Guia Tuparendi.

Texto: Vilson Winkler

Foto: Thiago Marques

Compartilhe
[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Destaque

Patrulha Ambiental flagra atividade de pesca ilegal em barragem de Santa Rosa

Publicado

em

portal plural patrulha ambiental flagra atividade de pesca ilegal em barragem de santa rosa

Academia PersonaFAST AÇAÍbanner plano0 gold15 topo humberto pluralNuvera

Um indivíduo foi flagrado enquanto usava redes e uma embarcação de alumínio para pesca, sem autorização e registro necessários. A ação da Patrulha Ambiental ocorreu no domingo (22), na Barragem PCH Santo Antônio, em Santa Rosa.

Foram apreendidas três redes de pesca com malhas diversas, cada uma com cerca de 50 metros de comprimento, além de um barco de alumínio não registrado na Marinha do Brasil. Doze peixes vivos foram resgatados das redes e devolvidos ao rio.

Com informações do Comando Ambiental

Compartilhe
[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Destaque

Programa Habitacional Santa Rosa Verde Amarelo beneficia 450 famílias e libera R$ 8,1 milhões em subsídios

Publicado

em

portal plural programa habitacional santa rosa verde amarelo beneficia 450 famílias e libera r$ 8,1 milhões em subsídios

15 topo humberto pluralFAST AÇAÍNuveraAcademia Personabanner plano0 gold

O Programa Habitacional Santa Rosa Verde Amarelo já possibilitou que 450 famílias, ou seja R$8,1 milhões destinados para a realização do sonho da casa própria. A iniciativa concede um subsídio de R$ 18 mil, a fundo perdido, para ser utilizado como entrada em financiamentos habitacionais.

Para participar do programa, os interessados devem atender aos seguintes critérios: não possuir imóvel em seu nome, ter renda familiar mensal inferior a R$ 7 mil e não ter sido beneficiado anteriormente por outros programas habitacionais. O primeiro passo é procurar uma instituição bancária que trabalhe com crédito habitacional para iniciar o processo.

Compartilhe
[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Compartilhe

[DISPLAY_ULTIMATE_SOCIAL_ICONS]

Trending

×

Entre em contato

×