Aumento na contribuição dos servidores ao IPE Saúde começa em outubro - Portal Plural
Connect with us

Destaque

Aumento na contribuição dos servidores ao IPE Saúde começa em outubro

Publicado

em


banner plano0 gold15 topo humberto pluralNuveraAcademia PersonaFAST AÇAÍ

As mudanças no IPE Saúde, aprovadas pelos deputados estaduais na terça-feira (20), vão entrar em vigor em outubro deste ano. As alterações aumentam os custos do IPE Saúde para parte dos servidores estaduais, uma vez que amplia a alíquota de desconto e prevê a cobrança pela inclusão de dependentes.

De acordo com o governo do Estado, as novas regras valem a partir de 1º de outubro. A primeira folha salarial impactada será aquela que tem previsão de ser paga em 31 de outubro.

O projeto de lei de autoria do governador Eduardo Leite para alterar as regras do IPE Saúde foi aprovado com 36 votos favoráveis e 16 contrários, sem qualquer alteração de autoria dos deputados estaduais. Nos próximos dias o texto será sancionado pelo governador.

O governo do Estado estima que as novas regras vão gerar um aumento de arrecadação de R$ 720 milhões ao ano para o IPE.

Entenda as mudanças

Atualmente, o servidor que adere ao IPE Saúde tem um desconto mensal de 3,1% de seu salário e não paga pela inclusão de dependentes.

Quando as mudanças entrarem em vigor, o desconto mensal dos servidores subirá para 3,6%. Além disso, passará a ser cobrado um valor variável — de R$ 49,28 a R$ 439,16 — para inclusão de cada dependente, conforme a idade da pessoa incluída.

O projeto também prevê uma trava para limitar o quanto pode ser descontado de cada servidor. Pela regra, o custo total do IPE Saúde será de, no máximo, 12% dos vencimentos do titular do plano.

Compartilhe

Destaque

Morador de Porto Mauá se surpreende com cachos de banana gigantes lado a lado

Publicado

em

portal plural morador de porto mauá se surpreende com cachos de banana gigantes lado a lado

banner plano0 goldAcademia PersonaFAST AÇAÍ15 topo humberto pluralNuvera

O Sr. Altair Marques (60 anos), residente no centro de Porto Mauá, ficou surpreso ao ver no seu bananal que havia dois cachos gigantes de banana, da espécie “Caturra”, com distância em torno de um metro um do outro.

Primeiramente começou a amadurecer o cacho menor, colheu e repartiu o mesmo com os vizinhos. Poucos dias depois colheu o outro, no dia 13 de julho de 2024, e precisou da ajuda do seu irmão, devido o peso do mesmo. Seu Altair explica que  não se lembrou de pesar, mas fez a medição do tamanho e contou o número de frutos, sendo que mediu 1,25 metros, com 16 pencas e 312 dedos (frutos).

Na sua propriedade ele cultiva três variedades de bananas: caturra, maçã e petiça, sendo que foi a primeira vez que colheu  cachos gigantes.

Outros produtores porto-mauenses que já colheram cachos gigantes:

– Egon Kohler: 1,6 metros e 43 kg;

– Agenor dos Santos: 1,3 metros, 51 kg e 510 frutas;

– Venildo Lodi: 1,28 metros, 49 kg;

– Delvir Gnata: 1,24 metros e 46 kg;

– Alcide Bin: 1,1 metros e 33 kg

 

 

Fonte: Guia Tuparendi.

Texto: Vilson Winkler

Foto: Thiago Marques

Compartilhe
[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Destaque

Patrulha Ambiental flagra atividade de pesca ilegal em barragem de Santa Rosa

Publicado

em

portal plural patrulha ambiental flagra atividade de pesca ilegal em barragem de santa rosa

FAST AÇAÍNuverabanner plano0 gold15 topo humberto pluralAcademia Persona

Um indivíduo foi flagrado enquanto usava redes e uma embarcação de alumínio para pesca, sem autorização e registro necessários. A ação da Patrulha Ambiental ocorreu no domingo (22), na Barragem PCH Santo Antônio, em Santa Rosa.

Foram apreendidas três redes de pesca com malhas diversas, cada uma com cerca de 50 metros de comprimento, além de um barco de alumínio não registrado na Marinha do Brasil. Doze peixes vivos foram resgatados das redes e devolvidos ao rio.

Com informações do Comando Ambiental

Compartilhe
[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Destaque

Programa Habitacional Santa Rosa Verde Amarelo beneficia 450 famílias e libera R$ 8,1 milhões em subsídios

Publicado

em

portal plural programa habitacional santa rosa verde amarelo beneficia 450 famílias e libera r$ 8,1 milhões em subsídios

Academia Personabanner plano0 goldFAST AÇAÍ15 topo humberto pluralNuvera

O Programa Habitacional Santa Rosa Verde Amarelo já possibilitou que 450 famílias, ou seja R$8,1 milhões destinados para a realização do sonho da casa própria. A iniciativa concede um subsídio de R$ 18 mil, a fundo perdido, para ser utilizado como entrada em financiamentos habitacionais.

Para participar do programa, os interessados devem atender aos seguintes critérios: não possuir imóvel em seu nome, ter renda familiar mensal inferior a R$ 7 mil e não ter sido beneficiado anteriormente por outros programas habitacionais. O primeiro passo é procurar uma instituição bancária que trabalhe com crédito habitacional para iniciar o processo.

Compartilhe
[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Compartilhe

[DISPLAY_ULTIMATE_SOCIAL_ICONS]

Trending

×

Entre em contato

×