ASE/DORI/FOCO/GARRA vice campeã em Horizontina – Portal Plural
Connect with us

Esportes

ASE/DORI/FOCO/GARRA vice campeã em Horizontina

Pável Bauken

Publicado

em



 

A equipe da ASE/DORI/FOCO/GARRA participou no domingo, dia 01 de dezembro na cidade de Horizontina da 3ª Copa Filós de Futsal Feminino. A Copa contou com a participação de 14 times de diferentes regiões do estado, em 7 jogos a equipe de Santa Rosa somou 20 gols feitos e apenas um gol sofrido, a goleira Nena Sky ganhou o troféu de Goleira Menos Vazada. Na final, após o empate em 1×1, a equipe garantiu o segundo lugar na disputa por penalidades.

No sábado a noite, dia 30 de novembro, a equipe disputou a semifinal no Campeonato Regional de Porto Lucena, perdeu o jogo pelo placar de 3×4 com São Paulo das Missões, com este resultado a equipe encerrou a participação no campeonato.

A equipe nestes campeonatos esteve representada pelas seguintes atletas: Nena Sky, Kati, Lika, Gabe, Gabizinha, Júlia, Helen, Mari, e Aninha. Nestes dois campeonatos a equipe foi orientada tecnicamente pela Auxiliar Técnica Bárbara Canheski.

A ASE FUTSAL FEMININO conta com a parceria das empresas Dori Alimentos, Foco Engenharia Elétrica, Garra Combustíveis, Carol Uniformes, PH Impressões & Personalizados e Star Sat Parabólicas, destaca também o apoio da Secretaria de Desenvolvimento de Cultura e Esporte e a Escola Estadual Santos Dumont, Polivalente.

Técnico: Álvaro Miguel Perini
Auxiliar Técnica:Bárbara Canheski
Mídias Sociais: Camila Berger
Administrativo: Jaqueline Camargo

PRÓXIMOS JOGOS:
08 de dezembro: Torneio Regional em Roque Gonzales.
2020: Taça Pomar e Verão Mágico.

Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esportes

Skatistas brasileiros iniciam temporada visando aos Jogos de Tóquio

Etapa que abre circuito nacional no ano vale ponto em ranking olímpico

Pável Bauken

Publicado

em

© Julio Defeton/STU/Direitos Reservados

A cidade de Criciúma (SC) recebe até domingo (24) a primeira etapa do STU Nacional, que é o circuito brasileiro de skate de street e park, as duas provas olímpicas da modalidade. As disputas começaram nesta sexta-feira (22) com as eliminatórias do street masculino e do park feminino e masculino.

O torneio vale pontos na disputa para representar o Brasil na Olimpíada de Tóquio (Japão), que marca a estreia do skate no evento. Cada país poderá levar aos Jogos até 12 atletas que estejam entre os 20 melhores do ranking da World Skate (federação internacional da modalidade), sendo seis por prova (três homens e três mulheres).

No park feminino, oito skatistas garantiram nesta sexta-feira a classificação à final da etapa, que será neste sábado (23), às 17h30 (horário de Brasília): Dora Varella, Victoria Bassi, Erica Leguizamon, Isadora Pacheco, Emily Antunes, Camila Borges, Raicca Ventura e Maitê Demantova. Dora, Victoria e Isadora estão entre as 30 melhores do ranking mundial da prova e fazem parte da seleção brasileira principal, enquanto Raicca e Maitê integram as seleções de base.

“É muito bom começar o ano com uma competição em uma pista de alto nível, depois de tanto tempo sem campeonatos. Espero que eu consiga uma boa colocação e comece o ano bem para a corrida olímpica”, afirmou Dora, em depoimento ao site da Confederação Brasileira de Skate (CBSk). Também neste sábado, as eliminatórias do street feminino começam às 10h e as semifinais do  masculino ocorrem a partir das 13h. As disputas podem ser acompanhadas pelo canal oficial do evento no YouTube. À tarde, antes de final das mulheres, será realizada a semifinal do park masculino, às 15h30.

O domingo será aberto com a final do park masculino, às 10h. Na sequência, às 12h, ocorre a decisão do street feminino. Já às 13h30, os melhores skatistas do street masculino brigam pelo título no encerramento do evento. As duas finais de street também serão transmitidas no canal oficial do STU Nacional.

O street é um estilo de skate praticado com obstáculos de rua, como escadarias ou corrimões. O Brasil tem metade das atletas que integram o top-10 do ranking mundial. Entre elas, Rayssa Leal (número dois do mundo) e Virginia Fortes Aguas (décima), que estão em Criciúma. Já no masculino, a dupla da seleção Lucas Rabelo (19º do mundo) Felipe Gustavo (21º) e João Lucas Alves, o Xuxu, atual campeão brasileiro, são os destaques na competição em Santa Catarina.

“Além da importância natural do STU, que é o maior campeonato de skate do Brasil, ainda terá pontuação válida para a classificação olímpica. Acabei ficando de fora da última etapa em São Paulo, em função de uma lesão no tornozelo, mas fiz tratamento durante as festas de final de ano e pisei no skate novamente dia 16 agora”, disse Rabelo, ao site da CBSk.

Já no park, a pista tem formato similar a de uma piscina, com paredes e elementos de rua. Oito dos inscritos na etapa de Criciúma entre os homens figuram no top-30 mundial da prova, sendo três entre os dez primeiros: Luiz Francisco (segundo), Pedro Barros (quarto) e Pedro Quintas (sexto). Eles integram a seleção masculina, assim como Mateus Hiroshi (13º do mundo), Murilo Peres (16º) e Héricles Fagundes (24º), que também brigam pelo título neste fim de semana.

ebc

[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Esportes

PSG apresenta prejuízo de mais de R$ 1 bilhão em suas finanças

Reporter Global

Publicado

em



 

 

O Paris Saint Germain foi fortemente abalado pelo impacto econômico que a pandemia da covid-19 trouxe. A equipe teve um prejuízo de 204 milhões de euros (um pouco mais de 1 bilhão de reais) para a temporada 2020/2021, sendo 60% a mais do que no ano passado, conforme publicou o L’Equipe, da França.

 

Esse cenário obriga o PSG a vender jogadores do seu elenco. A complicação é que os parisienses também buscam acertar as renovações de suas estrelas Kylian Mbappé e Neymar. Os contratos das duas estrelas se encerram em junho de 2022 e ambos podem negociar com qualquer clube a partir de 1º de janeiro.

O PSG é líder do Campeonato Francês com 42 pontos e enfrentará o Barcelona pelas oitavas de final da Liga dos Campeões.

 

 

FONTE: Gazeta Esportiva

[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Esportes

Josef Bican, o maior artilheiro da história do futebol que peitou nazistas e comunistas

Reporter Global

Publicado

em



 

 

Nem Ferenc Puskas, nem Gerd Müller, nem Eusébio. O maior artilheiro europeu da História é Josef “Pepi” Bican, um atacante austríaco que, mesmo sendo tão efetivo diante dos goleiros, acabou esquecido pela maioria dos torcedores.

 

Nascido em Viena em 1913 e falecido em Praga em 2001, Josef Bican é uma das maiores lendas da história do futebol da Europa Central, além de ser o maior goleador de todos os tempos e um personagem inigualável, capaz de enfrentar primeiro os nazistas e depois sobreviver ao desprezo do governo comunista da Tchecoslováquia. Um esportista a quem não chegou os merecidos reconhecimentos até seus últimos anos de vida e a quem o Slavia Praga rende homenagens de forma enfática.

De acordo com os dados da Rec Sport Soccer Stadistics Foundation, Bican somou 805 gols em 530 partidas oficiais, uma cifra que não alcançam nem Romário (772), Pelé (767), Ferenc Puskas (746) ou Gerd Müller (735), tendo todos eles jogado muito mais partidas que o austríaco/tcheco, quem, de acordo com o mesmo portal especializado, alcançou os 1468 gols em 918 jogos, levando em conta também os amistosos.

Porém, além das cifras escandalosas, ou ao lado delas, Josef Bican foi um personagem especial. Nascido em Viena em setembro de 1913 em uma família muito modesta de origem tcheca, perdeu o pai ainda muito novo e sua paixão pelo futebol combinou com vários trabalhos até que aos 18 anos, em 1931, estreou na primeira equipe do Rapid Vienna. Ao piscar os olhos, virou a sensação do time e do Wunderteam, como ficou conhecida a seleção austríaca na década de 30 e que ficou de fora da Copa do Mundo de 1934 por conta de uma arbitragem polêmica.

Sua popularidade não parou de crescer entre os torcedores até que em 1938, depois da anexação da Áustria por parte da Alemanha nazista, Bican se negou a jogar por sua seleção e decidiu marchar à Tchecoslováquia, a Praga, para se envolver como Slavia, onde sua capacidade goleadora veio à tona ao ponto de conseguir 395 gols em 217 partidas oficiais com o clube. Sua excepcional carreira esportiva, no entanto, não evitou com que voltasse a ter problemas com os nazistas, que já tinham ocupado a Tchecoslováquia e desmembrado também a seleção.

Com 40 anos de idade, fez 57 gols na temporada de 1953/54, mesmo com 40 anos, e se aposentou um ano mais tarde como um herói.

 

A grande questão é: Por que Bican não é mais conhecido?

 

“A explosão midiática do futebol internacional aconteceu com a Eurocopa no fim dos anos 50. Nela, apareceram figuras como Puskas e Di Stefano. Bican é de uma geração anterior”, afirma Horak.

Após encerrar a carreira, o lendário jogador teve que trabalhar como operário, motorista de ônibus e chegou a alimentar animais ferozes no zoológico de Praga.

 

 

[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

ENQUETE

Trending

© 2020 PORTALPLURAL.COM.BR Todos os direitos reservados.


error: Conteúdo protegido, para ter acesso seja nosso parceiro entre em contato no whats (55) 984161736
×