Acesse aqui
Rádio Web Portal Plural
Alunos utilizam guarda-chuva dentro de sala de aula – Portal Plural
Connect with us

Geral

Alunos utilizam guarda-chuva dentro de sala de aula

Pável Bauken

Publicado

em



 

Alunos do 3º ano do Ensino Fundamental da Escola Estadual Tuiuti, em Gravataí, precisaram usar guarda-chuva na sala de aula para poder estudar nesta segunda-feira. O motivo é a demora na recuperação dos prédios da escola.

A professora Caren Migliorance registrou o empenho de professores e turma para garantir a aquisição de conhecimentos, inclusive em sala improvisada, na biblioteca da instituição.

A diretora Geovana Affeldt revela que a espera pelas obras prejudica os 1.200 alunos dos ensinos Fundamental, Médio e Técnico, em três turnos.

Em junho a escola chegou a ser ocupada por pais e estudantes que reclamavam dos graves problemas na estrutura dos prédios da instituição. No ano passado, conforme o Cpers/Sindicato, o forro de uma das salas de aula desabou. Desde então, os alunos passaram a estudar em locais improvisados, como a biblioteca, a sala de informática e o espaço multimídia. E, uma vez por semana, havia revezamento destes espaços, entre os estudantes.

A Secretaria Estadual da Educação (SEC) informou na época que haviam sido destinados R$ 155.911,30 para a realização dos reparos em quatro prédios da escola, explicando que o atraso no cronograma ocorreu devido a um aditivo no contrato que foi solicitado pela empresa responsável. Confirmou, ainda, que o valor de R$ 45 mil já havia sido liberado, e que o prazo total da reforma, do início até a entrega, era de até 90 dias.

O prazo, contudo, não foi cumprido. Um dos quatro prédios será entregue apenas na segunda quinzena de novembro. Os demais, de acordo com a direção da escola, estão ainda em processo de licitação.

CP

Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Geral

Prefeito Alcides Vicini recebe proposição de criação de projeto de lei – CIL

Pável Bauken

Publicado

em



Na semana que passou o Prefeito Alcides Vicini recebeu em seu gabinete a visita de integrantes da Associação Beneficente Espaço Feliz.

A visita se deu com o objetivo de propor a criação de projeto de lei e posterior implantação de uma Central de Interpretação da Linguá Brasileira de Sinais – CIL – Libras para Pessoas Surdas e com Deficiência Auditiva no Município de Santa Rosa.

O projeto visa garantir o atendimento de qualidade para as pessoas surdas por meio dos serviços de tradução e interpretação de libras nos distintos órgãos e repartição públicas privadas de interesse publico.

Na oportunidade o Prefeito Alcides Vicini prontamente acolheu o pedido e ressaltou a importância da inclusão das pessoas com necessidades especiais na sociedade.

Participaram do ato, o Vice-prefeito, Luís Antônio Benvegnú, a Secretária de Desenvolvimento Social, Rosângela Andrade, e demais integrantes da Associação.

[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Geral

Confaz divulga nova tabela de preços médios de combustíveis

Reporter Plural

Publicado

em

Ilustração Google

O Conselho Nacional de Política Fazendária (Confaz) divulgou nova tabela de Preços Médios Ponderados ao Consumidor Final (PMPF) de combustíveis em todo o país.

A tabela traz o preço de onze produtos nas 27 unidades da federação e foi publicada na edição de hoje do Diário Oficial da União (DOU).

Os novos valores passam a valer dia 1º de novembro. O PMPF é usado pelos estados como base para calcular o Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS), mas não define os preços na bomba de combustível dos postos.

 

 

FONTE AGORA RS

[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Geral

Máquina para capturar pernilongos está em testes

Reporter Plural

Publicado

em

Ilustração Google

A Empresa Metropolitana de Águas e Energia (EMAE) começou, no início deste mês, os testes de um equipamento para captura de pernilongos no Rio Pinheiros, nas imediações da Usina São Paulo, antiga Usina de Traição. A máquina, desenvolvida nos Estados Unidos com apoio técnico da NASA, imita a temperatura corporal humana para atrair o mosquito e, em seguida, utiliza um ventilador de vácuo para forçá-los a entrar na unidade.

Segundo a EMAE, o equipamento promete dar mais eficiência às ações, alcançar locais onde os barcos não chegam e reduzir custos. Informações preliminares dão conta de que mais de 3 mil pernilongos por dia podem ser absorvidos. Os custos, a eficácia e precisão do sistema ainda estão sendo analisados. Se a avaliação for positiva, o sistema poderá ser adotado.

Desde 2019, início do Programa Novo Rio Pinheiros, a EMAE vem fazendo o desassoreamento, a remoção de resíduos sólidos e de vegetação aquática, bem como a roçagem e limpeza dos taludes. Segundo dados divulgados pela empresa, foram retirados 240.595 m³ de sedimentos, o equivalente a capacidade de mais de 15 mil caminhões basculantes. Sobre o lixo flutuante, foram removidos mais de 12 mil toneladas de resíduos.

 

FONTE AGORA RS

[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Trending

© 2020 PORTALPLURAL.COM.BR Todos os direitos reservados.


×