Acidente na Avenida América – Portal Plural
Connect with us

Destaque

Acidente na Avenida América

Pável Bauken

Publicado

em



 

Na noite de sexta-feira ocorreu um acidente de trânsito na Avenida América em Santa Rosa. Uma motocicleta colidiu na traseira de um veículo que segundo testemunhas estava parado quando ocorreu a colisão.

O motociclista sofreu ferimentos, a Brigada Militar registra a ocorrência.

Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Destaque

Reconhecimento do Governo de SP pelo apoio no combate à pandemia

Pável Bauken

Publicado

em



O Governo do Estado de São Paulo, representado por suas Secretarias de Desenvolvimento Social, Educação, Saúde, Segurança Pública e Fundo Social de São Paulo, entregou um agradecimento oficial pela relevante contribuição da Biotecno à população de SP, neste momento de enfrentamento da emergência de saúde pública.

O agradecimento é relativo às doações efetuadas pela Biotecno para o Instituto Adolfo Lutz. Duas câmaras de conservação foram entregues à instituição para armazenamento de amostras da Covid-19 de todo estado de SP.

No agradecimento, o Governo do Estado de SP destaca que “a dignificante iniciativa, de elevadíssimo caráter humanitário, só vem a demonstrar o destacado comprometimento empresarial com a responsabilidade social e corporativa, em tempos tão difíceis.”

Em outro trecho, a carta expressa que “além de contribuírem para o resgate de vidas, as doações estão sendo revertidas para o sistema de saúde, de educação, de assistência social e de segurança pública, em sintonia com as necessidades da população”.

A carta entregue ao Diretor Comercial da Biotecno, Roberto Olivares, é assinada por Célia Parnes, Secretária de Estado de Desenvolvimento Social, Bia Doria – Fundo Social de São Paulo, Rossieli Soares da Silva – Secretário de Estado da Educação, Jean Gorinchteyn – Secretário de Estado da Saúde e General João Camilo Pires de Campos, Secretário de Estado de Segurança Pública.

A atitude de contribuir voluntariamente com organizações-chave no combate à pandemia é parte da nossa missão de conservar a vida, pois cultivamos um verdadeiro envolvimento com a saúde, a medicina e a ciência. Ao Governo do Estado de SP, nossos mais sinceros agradecimentos por este motivador reconhecimento.

 

[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Destaque

Projeto Plantando o Bem está em sua 3ª edição!

Pável Bauken

Publicado

em



Em parceria com várias instituições do município, o projeto Plantando o Bem, desenvolvido pela VIACERTA Financiadora, está entrando na 3ª edição, entregando novamente 100 cestas de alimentos para famílias carentes do município. Os alimentos que compuseram as cestas foram comprados por agricultores familiares do município, e entregues na residência dos beneficiados.

Desenvolvido pela VIACERTA Financiadora, o projeto Plantando o Bem está em sua 3ª edição, e nesta sexta e sábado entregará novamente 100 cestas básicas para famílias carentes do município de Santo Cristo. As cestas foram montadas de forma com que as famílias tenham uma alimentação natural e de qualidade, com produtos cultivados por agricultores do município. Ao todo, foram 21 famílias de agricultores que puderam dar destino às suas plantações e 100 famílias que receberam os 3 toneladas de alimentos. Para conhecer mais sobre o projeto e saber como participar, acesse as redes sociais da VIACERTA Financiadora.

O projeto Plantando o Bem é uma iniciativa da VIACERTA Financiadora com o intuito de unir esforços para beneficiar do produtor rural às famílias que precisam.

Desde a sua primeira edição, em maio, já distribuímos mais de uma tonelada de alimentos de qualidade, produzidos aqui no município, para famílias carentes. Já proporcionamos, assim, mais de 30.000 refeições completas a partir de uma cesta básica natural e de qualidade montada com itens da nossa terra, dos agricultores e da agroindústria local.

Para que o projeto possa acontecer, a VIACERTA conta com a importante participação de diversas empresas, entidades e pessoas físicas que auxiliam com materiais, veículos ou serviços, que são: ACERTA!, Tchê Milk, Doceoli, Lojas Hoje, Emater, Posto Ipiranga, São Luiz, Valdemar Schmitt e Abatedouro Gallas.

Acreditamos que com ações assim conseguiremos ajudar quem mais precisa, fomentar o bem entre as pessoas e fortalecer a comunidade local. Por isso, convidamos você leitor para juntar-se a nós nessa corrente do bem. O Plantando o Bem está só começando. Acesse as redes sociais da VIACERTA e saiba como participar. Juntos somos mais fortes.

O Plantando o Bem foi criado pela VIACERTA Financiadora e como objetivo estimular boas ações no município e região. Nos últimos meses vêm acontecendo uma união de esforços entre a VIACERTA e diversas empresas e entidades de Santo Cristo, para a criação da cesta da agricultura familiar, destinada às pessoas em vulnerabilidade do município.

Essa cesta foi montada com produtos cultivados pelos agricultores familiares de Santo Cristo. Pessoas que dependem da venda dos alimentos, e que viram o seu faturamento diminuir significativamente por conta da pandemia.

A VIACERTA fez a compra dos alimentos por um preço justo; adicionou itens como arroz, farinha e macarrão que foram comprados na cooperativa Coopasc; e a cesta foi complementada com alimentos lácteos que foram doados pelas empresas Doceoli e Tchê Milk.

Dezenas de famílias receberam a cesta de 35kg nos últimos 3 meses, totalizando mais de 30 mil refeições com alimentos naturais, de qualidade e da nossa terra. Ou seja, produtos da nossa comunidade para a nossa comunidade.

Para que o projeto possa acontecer, a VIACERTA conta com a importante participação de diversas empresas, entidades e pessoas físicas que auxiliam com materiais, veículos ou serviços, que são: ACERTA!, Tchê Milk, Doceoli, Lojas Hoje, Emater, Assistência Social, Posto Ipiranga, São Luiz, Valdemar Schmitt e Abatedouro Gallas.

A VIACERTA acredita que várias pequenas boas ações resultam em uma comunidade forte, unida e próspera. Por isso, convidamos você leitor para juntar-se a nós nessa corrente do bem. O Plantando o Bem está só começando. Acesse as redes sociais da VIACERTA e saiba como participar.

[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Destaque

Semestre registra menor número de mortes no trânsito do RS em 14 anos

Menor circulação em função da pandemia diminuiu mortes no trânsito

Pável Bauken

Publicado

em

- Foto: Ascom DetranRS

Com menor circulação de pessoas e veículos nas ruas em função da pandemia, o Rio Grande do Sul registrou, no primeiro semestre, o menor número de mortes no trânsito desde 2007, quando o DetranRS adotou a metodologia atual de acompanhamento dos feridos em até 30 dias depois do acidente. Foram 696 mortes em acidentes de trânsito de janeiro a junho de 2020, número 14% menor do que o verificado nos primeiros seis meses do ano passado. A redução semestral é a maior desde 2016, quando as mortes haviam caído 15% em relação ao mesmo semestre do ano anterior. O balanço da acidentalidade 2020 foi divulgado na quinta-feira (13).

Comparando-se ao primeiro semestre de 2019, verificou-se a redução da acidentalidade em todos os tipos de usuários (motoristas, pedestres, ciclistas etc.), exceto entre os motociclistas. Apesar da pandemia, o número de condutores de duas rodas mortos no semestre foi exatamente o mesmo do ano passado: 200 vidas perdidas.

Segundo o diretor-geral do DetranRS, Enio Bacci, há uma preocupação com esses condutores, muitos deles profissionais que seguiram trabalhando durante o período de isolamento social com o aumento da demanda por entregas. “Eles merecem uma atenção especial do Estado, assim como os profissionais da saúde, já que estão mais expostos, não somente ao vírus, mas também às ocorrências de trânsito, como nos mostram as estatísticas”, avaliou.

Alguns municípios destacam-se na redução da acidentalidade. Analisando-se os que registraram mais de 20 mortes na soma dos primeiros semestres de 2019 e 2020, Caxias do Sul, Pelotas e Gravataí tiveram as maiores reduções: 68%, 61% e 50%, respectivamente, representando 58 vidas preservadas no semestre somente nessas três cidades.

O registro de acidentes com morte também teve uma queda histórica. Foram 638 acidentes que resultaram em uma ou mais mortes no semestre. O número é o mais baixo da série histórica e 14% menor que no mesmo período do ano anterior, quando foram registrados 740 acidentes com mortes nas ruas e rodovias gaúchas.

[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Trending

×