A Caixa Econômica Federal lançou hoje (10) o edital de um concurso exclusivo para pessoas com deficiência (PcD) – Portal Plural
Connect with us

Destaque

A Caixa Econômica Federal lançou hoje (10) o edital de um concurso exclusivo para pessoas com deficiência (PcD)

Publicado

em



São oferecidas mil vagas para o cargo de técnico bancário novo, de nível médio, com remuneração inicial de R$ 3 mil. As inscrições já estão abertas no site da Cesgranrio e vão até o dia 27 de setembro.

A aplicação da prova está prevista para 31 de outubro. O edital e demais comunicados também estão disponíveis na página da organizadora do processo seletivo.

De acordo com o banco, além das mil vagas para contratação imediata, o edital prevê a formação de cadastro reserva. O candidato pode optar por trabalhar na rede de agências ou na área de tecnologia da informação (TI) da Caixa.

Além do salário, os benefícios oferecidos aos empregados do banco incluem participação nos lucros, plano de saúde, plano de previdência complementar, auxílio refeição e alimentação, vale transporte e auxílio creche. Segundo a Caixa, também há diversas ações de capacitação e oportunidades para ascensão e desenvolvimento profissional.

O banco tem hoje cerca de 3,5 mil empregados PcD. “Em 2019, a atual gestão assumiu com 1,5% de vagas ocupadas por esse público. Atualmente, 4,12% dos empregados do banco são PcD, o que representa a maior ação de inclusão da história da Caixa”, destacou a instituição em comunicado.

Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Destaque

Frango 40% mais caro: como a alta da conta de luz aumentou preço da ave em 2021

Publicado

em



Frango 40% mais caro: como a alta da conta de luz aumentou preço da ave em 2021

Alternativa mais barata à carne bovina, frango também se torna bem mais caro em meio ao avanço da inflação. Café e açúcar também registram forte alta.

Sob efeito da séria crise hídrica enfrentada pelo Brasil, o preço da energia elétrica residencial já acumula alta de 10,6% em 2021 e de 21% em 12 meses até agosto, segundo dados do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística).

O brasileiro já sentiu essa alta na hora de pagar a conta de luz nos últimos meses. Mas o aumento de preço da energia elétrica está batendo num outro lugar mais inusitado: no preço do frango que compramos no supermercado.

Segundo dados da Apas (Associação Paulista de Supermercados), divulgados em primeira mão à BBC News Brasil, o frango ficou 8,6% mais caro nos supermercados paulistanos apenas em agosto. Desde janeiro, a alta acumulada é de 21,42% e, em 12 meses, de 40,44%.
Com isso, o frango supera em aumento de preços a carne bovina, que teve alta de 0,15% em agosto e de 36% no acumulado de 12 meses.
E o aumento de custos chega também aos ovos de galinha, com alta de 1,46% em agosto e de mais de 20% em 12 meses.

“O caso do frango exemplifica o efeito dominó causado pelos aumentos da bandeira tarifária, já que a energia elétrica é fundamental para a criação de aves”, explica Diego Pereira, economista da Apas.

A bandeira mais cara das contas de luz já foi reajustada em 127% desde dezembro de 2020, com a cobrança adicional passando de R$ 6,24 a cada 100 kWh (quilowatt-hora) ao fim do ano passado, para R$ 14,20 em setembro deste ano.

Fonte: terra

[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Destaque

Feira reúne 6 mil vagas de emprego para pessoas com deficiência

Publicado

em



Segunda edição online da feira Inclui PCD oferece oportunidades em empresas como Magalu e IBM; evento ocorre de 20 a 24 de setembro e tem cargos desde trainee até gerência.

Embora a Lei de Cotas busque garantir a contratação de pessoas com deficiência no mercado de trabalho, quase 50% das vagas destinadas a esse público estão vazias. Para ajudar na conexão entre empresas e candidatos, a startup Egalitê realiza neste mês a segunda edição da Inclui PCD, feira de empregabilidade que, até agora, reúne mais de 6 mil oportunidades em empresas como Magalu, IBM, Mercado Livre e Itaú.

O evento ocorre entre os dias 20 e 24 de setembro, de forma online, com uma agenda de palestras em que as organizações apresentam seus planos de diversidade e inclusão, e especialistas discutem o futuro do trabalho. No site da feira, as companhias interessadas em contratar pessoas com deficiência (PCD) podem se cadastrar e disponibilizar as vagas. Já as pessoas que buscam um emprego podem conferir as oportunidades e se candidatar.

As vagas são para trabalhar em diversos setores, como administrativo, produção, tecnologia, financeiro e marketing, por exemplo. Há possibilidade de trabalho remoto ou presencial em diferentes Estados do País, e os cargos vão desde trainee até gerência.
Na primeira edição da feira, no ano passado, 200 empresas participaram, disponibilizando, ao todo, mil postos de trabalho. Na ocasião, mais de 8 mil conexões foram feitas por meio da plataforma.

Fonte: terra

[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Destaque

Anvisa aprova o medicamento Sotrovimabe para tratamento da covid-19

Publicado

em



O tratamento tem que ser iniciado logo após o teste positivo. A aplicação é de dose única, de 500 mg.

 

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovou autorização emergencial em caráter experimental de um medicamento para tratamento de pacientes com covid-19, o Sotrovimabe.

O remédio foi autorizado para uso em pacientes com quadros leve e moderado e com risco de evolução para uma situação grave. Ele é contraindicado para pacientes hospitalizados, que precisem de suporte ventilatório.

O medicamento não será disponibilizado para comercialização direta ao público, mas terá uso ambulatorial, devendo ser prescrito por um médico para que seja ministrado. O prazo de validade do produto é de 12 meses, armazenado em temperaturas de 2º a 8º.

Com relação aos aspectos clínicos, os resultados de eficácia demonstraram que o tratamento com uma dose de 500g resultou em uma redução clínica com significância estatística na proporção dos voluntários com covid-19 leve e moderada que participaram do estudo. concluiu Freitas.

É importante realizar o monitoramento da aplicação do remédio para mapear casos adversos. Atenção especial foi destacada pela área técnica para o uso em gestantes, para as quais deve ser avaliada com cuidado a relação custo-benefício.

A diretora também lembrou que a agência reguladora europeia para medicamentos já emitiu parecer apoiando uso do Sotrovimabe como opção de tratamento para pacientes adultos e adolescentes acometidos com covid-19.

Segundo o gerente-geral de medicamentos e produtos biológicos, Gustavo Mendes, o tratamento tem que ser iniciado logo após o teste positivo e, preferencialmente, até cinco dias do início dos sintomas. A aplicação é de dose única, de 500 mg.

Fonte: agenciabrasil

[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Trending

PLURAL AGÊNCIA DE PUBLICIDADE LTDA
ME 33.399.955/0001-12

© 2021 PORTALPLURAL.COM.BR Todos os direitos reservados.


×

Entre em contato

×