20 de setembro vai decolar o primeiro avião de Santa Rosa rumo a Porto Alegre – Portal Plural
Connect with us

Destaque

20 de setembro vai decolar o primeiro avião de Santa Rosa rumo a Porto Alegre

Publicado

em



 

Vinte de setembro. Uma das datas mais importantes da história do Rio Grande do Sul voltará a ser marcada, 184 anos depois do começo da Revolução Farroupilha, pelo início das novas rotas de voos comerciais regionais no Estado. No próximo 20 de setembro, decolarão os primeiros aviões da Two flex de Bagé e de Santa Rosa rumo a Porto Alegre, sob administração da Gol Linhas Áreas. Até 20 de dezembro, Rio Grande, São Borja, Santana do Livramento e Passo Fundo também serão atendidas pelo transporte aéreo.

O cronograma foi divulgado pelas companhias nesta quinta-feira (25/7), em cerimônia realizada no Salão Alberto Pasqualini, no Palácio Piratini, com presença do governador Eduardo Leite, do vice-governador Ranolfo Vieira Júnior, do presidente da Gol, Paulo Kakinof, do presidente da Two Flex, Rui Aquino, e do presidente da Frente Parlamentar da Aviação Civil Regional na Assembleia Legislativa, deputado Frederico Antunes.

“Um grande Estado como o nosso precisa de investimentos em logística que permitam aproximar e integrar as regiões, de forma que o melhor que o Estado tem, que é a sua gente, possa estar próximo dos grandes centros e, assim, todo o seu talento e a sua capacidade possam ser melhor aproveitados”, destacou o governador. “Por isso, além de projetos para rodovias, ferrovias e hidrovias, o incentivo à aviação regional é determinante para o desenvolvimento do Rio Grande.”

Até o final deste ano, haverá de três a seis voos semanais, com duração de 55 minutos a duas horas, operando nas seis cidades gaúchas. Os aviões utilizados serão Cessna 208, com capacidade para nove passageiros. As passagens começarão a ser vendidas no dia 6 de agosto no site da Gol, com valores entre R$ 400 e R$ 800 para cada trecho.

O presidente da Two Flex, Rui Aquino, o governador Eduardo Leite e o presidente da Gol, Paulo Kakinof – Foto: Gustavo Mansur/Palacio Piratini

Conforme o presidente da Gol, Paulo Kakinoff, a parceria com a Two Flex, em que uma é responsável pela administração e venda dos bilhetes e a outra, pela operação dos aviões, é inédita no país. Isso foi possível graças a uma das medidas assinadas pelo governador no início do mês (Decreto 54.686), que passou a permitir que as companhias exercessem as atividades no Rio Grande do Sul por meio de contratos comerciais com terceiros. “Cria uma capilaridade e democratiza o acesso ao transporte aéreo com a garantia e o suporte de uma grande companhia”, afirmou Kakinoff.

O deputado Frederico Antunes acrescentou que a capilaridade vai se estender, inclusive, para fora do país, já que o voo para Santana do Livramento pousará no município vizinho de Rivera, no Uruguai. “Vamos integrar ainda mais o Mercosul e promover o desenvolvimento de ambos os países”, ressaltou.

CALENDÁRIO
Datas anunciadas pela Gol para o início das operações nas cidades gaúchas

20 de setembro: Bagé e Santa Rosa
9 de novembro: Rio Grande
21 de novembro: São Borja
16 de dezembro: Santana do Livramento
20 de dezembro: Passo Fundo

Mais destinos em 2020

Assim como outras companhias aéreas, a Gol adiantou que, em 2020, pretende ampliar destinos e ofertas de voos no Estado. A partir de 1º de janeiro, entra em vigor o Decreto 54.685, que prevê a redução da base de cálculo do ICMS na compra de querosene de aviação no Rio Grande do Sul para até 2%, dependendo da quantidade de rotas ofertadas, a disponibilidade de assentos e a frequência de voos.

Quando esse benefício passar a vigorar, conforme representantes da Gol e da Azul Linhas Áreas, que opera com seis voos regionais no Estado, eles pretendem ampliar a oferta de voos e de municípios gaúchos atendidos.

Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Destaque

Veja algumas das principais datas do calendário eleitoral de 2022

Publicado

em



Os  prazos do calendário eleitoral de 2022 — aprovado pelo TSE (Tribunal Superior Eleitoral) — já estão contando. Desde 1º de janeiro, por exemplo, há a obrigatoriedade de registro de pesquisas eleitorais e a limitação de despesas com publicidade dos órgãos públicos federais, estaduais ou municipais.

Outro período importante na corrida eleitoral está entre 3 de março e 1º de abril. É quando estará aberta a “janela partidária”, em que parlamentares eleitos pelo sistema proporcional (deputados estaduais, federais e vereadores) podem trocar de partido sem perder o mandato. A  regra não se aplica aos senadores que são eleitos pelo sistema majoritário, em que se elegem os candidatos com os maiores números de votos.

Uma novidade nesta eleição é a vigência da EC (Emenda Constitucional) 111, promulgada pelo Congresso Nacional em 28 de setembro do ano passado. Ela muda a data da posse do presidente da República e dos governadores eleitos. As datas das posses passarão de 1º de janeiro para 5 de 6 de janeiro, respectivamente. Mas essa mudança só vai vigorar a partir de 2026.

Veja a seguir as algumas das principais datas das eleições de 2022

1º de janeiro –  Início da obrigatoriedade de registro de pesquisas eleitorais no TSE.

3 de março a 1º de abril –  Janela partidária para deputados e vereadores trocarem de partido sem perda de mandato

2 de abril –  Fim do prazo para desincompatibilização de governadores e prefeitos que pretendam concorrer a outros cargos.

4 de maio – Fim do prazo para transferência ou solicitação do título de eleitor. Pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida podem solicitar a mudança de circunscrição até 18 de agosto.

11 a 13/maio –  Teste de confirmação da segurança do sistema eletrônico de votação, na sede do TSE, em Brasília.

15 de maio – Início da arrecadação de recursos para as campanhas via financiamento coletivo.

1º de junho –  Último dia para que partidos políticos comuniquem ao TSE a renúncia ao Fundo Especial de Financiamento de Campanha (FEFC).

16 de junho –  Divulgação, pelo TSE, das quantias disponibilizadas aos partidos pelo FEFC.

30 de junho – Vedada a transmissão de programa apresentado ou comentado por pré-candidata ou pré-candidato.

20 de julho a 5 de agosto –  Prazo para realização das convenções partidárias.

12 de agosto – Data final para publicação, pelo TSE, da tabela que servirá de base para a divisão do tempo de propaganda eleitoral gratuita no rádio, na televisão, de acordo com a representação no Congresso Nacional.

15 de agosto – Prazo final para solicitação de registro de candidaturas.

16 de agosto a 1º de outubro – Propaganda eleitoral autorizada, inclusive na internet.

26 de agosto a 29 de setembro – Propaganda eleitoral gratuita no rádio e na TV. No caso das eleições para o Senado ela ocorrerá às segundas, quartas e sextas: das 7h às 7h05 e das 12h às 12h05, no rádio das 13h às 13h05 e das 20h30 às 20h35, na televisão

2 de outubro – Primeiro turno das eleições

30 de outubro – Segundo turno das eleições, caso necessário (apenas para presidente da República e governadores).

12 de setembro – Fim do prazo de apresentação das prestações de contas parciais das campanhas.

1º de novembro –  Fim do prazo de apresentação das prestações de contas finais das campanhas do primeiro turno.

[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Destaque

SAMU do Vida & Saúde registrou aumento de atendimentos em 2021

Publicado

em



O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) encerrou 2021 com 2.325 atendimentos em Santa Rosa. Gerenciado pelo Hospital Vida & Saúde, o Serviço é fundamental para o pronto atendimento de situações de urgência e emergência. Além de Santa Rosa, o Vida & Saúde é responsável pelo gerenciamento do serviço nos municípios de Giruá, Horizontina e Três de Maio, que juntos contabilizaram 1.662 atendimentos ao longo do ano passado.

Em Santa Rosa, os atendimentos tiveram um aumento significativo em relação ao ano anterior, quando foram registrados 2.168 atendimentos. No mesmo sentido houve aumento nos atendimentos dos demais municípios. Para o gerente de urgência e emergência, enfermeiro Silvano Cervo, o aumento no número de atendimentos está relacionado com o atendimento de pacientes COVID e a demanda de casos de urgência de pacientes com outras patologias.

Com média de 291 atendimentos por mês, Santa Rosa conta com duas ambulâncias: uma de suporte básico e outra de suporte avançado – que também atende os 22 municípios da 14ª Coordenadoria Regional de Saúde (CRS). Os municípios de Giruá, Horizontina e Três de Maio contam com uma ambulância de suporte básico em cada base do Serviço.

Comparativo de atendimentos SAMU na região:

Município 2020 2021
Giruá 401 501
Horizontina 334 335
Três de Maio 781 826
[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Destaque

Comunicado Vida & Saúde

Publicado

em



O Hospital Vida & Saúde vem através deste comunicado, solicitar a compreensão da comunidade. Neste momento de elevado número de atendimentos de pacientes com sintomas respiratórios e outras patologias, solicitamos que as pessoas procurem atendimento na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) apenas em casos de sintomas graves. Pacientes que apresentarem sintomas leves e/ou moderados devem procurar atendimento nas Unidades Básicas de Saúde.A rápida proliferação do vírus da COVID-19 resultou em uma grande procura por atendimento, aumentando consideravelmente o tempo de espera. Neste sentido, solicitamos a compreensão e o apoio da comunidade, cientes que a Instituição está fazendo o possível para manter o atendimento.

[mailpoet_form id="1"]
Continue Lendo

Trending

PLURAL AGÊNCIA DE PUBLICIDADE LTDA
ME 33.399.955/0001-12

© 2021 PORTALPLURAL.COM.BR Todos os direitos reservados.


×

Entre em contato

×